Neymar ganha os jogos e ajuda o arcaico e ultrapassado Felipão

Neymar celebra o gol que marcou na vitória de 2 a 0 do Brasil sobre o México na Copa das Confederações Foto: YURI CORTEZ / AFP

Helio Fernandes

Logo depois do jogo com o Japão, protestei (fui o único) contra o fato de todas as legendas estarem escritas Brazil, com esse Z intolerante. Afirmei que foi ordem da Fifa. Ontem, modificação, com Brasil como é no próprio país.

O jogo Brasil X México teve tudo para ser um videotape do primeiro, com o Japão. Neymar fez um golaço contra o Japão, repetiu hoje. Dois golaços iguais, só mudou o tempo, de 3 para 8 minutos.

Depois, um vazio até Jô entrar faltando os mesmos 10 minutos do jogo anterior. Recebeu a bola em jogada genial de Neymar, fez outro gol. Já estávamos nos descontos, acabou, o Brasil classificado.

Fred novamente em dívida com todos e com ele mesmo. Garantiu pelo menos meio gol por jogo, só aumentou o prejuízo.

NA PISTA

Felipão ficou na pista, fazendo diversos movimentos com as mãos, parecia o malabarista de Nossa Senhora, como no conto famoso de Anibal Machado (irmão de Cristiano Machado, escolhido pelo PSD, em 1950, para ser derrotado por Vargas).

Pela derrota anunciada, logo depois da derrota do Brasil para o Uruguai, também em 1950, Cristiano ganhou o cargo de embaixador no Vaticano.

E Neymar? Ganha os jogos. Faz gols históricos e ajuda o arcaico e ultrapassado Felipão.

 

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

4 thoughts on “Neymar ganha os jogos e ajuda o arcaico e ultrapassado Felipão

  1. Bem que poderíamos reformular a seleção, ou melhor o padrão de jogo. Basta tirar Felipão e Parreira, escalar um jogador de meio campo capaz de organizar o jogo (existe?). Manter o plantel porque é o melhor que temos e rezar para não pegarmos a seleção da Espanha porque, caso contrário, levaremos o mesmo baile que o Santos tomou do Barcelona.

  2. Eu duvido que o Brasil leve baile da seleção da Espanha, duvido!O time não está ainda no ponto, mas evoluiu e está jogando com mais personalidade.Eu sou otimista, e,o pessimismo não faz parte da minha praia.Tenho dito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *