Na sexta-feira, o Impostmetro mostrar que este ano os brasileiros j pagaram R$ 800 bilhes em tributos, mas os servios pioram cada vez mais.

Carlos Newton

um marcador digital que se movimenta com incrvel velocidade. Registra com preciso, em tempo real, quanto os brasileiros pagam de impostos aos governos federal, estadual e municipal. Este sexta-feira, por volta das 13 horas, vai ultrapassar a marca dos R$ 800 bilhes.

A estimativa do IBPT (Instituto Brasileiro de Planejamento Tributrio) e da ACSP (Associao Comercial de So Paulo). Os especialistas da entidadesalientam que a arrecadao de impostos no Brasil “vem em um crescendo, com as marcas alcanadas com antecedncia cada vez maior em relao aos anos anteriores”.

Em 2010, esta marca de R$ 800 bilhes foi registrada no dia 22 de agosto. Em 2009, no dia 8 de outubro e, em 2008, no dia 7 de outubro. Ou seja, a cada ano, a voracidade fiscal aumenta, de forma impressionante.

Segundo estudos do IBPT, a previso do instituto de que a arrecadao em 2011 chegue a R$ 1,4 trilho, cerca de R$ 200 bilhes a mais do que no ano passado.

Em tudo o que fazemos, desde o momento em que acordamos, estamos pagando impostos. O sistema tributrio brasileiro est excessivamente moldado para tributar o consumo. Nos pases desenvolvidos, ocorre o inverso, tributa-se menos o consumo e mais a renda e o patrimnio’, afirma, Gilberto Luiz do Amaral, gerente de estudos do IBPT, mostrando a injustia social praticada no Brasil.

Se os impostos fossem utilizados para melhorar a qualidade de vida da populao, tudo bem. Mas na verdade os servios pblicos bsicos esto em processo de franca decadncia, e grande parte da arrecadao acaba desviada pela corrupo que grassa na administrao pblica, em seus trs nveis federal, estadual e municipal. Esta a realidade brasileira, no h a menor dvida.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.