Não é preciso defender “Diretas já”, o que devemos exigir é “Constituinte já”

Resultado de imagem para fora temer

Todos pedem “Fora Temer”, mas ninguém pede “Volta Dilma”…

Ronaldo Conde
Blog Penedo

Recebi inúmeras mensagens sobre as manifestações “Fora Temer”. Não vi nenhuma manifestação “Volta Dilma”. Mas isto é um detalhe. Os manifestantes são equivocados, mas não são loucos. Vi candidatos a prefeito e vereador em meio ao povo, como o patético Suplicy, que, para não passar em branco, teve a carteira batida. Deve ter concluído que o punguista que levou os seus caraminguás deve ser um fascista disfarçado. O fato é que Suplicy sempre faz das suas: desde deitar-se no chão e sair carregado como se fosse (ele próprio) um ataúde, como ser tungado em meio a uma garotada que não estuda, não pensa e não sabe o que diz – cujos palpites são sempre infelizes. Sou um permanente saudoso de Noel. Desculpem.

Muitos amigos que sinceramente respeito e admiro, admitem que esse é o momento exato de pedir “diretas já”. Impossível. Nenhum dos três grandes partidos – PT, PSDB e PMDB – por razões diversas vão defender esta causa.

SEM INTERESSE – O PT saiu do episódio do impeachment muito queimado e foi levado à UTI, onde lambe suas feridas, que são muitas. O PT, que levará uma tunda nas próximas eleições, sabe que perderia qualquer corrida presidencial, cabendo-lhe papel subsidiário no processo. PSDB tem uns cinco possíveis candidatos – e a defesa de eleições diretas produziria o esfacelamento do partido, que, pior ainda, não tem uma ideia clara do que faria na presidência. O PMDB é, hoje, o menos interessado nessa história de “diretas, já”. Como dizia brincando o meu velho mestre Manuel Maurício, as “tais massas” não teriam condições de levar o processo sem os partidos.

A versão 1983-1984 (das Diretas já) aconteceu numa conjuntura muito própria: todos os partidos, da direita à esquerda estavam unidos, governadores de estados vitais, como Brizola, Tancredo e Montoro, se engajaram, lideranças como Covas, Ulisses, Richa, entre outros, lideranças e nomes civis (Sobral Pinto, Faoro) estavam à frente do movimento.

Teríamos, nos dias atuais, gente desse quilate? Comparem: o governador do Rio de Janeiro, além de gagá, mal consegue pagar os funcionários; o de Minas vive acuado pelo Lava Jato; o de São Paulo, bem, é uma lástima. O inimigo era um só, as eleições indiretas e o estertor da ditadura, o que facilitou a união dos partidos.

LEGADO PETISTA – Claro, o Brasil está num beco sem saída. Comparo o legado petista à destruição da Síria. Agora mesmo vi que a Polícia Federal desencadeou uma operação contra fraudes nos quatro maiores fundos de pensão. Por isso, acho, no mínimo, curioso um conhecido meu me informar que o governo Temer é corrupto. Acho que esse amigo meu, que admiro, está sofrendo de demência senil, pois alterna risos, frases desconexas e raciocínios claros. A confusão mental é grave – e em geral desemboca no uivo final. Bem verdade que ninguém está livre disso. Mas isto é outra história.

Melhor que “Diretas já” talvez fosse melhor defender “Constituinte já”, além de mudanças de uma legislação superada, contraditória e equivocada. A mobilização tinha que ser nesse sentido, estabelecendo novas e modernas regras e leis voltadas para a vida política brasileira, cujos escombros são visíveis. A pressão popular tem que ser nesse sentido, embora as dificuldades sejam muitas e grandes.

NOTA NECESSÁRIA – Ouvi, gravei e transcrevo as palavras de uma militante petista, muito bonitinha (desculpe o escorregão machista): “Luto contra a direita porque sou de esquerda. Eles não são como a gente, porque nós somos de esquerda e eles são de direita. Somos de esquerda porque lutamos ao lado do povo. Eles odeiam o povo. Nós amamos o povo”. Tal ideário faria Lindenberg chorar de emoção.

Eu, na idade da menina, militava na Polop, participava de grupos de estudo da obra de Marx – e já tinha lido obras máximas da literatura mundial e brasileira. Digo isto não para me valorizar, nem para desvalorizar a jovem, mas para dizer a todos que o meu lema de vida veio de uma música do Paulinho da Viola, com quem – criança – joguei pelada nas ruas Fernando Guimarães: “a vida não é só isso que se vê – é um pouco mais”. Esse pouco mais é o que falta à maioria dos manifestantes petistas.
                              (artigo enviado pelo comentarista Mário Assis Causanilhas)

19 thoughts on “Não é preciso defender “Diretas já”, o que devemos exigir é “Constituinte já”

  1. Também comungo do mesmo entendimento do articulista, na verdade “Diretas já” também seria um golpe à Constituição Federal, a exemplo do GOLPE deflagrado por Lula, Renan Calheiros, Ricardo Lewandowski et caterva.
    Considerando que a nossa amada pátria mãe gentil Brasil se encontra em uma sinuca de bico, os brasileiros e as brasileiras de bem e do bem deveriam voltar às ruas e praças desse país continental para defender imediatamente a instalação de uma “Assembléia Nacional Constituinte”, para que façamos imediatamente mudanças em toda a legislação brasileira (tributária, penal, processual penal, entre outras) superada, contraditória e equivocada.
    Penso, salvo melhor juízo, que a única saída é a mobilização para a CONSTITUINTE JÁ a fim de que possamos estabelecer um NOVO CONTRATO SOCIAL, com novas e modernas regras e leis voltadas para a vida política brasileira, cujos escombros são visíveis.
    A pressão popular tem que ser nesse sentido, embora as dificuldades sejam muitas e grandes, porque essa corja desclassificada de políticos que temos, sobretudo aqueles que estão arrolados na operação LAVA JATO, certamente dificultarão em demasia esse nosso anseio de fundar uma VERDADEIRA REPÚBLICA, onde a COISA PÚBLICA seja de TODOS e não de uma MINORIA PRIVILEGIADA.

  2. Onde se lê “a exemplo do GOLPE deflagrado por Lula, Renan Calheiros, Ricardo Lewandowski et caterva” leia-se “a exemplo do GOLPE deflagrado por Lula, Renan Calheiros, Ricardo Lewandowski et caterva na sessão de julgamento do dia 31.08.2016 do IMPEACHMENT da madame, quando FATIARAM a CONDENAÇÃO da presidente afastada”, pois na verdade quem foi ESTUPRADA foi a NAÇÃO BRASILEIRA, o POVO BRASILEIRO com esse fatiamento do IMPEACHMENT e não a Lei Maior do país.

    • Prezado Belem
      Permita-me assinar embaixo do artigo e de seus comentários.
      Boas considerações e verdades absolutas.
      Nosso país é um carro caindo os pedaços! Qualquer motorista que colocarmos, sem uma reforma geral, nos levará aos trambulhões.
      Pena que poucos conseguem entendem e se posicionar em defesa do correto.
      Abraço e saúde.
      Fallavena

      • Prezado Antonio Carlos Fallavena,
        Desde já antecipo os meus agradecimentos pelas palavras empenhadas.
        É uma pena que apenas o caro amigo tribunário percebeu o que realmente precisamos fazer IMEDIATAMENTE.
        Na ASSEMBLÉIA NACIONAL CONSTITUINTE poderemos deliberar sobre tudo, como por exemplo: voto facultativo, URNAS ELETRÔNICAS com a possibilidade de RECONTAGEM dos VOTOS, acabar de uma vez por todas com o QUINTO CONSTITUCIONAL, no poder judiciário brasileiro o ingresso só se fara mediante concurso público de títulos e provas, para os tribunais superiores serão nomeados ministros aqueles que forem escolhidos em eleições das quais participarão os membros do poder judiciário brasileiro, extirpar com essa balbúrdia de termos atualmente em torno de 30 ou 35 partidos políticos se não me falha a memória, entre tantos temas que são relevantes para que o Brasil avance, enfim, precisamos endurecer com toda a legislação brasileiras para acabar de uma vez por todas com essa CORRUPÇÃO endêmica.
        Precisamos fundar uma VERDADEIRA REPÚBLICA DEMOCRÁTICA.
        O problema do Brasil volto a afirmar é ESTRUTURAL e não CONJUNTURAL.
        Não podemos mais aceitar esse ESTADO COMUNISTA/SOCIALISTA em que estamos vivendo.

  3. Sr. Newton, e lá estão eles,PSD-PTB-PP inclusive o Partideco do Presidente Eleito Pela Constituição Brasileira,, tão defendida pela nossa Dona janaina.
    A famosa Califórnia Brasileira toda envolvida em corrupção, a Prefeitura de Ribeirão Preto, pouco mais de 400 km de São Paulo, sob o comando da Prefeita do PSD , partideco do kassab.
    A propósito Sr. Newton, veja que o PP Partido da Senadora ana amélia, tão revoltada com a corrupção deste Páis se envolve novamente em roubalheira, assim como na Lava-Jato..

    http://www1.folha.uol.com.br/poder/2016/09/1809212-pf-deflagra-operacao-na-prefeitura-de-ribeirao-preto.shtml

  4. E eu achando que o Kassab tinha saído da Prefeitura de São Paulo direto para o Ministério do pt e seu partido (do Kassab) recém criado servindo na base de apoio da petralhada.

    • Luchetta,
      kassab e seu Partideco apoia o desgoverno do temer/dilma lá em Brasília e aqui em são Paulo tem coligação com o PMDB da dona marta suplicio, com candidato a vice´-prefeito, andrea matarrazo que há dois meses atrás estava filiado ao Partideco da Dona Henriquetta de Paris…….
      Percebeu que politicalha…

      • Então, parece que eu estava certo, já que você não disse o contrário: Kassab participou do ministério do pt e o partido que ele criou serviu de base para a petralhada.

        Tá vendo, ainda lembro de coisas de 2 ou 3 anos atrás.

        • kassab participou de muitas coisas, inclusive em São Paulo.
          Alguns lamaçais de corrupção na Prefeitura quando era ligado ao Zé Vampiro da Móoca e depois quando assumiu como Prefeito.
          Depois com võos mais altos, caiu nos Ministério da dilma/temer e agora com o novo Ministério do temer/dilma.
          Não se preocupe as Tetas são bem grandonas…….

          • Caiu?
            Nossa, como são ingênuos esses petistas que nunca sabem da nada.
            Das duas uma: ou são ladrões ou extremamente incompetentes para gerir a coisa pública.
            De qualquer maneira, eles devem ser presos, junto com o Kassab se algo for provado contra ele.

  5. Nem tico, nem taco. O que nós precisamos é restabelecer a ordem antes de tomar qualquer caminho que mude as regras do jogo. Temos que cuidar é de enxugar a máquina, de administrar o País para valer, sem politicagem.

    Já chega de política! Há dois anos o Brasil parou por causa dela e até hoje não retomou seu rumo.

    De que adianta reformar a Previdência se antes não se arrumar a pasta? De que adiantarão novas regras apenas para os beneficiários se não se mudar sua estrutura administrativa, onde a corrupção come solta? Se continuar assim, vai continuar dando prejuízo.
    Assim como a Previdência, todos os outros setores carecem de uma boa e urgente faxina estrutural. Sem isso, qualquer alteração em qualquer regra do jogo vai ser trocar seis por meia dúzia.

    Os dois anos e pico que cabem ao Temer são perfeitamente suficientes para botar a casa em ordem, é só querer e deixar essa exacerbação política em banho-maria.

    • O senhor é que é grande!!! sou um simples comentarista, de que me foge o tempo!!!

      A UDN morreu na Frente Ampla!!! Sou (pe)emedebista … e o senhor sabe muito bem que a maioria dos fundadores do MDB era de trabalhistas.

      Temer em 1963, graduou-se em direito pela Universidade de São Paulo (USP), onde atuou ativamente na política estudantil. Ao longo da década de 1960, trabalhou como advogado trabalhista, oficial de gabinete de José Carlos de Ataliba Nogueira … wikipedia

      https://pt.wikipedia.org/wiki/Jos%C3%A9_Carlos_de_Ataliba_Nogueira … Como político foi fundador do Partido Social Democrático, deputado federal pelo estado de São Paulo e secretário da educação deste mesmo estado[1].

      Em 1981, Temer filiou-se ao PMDB. … Minha filiação foi em 1974, após promessa de abertura do Geisel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *