Nunca se viu um elenco tão variado de golpistas

Charge do Sponholz (sponholz.arq.br)

Ruy Castro
Folha

Já vivi vários golpes de Estado e todos me pegaram de surpresa. Nada demais nisto, nunca participei de qualquer governo, nem podia saber que havia um golpe em curso. O incrível é que esses golpes pegaram de surpresa também os governos que derrubaram. Claro – ou não seriam golpes.

O golpe que vem sendo denunciado pelo governo Dilma é diferente. Dá-se à luz do dia, tramado por 73% da população, que desaprova o dito governo, sob as barbas do Senado Federal, da Câmara dos Deputados, de membros do STF, da Procuradoria Geral, do Ministério Público, da Polícia Federal, da OAB e de outras instituições da República, que nada fazem para impedi-lo, e obedece a um complexo ritual de trâmites, todos com data marcada com meses de antecedência. E, contrariando a natureza dos golpes, em que os golpistas atuam embuçados e na sombra, neste eles vêm à boca de cena e se identificam publicamente.

Na terça última (29), inúmeras categorias profissionais ocuparam as páginas dos jornais dizendo que gostariam de ver a presidente pelas costas. E se assinaram: fabricantes de sorvete, chocolate, biscoitos, balas, doces e derivados; plantadores de milho, cana e amendoim e produtores de óleos e azeites, leite, soja e macarrão. Sindicatos das indústrias de tintas e vernizes, cerâmicas e olarias, parafusos, porcas, rebites e similares, de artefatos de metais ferrosos e não ferrosos, de curtimento de couros e peles e de extração de mármores, calcários e pedreiras.

Industriais da cerâmica de louça e porcelana, da recauchutagem de pneus e retífica de motores e do beneficiamento de fibras vegetais e descaroçamento de algodão. Alfaiates, gráficos, farmacêuticos, misturadores de adubos, criadores de suínos e controladores de pragas urbanas. Etc. etc. etc.

Nunca se viu um elenco tão variado de golpistas.

6 thoughts on “Nunca se viu um elenco tão variado de golpistas

  1. Em O GLOBO
    ………………………………………………………………………………………………………………………….
    Delações da Andrade Gutierrez ligam propina de Petrobras e Belo Monte a campanhas de Dilma.
    por Jailton de Carvalho
    07/04/2016
    O ex-presidente da Andrade Gutierrez, Otávio Marques de Azevedo, disse, em delação premiada, que fez doações legais às campanhas de Dilma Rousseff (PT) e de seus aliados em 2010 e 2014 utilizando propinas vindas de obras superfaturadas da Petrobras e do sistema elétrico, mais precisamente na Usina de Belo Monte. Segundo a GloboNews, o consórcio formado por construtoras da obra no Pará teria combinado de pagar 1% do valor dos contratos, num total de R$ 150 milhões de propina divididos entre PT e PMDB.
    http://oglobo.globo.com/brasil/delacoes-da-andrade-gutierrez-ligam-propina-de-petrobras-belo-monte-campanhas-de-dilma-19035886#ixzz45ABl8ywM

    • Não podemos esmorecer agora na decisão por pênaltis ! A hora é agora ! Concentração em Brasília !!
      RECADO IMPORTANTE:
      Os movimentos pró-impeachment estão organizando caravanas rumo à Brasília para o dia do juízo final. Entrem em contato.
      A operação “Invasão à Brasília” começou !!!

  2. No entanto Dilma e uma legião de “cumpanheiras” , denunciam o novo vazamento seletivo da Lava Jato em meio “bandeiras, cartazes e camisetas contra o impeachment,entoando músicas e chamando os veículos de comunicação de golpistas. “Os gritos interromperam o evento mais de uma vez, o que levou o mestre de cerimônia a pedir calma para as mulheres ” tendo o cara , na lata , sido então chamado de “machista” pela plateia e levado uma bronca da Presidenta :
    “Calma , companheiros de protocolo.Não vou cometer aquela frasesinha que os nossos companheiros do protocolo cometeram contra nós, disse ela.” ( ? )
    No Planalto transformado em circo , “a petista afirmou que nos próximos dias poderão haver vazamentos oportunistas e seletivos e informou que pediu ao Ministério da Justiça que tome medidas judiciais cabíveis”.
    http://www1.folha.uol.com.br/poder/2016/04/1758486-para-dilma-delacao-da-andrade-tenta-criar-ambiente-propicio-ao-golpe.shtml

    • Como dizia Sun Tzu, o bom general sempre deve deixar uma saída para o inimigo. Só que a saída republicana, que seria a formação de um governo de verdadeira união nacional, com um ministério de notáveis competentes, escapa à compreensão do PT porque significa o fim da boquinha. E a saída honrosa pessoal, que seria a renúncia, esbarra na prepotência e incompreensão da presidente. Então fica berrando nesse palanque, imaginando talvez que está fazendo alguma coisa como a Campanha da Legalidade capitaneada por Brizola para defender a posse de Jango em 1961, e se esquecendo de que as personagens, as circunstâncias e a opinião do povo estão muito diferentes.
      Só espero que não nos vejamos na necessidade de tirar a prova prática de que o inimigo mais perigoso é o inimigo encantoado…

  3. Estadão
    —————————————————————————————————————–
    Líder do DEM no Senado, Caiado disse que Ministério da Fazenda adiantou pagamentos e priorizou emendas individuais .
    “O governo está lançando mão de todo tipo de artifício para impedir o impeachment”
    O senador mostrou que, em decreto do dia 30/03, sobre a limitação de movimentação financeira, a presidente Dilma manteve o contingenciamento da verba para emendas de bancadas estaduais, mas liberou o pagamento de R$ 6,6 bilhões para emendas individuais.(…)
    O líder do PPS na Câmara, Rubens Bueno (PR), comentou nesta manhã o conteúdo da delação premiada do ex-presidente da Andrade Gutierrez, que teria admitido propina para as campanhas presidenciais de Dilma Rousseff em 2010 e 2014.
    “Onde você mexer vai encontrar rastro de dinheiro fácil para financiar campanhas. Estamos falando de crimes da maior gravidade que o País nunca viu.”(…)
    Já o deputado Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força (SD-SP), voltou a dizer que
    “O governo começou aqui a comprar votos”. Segundo Paulinho, o governo teria chamado um antigo colaborador, Walfrido Mares Guia para atuar nos bastidores.
    “O governo mandou buscar um operador em Minas Gerais para comprar deputados”, insistiu.(….)
    Humberto Costa (PT-PE), minimiza:
    “É um desespero da oposição, que vai tentar qualificar o trabalho que está sendo feito de reaglutinação da base como compra de votos e troca de favores”.
    Para impedir a liberação de emendas parlamentares de forma seletiva, Caiado e o deputado Pauderney Avelino (DEM-AM) entraram com mandado de segurança preventivo no Supremo Tribunal Federal.(…)
    http://politica.estadao.com.br/noticias/geral,caiado-acusa-governo-de-usar-emendas-parlamentares-em-troca-de-votos-contra-o-impeachment,10000025365

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *