O alvo é a Petrobras

Carlos Chagas

As coisas nunca são como parecem. Deve-se desconfiar de tudo. Claro que jamais se duvidará da existência da quadrilha que assaltou a Petrobras, certamente há muito tempo. Da mesma forma, é evidente o anseio nacional de que todos os bandidos devem ser julgados e duramente punidos, desde os diretores e funcionários da estatal até os empreiteiros, sem esquecer os políticos cuja divulgação dos nomes já tarda. Cadeia neles!

No entanto… No entanto, é preciso prospectar mais fundo. Atentar para o que se passa nas camadas ocultas desse escândalo monumental. Uma conspiração está em marcha, engendrada a partir da roubalheira, ou aproveitando-se dela, provavelmente desconhecida da maioria dos patifes que vinham assaltando os cofres públicos. Paranoias à parte, conspiração planejada lá fora, com as mesmas ramificações nacionais de sempre.

Numa palavra, aproveitaram ou até estimularam a crise na maior empresa brasileira, única em condições de assegurar nossa soberania e alavancar nossa transformação em grande potência. O alvo é a Petrobras. Querem desmontá-la. Desconstruí-la. Impedir que possa impulsionar o desenvolvimento aqui nos trópicos.

É possível, mesmo, que algum dos corruptores agora denunciados faça parte desse conluio de objetivos antinacionais, mas contar os bilhões surripiados do nosso patrimônio importa tanto quanto verificar a blitz desenvolvida para enfraquecer e desmoralizar a empresa, limitando seus investimentos e, no final de tudo, para privatizá-la. Entregá-la ao capital internacional, ainda mais depois da descoberta das reservas nas profundezas do pré-sal.

Outra razão maior não existe para levar a Petrobras aos tribunais americanos e europeus. A imprensa internacional cumpre seu papel ao abrir amplos espaços para detalhar a lambança aqui acontecida, mas haverá no seu comportamento aquela intenção oculta de atingir as estruturas da estatal petrolífera.  Logo uma campanha monumental estará sendo desencadeada, certamente com a participação de setores da nossa mídia.

Antes mesmo de sua criação a Petrobras vem sofrendo bombardeio permanente, aliás, denunciado por seu criador, Getúlio Vargas, num dos mais importantes documentos da nossa história, a Carta Testamento. Governos brasileiros, de quando em quando, buscam sabotá-la, até com iniciativas histriônicas como a de Fernando Henrique Cardoso, que tentou rebatizá-la. As duas últimas administrações, sem consciência da importância e da simbologia da empresa, permitiram a abertura de seu flanco ao entregá-la ao PT e penduricalhos. Por certo que Lula e Dilma não formam no clube dos sabotadores, mas permitiram aos ladrões a ocupação da Petrobras. São igualmente culpados, ainda que em grau diferente do sociólogo.

Em suma, e repetindo a exortação para que corruptos e corruptores sejam logo postos atrás das grades, é necessário alertar para a conspiração em marcha: o alvo é a Petrobras!

59 thoughts on “O alvo é a Petrobras

  1. “Por certo que Lula e Dilma não formam no clube dos sabotadores…” (???????????????!!!!!!!!!!!!!!!!!). Caraca, seu Chagas!!!!!!!!!!!!!!!!! Vosmecê como sempre surpreendente, seu Chagas!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Certo estava o sábio Bob Fields, que tratava essa degenerada empresa por PETROSSAURO, antro de desmandos e desvarios, inclusive de seus (do senhor) admirados “lula” e “dilma”. Toma tenência, seu Chagas!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    • De Marco: Sábio na acepção da palavra é o jornalista Carlos Chagas. O Tal do BOB Field traiu o presidente João Goulart. Creio, que você é que deveria tomar tenência.

  2. Sr. Chagas :
    Claro que sua observação é importante. Tentaram tomar o poder ainda com Getúlio no Catete. Mas o suicídio adiou o plano deles em 14 anos. Deram as cartas na ditadura. Prepararam o sociólogo. Investiram no segundo mandado e, o próprio se encarregou das privatizações. Durante este período, o problema era o Brizola. Nada melhor que criar algo semelhante porém falso para contrapor ao líder gaúcho. Que tal Lula ? Um imbecil que não lê, sabe muito pouco das coisas da vida. Não esperavam que o molusco ganhasse vida própria e, no poder, reuniu o que havia de pior entre os ladrões , corruptos e canalhas da política. Enquanto isso o sociólogo entregava nosso patrimônio num artifício denominado Privatização. Seu plano final era entregar a Petrobras e Furnas. Esta resiste bravamente com técnicos brasileiros apaixonados pela Empresa. A Petrobras, ao contrário, é um cabide de emprego para os ladrões indicarem seus pistoleiros maviosos sem decência. Ela resistirá ? Os abutres continuam sobrevoando …

  3. Bom dia, senhoras e senhores!

    Caro CN … já que Carlos Chagas escreve: conspiração … … … lembro que em https://groups.yahoo.com/neo/groups/profecias/conversations/messages/8126 está:

    “Caro PV … Saudações!

    Fiz um resumo da questão NOVA ORDEM MUNDIAL:

    http://tribunadainternet.com.br/projeto-da-equipe-economica-depende-da-estabilidade-politica/

    Falta mostrar como a Bíblia ensina como se forma um Governo Mundial … e assim saberemos se está na hora!

    Estou precisando das Partes 17, 18, 19 e 20 do m3 ao (m3)3 … agradeço se alguém tiver e me devolver uma cópia!

    Abração!!!”

  4. Meu caro Carlos Chagas. Você nasceu, vive e provavelmente também vai morrer no Brasil. Porém parece
    que não conhece a “pátria amada”.
    Ver conspiração internacional numa roubalheira destas e ainda achar que o PT contribui para que a Petrobras
    seja privatizada pelos meios normais, acho uma estrema sandice.
    Dizer também que o verdadeiro culpado por isto tudo é o FHC, ai já acho que é caso de internação, ou então
    esta começando uma operação de camuflagem dos verdadeiros motivos da tramoia e o acobertamento dos
    principais responsáveis pelos fatos.
    Quem sabe não serão os governos de Cuba, Coreia do Norte ou da China, que estarão por trás disso? Não é
    também uma possibilidade?

  5. Inicialmente … vamos ler em http://www.defesanet.com.br/pensamento/noticia/12610/Pre-Sal—Guilherme-Estrella—O-homem-que-inventou/:

    11 de Outubro, 2013 – 11:13 ( Brasília ) … Pensamento … PRÉ-SAL – GUILHERME ESTRELLA – O HOMEM QUE INVENTOU … O homem que inventou o pré-sal levava mapa de campos da bacia de Santos no bolso
    A A A
    O ex-diretor da Petrobras, Guilherme Estrella, chamado de pai do pré-sal. Foto – Daniel Marenco/Folhapress
    O ex-diretor da Petrobras, Guilherme Estrella, chamado de pai do pré-sal. Foto – Daniel Marenco/Folhapress
    Nota DefesaNet
    Matéria publicada na Folha de São PAulo no dia 21 Setembro 2013.
    O Editor
    DEPOIMENTO A… DENISE LUNA … DO RIO
    Oito anos depois de aposentado, Guilherme Estrella foi chamado de volta ao trabalho. Dois anos depois da posse do presidente Lula, levava ao presidente os mapas dos gigantescos reservatórios do pré-sal brasileiro, concentrado na bacia de Santos. Virou o “pai do pré-sal” para Lula. Cotado para presidir a PPSA, que vai administrar os contratos de partilha do pré-sal, ele diz não querer nem pensar na possibilidade.
    Nasci durante a Segunda Guerra, justamente a responsável por fazer da geologia a ciência de maior crescimento na época. Os submarinos alemães se escondiam em formações geológicas em frente aos EUA, daí a necessidade de conhecer essa ciência.

    Fui o geólogo descobridor de um dos maiores poços da bacia do Recôncavo, Miranga, no interior da Bahia, que produz até hoje. A Petrobras produzia 100 mil barris por dia. Em 1966 fiz um levantamento de Alagoas até Vitória e encontrei formações favoráveis a muito petróleo.
    Tinha uma frase famosa, do geólogo americano Walter Link, de que o petróleo no Brasil era no mar, e não em terra. Com os primeiros dados, foi dada a autorização para contratar sonda e perfurar no mar.

    Na época do Geisel [presidente Ernesto Geisel, 1974-1979] fizemos a primeira perfuração no mar do Espírito Santo, no campo de Guaricema. Os testes indicaram óleo, mas subcomercial. Conta-se que Geisel não aceitou e disse que ia produzir de qualquer maneira, e acabou sendo a primeira descoberta relevante do Brasil.
    Descobrimos assim que as simulações que eram feitas antes estavam erradas.
    No início dos anos 1970 eram produzidos entre 5.000 e 10 mil barris por dia no mar.

    Voltei ao Brasil em 1978 e fui trabalhar na bacia do Espírito Santo. A bacia de Campos já produzia mais que as outras, mas é um estigma, eu nunca trabalhei na bacia de Campos. Vimos que o petróleo no Espírito Santo estava mais embaixo do que previra o Cenpes, centro de pesquisa da Petrobras.
    Perfurar mais fundo foi uma dica que veio de um geólogo franco-americano que trabalhava na Chevron. Ninguém vende uma informação dessa, ele nunca ganhou um tostão por isso.

    No final de 2005, o gerente-executivo Mario Carminatti me trouxe uns mapas da “picanha azul”, como ficou conhecida a área do pré-sal da bacia de Santos. Fui ao Gabrielli [José Sergio Gabrielli, então presidente da Petrobras] e ele me levou para a Dilma, que me levou ao Lula.
    Foi aí que começamos a fazer o marco regulatório, eu era o único geólogo naquelas reuniões do marco. O maior embate foi a Petrobras como operadora única, mas só inova quem faz, e decidimos manter assim.
    O Lula me chamava toda hora lá em Brasília para mostrar a apresentação de como era o pré-sal, já andava com o pendrive no bolso.
    Fiquei muito orgulhoso de participar do marco regulatório, mas vi que era a hora de parar. Estava com 70 anos. Trabalhava de 7h às 21h, morava em uma apart-hotel no Leblon, estava separado.
    Ocorreu uma revolução tecnológica, a Petrobras estava completamente diferente de quando cheguei.
    Ficou claro para mim que não dava mais, tinha que deixar a turma nova entrar.”

  6. Vamos destacar do depoimento do geólogo Guilherme Estrela:

    1 – Foi um AMERICANO que deu a dica: “Tinha uma frase famosa, do geólogo americano Walter Link, de que o petróleo no Brasil era no mar, e não em terra.”
    2 – Foi um FRANCO-AMERICANO quem deu outra dica: “Perfurar mais fundo foi uma dica que veio de um geólogo franco-americano que trabalhava na Chevron. Ninguém vende uma informação dessa, ele nunca ganhou um tostão por isso.”
    3 – São BRASILEIROS os responsáveis pelo marco regulatório, que tem resultado, desde 2009, na estabilização da produção da Petrobrás … é só clicar em meu nome que estão lá 2 infográficos … você constatará que a produção da Bacia de Campos está despencando, enquanto Outras Bacias compensa!!!

  7. Talvez, tudo começou quando Cabral descobriu o Brasil. Desde lá, já existia uma conspiração mundial para privatizar a Petrobrás. É, a idade está pesando em alguns comentaristas.

    • E em você está pesando a falta de educação, pois deve ser um jovem que pensa que nunca irá envelhecer. Ledo engano, meu caro, pois todos nós chegaremos lá, queira ou não, envelheceremos, a não ser que o destino interrompa o processo no meio do caminho.

      O Brasil está envelhecendo, já não somos um país jovem, mais a mentalidade atual envelhece as pessoas ainda jovens. Noutro dia, em um ônibus dois adolescentes conversavam sentados no banco amarelo destinado aos idosos. Quando um deles falou para o outro: ” esse banco é dos velhinhos, se um deles entrar, não vou levantar para dar o lugar”.

      Infelizmente falta de educação não é crime.

  8. Este pais não tem futuro. Quem mais contribui para o subdesenvolvimento do Brasil são os brasileiros… Enquanto não toma vergonha, para de culpar o mundo ( engraçado, o Brasil não pode desennvolver, mas coreia do sul eles deixaram …)vai ser sempre este paisinho ridiculo, que muda sua historia dependendo de quem ta no governo, um pais que nunca atigingiu o capitalismo, mas mesmo assim este e culpa de todo sofrimento do povo. Ridiculo este pais. Nao suporto mais brasileiros.

  9. Voltando ao tema CONSPIRAÇÃO … destaco a frase do Guilherme Estrela: “Ocorreu uma revolução tecnológica, a Petrobras estava completamente diferente de quando cheguei.”

    Ora, a revolução tecnológica aconteceu … e cadê o consequente aumento da produção??? ou houve algo mais??? ??? ???

    Por 2003 trabalhei em Silva Jardim e Casimiro de Abreu … em conversas com dono de pousada em Búzios, escutava dizerem que hospedavam estrangeiros que diziam haver petróleo em abundância … que transformaria a Costa Fluminense num dos lugares mais ricos da Terra … pois estavam acostumados a constatar a transformação que o petróleo provoca onde é encontrado em abundância – refinarias etc.

    Por 2010 fui trabalhar em São Francisco de Itabapoana – último município RJ, antes do ES – e verifiquei que o petróleo não fizera o município diferente … até os nordestinos da Empresa Gerenciadora comentavam que o NE estava em transformação e o Norte Fluminense estava ficando pior que o NE … … … e o petróleo saía exatamente do NF kkk snif KKK SNIFF SNIFFF

  10. Vejamos então como a Bíblia nos mostra como se forma uma Nova Ordem Mundial … como se tem um Governo Mundial … como se chega a uma Autoridade Política Mundial, conforme o Emérito escreveu ser necessário!!!

    1 – É preciso ter terra onde se desenvolva uma revolução tecnológica ímpar.

    2 – Precisa haver um povo que desenvolva esta revolução tecnológica ímpar (ou que a absorva de outro povo).

    3 – Aplicando esta revolução tecnológica aos aspectos militares, esse povo se impõe sobre os outros e se torna potência mundial única.

    4 – Com a aplicação mundial da tecnologia, esta deixa de ser ímpar (de um só povo).
    … … …
    Vamos lá??? para a Vitória Final do Imaculado Coração de Maria e do Sagrado Coração de Jesus!!! !!! !!!

  11. Esse idoso jornalista está tentando criar uma fala para Lula? Como dizia a refraudada presidente, fico estarrecida com essas tentativas. A roubalheira é criação petista, sr. jornalista; não queira aliviar para os responsáveis. Será que a filha do sr. Chagas está cotada para voltar ao governo?

    • Senhor Mara: O que a senhora tem contra o idoso? Carlos Chagas é jornalista e professor, portanto, desnecessário o adjetivo antes da palavra jornalista, o que denota um desprezível preconceito contra quem viveu muito tempo. A senhora gostaria que alguém no futuro se refira a si como aquela idosa ou que lhe chame pelo nome de batismo? Acredita mesmo que não passará dos 60 anos?

      Outra coisa. Um filho não pode ser condenado pela profissão do pai. A competente jornalista Helena Chagas tem vida própria.

  12. “1. Saul tinha… anos quando se tornou rei. Ele reinou… dois anos sobre Israel.

    17. Três destacamentos saíram do acampamento dos filisteus com o intuito de saquear: um tomou o caminho de Efra, para a terra de Saul; 18. o outro avançou pelo caminho de Bet-Horon; e o terceiro foi pelo caminho da fronteira que domina o vale de Seboim, do lado do deserto.
    19. Ora, não se encontrava um ferreiro em toda a terra de Israel, porque os filisteus diziam: Não deixemos que os hebreus fabriquem espadas ou lanças. 20. E por isso todos os israelitas tinham que descer aos filisteus para afiar cada um a sua relha, o enxadão, o machado ou a foice, 21. quando o fio das relhas, dos enxadões, dos forcados ou das cunhas se embotava, e para aguçar os aguilhões.
    22. E chegando o dia do combate, não se encontrou nem espada, nem lança nas mãos do povo que acompanhava Saul e Jônatas. Somente Saul e seu filho Jônatas estavam munidos dessas armas. (1Sm 13)
    … … …
    Os filisteus guerreavam com armas de ferro … tendo supremacia militar sobre Israel!!!

  13. “Enquanto lhes falava, eis que o campeão filisteu, Golias, de Get, avançou para fora das fileiras do seu exército, proferindo o mesmo desafio (como nos dias precedentes), que Davi escutou”. (1Sm 17,23) … … … é o encontro Golias x Davi.

    “Tenho a espada do filisteu Golias, respondeu o sacerdote, que tu mesmo mataste no vale do Terebinto. Está embrulhada num pano, atrás do efod. Se quiseres, podes tomá-la, pois não há aqui nenhuma outra. Não há outra igual, replicou Davi; dá-ma”. (1Sm 21,9) … “Este consultou o Senhor por ele e deu-lhe provisões, entregando-lhe também a espada do filisteu Golias”. (1Sm 22,10) … … … e Davi passou a ter espada de ferro (aço).

    E Davi passa temporadas com os filisteus:
    1 – “9. Tenho a espada do filisteu Golias, respondeu o sacerdote, que tu mesmo mataste no vale do Terebinto. Está embrulhada num pano, atrás do efod. Se quiseres, podes tomá-la, pois não há aqui nenhuma outra. Não há outra igual, replicou Davi; dá-ma. 10. Levantou-se Davi e prosseguiu sua fuga diante de Saul, indo para junto de Aquis, rei de Get. 11. Os servos de Aquis disseram ao rei: Não é este Davi, o rei da terra? Aquele de quem cantavam em coro: Saul matou seus milhares, mas Davi seus dez milhares? 12. Davi, impressionado com essas palavras, teve medo de Aquis, rei de Get. 13. Simulou loucura diante deles, comportando-se como demente: tamborilava nos batentes da porta e deixava correr saliva pela barba. 14. Aquis disse aos seus servos: Bem vedes que este homem está louco. Por que mo trouxestes? 15. Não tenho eu aqui loucos bastantes para me trazerdes ainda este, e me aborrecer com suas excentricidades? Ele não porá os pés na minha casa”. (1Sm 21)

  14. Outra temporada:
    “1. Dia virá, pensava Davi, em que perecerei pelas mãos de Saul! O melhor que posso fazer é refugiar-me na terra dos filisteus; Saul renunciará então a buscar-me por todo o território de Israel, e eu lhe escaparei. 2. Partiu, pois, Davi com seus seiscentos homens e foi para junto de Aquis, filho de Maoc, rei de Get. … 6. Aquis deu-lhe Siceleg. Por isso Siceleg ficou pertencendo aos reis de Judá até o presente. 7. O tempo que Davi passou na terra dos filisteus foi um ano e quatro meses. (1Sm 27)

    Fim da temporada:
    “1. Por aquele tempo, os filisteus mobilizaram suas tropas em um só exército para combater contra Israel. Aquis disse a Davi: Sabe que virás comigo à guerra, tu e os teus homens. 2. Davi respondeu: Tu verás do que é capaz o teu servo. Pois bem, disse Aquis, confio-te para sempre a guarda de minha pessoa! (1Sm 28) … “1. Reuniram os filisteus todas as suas forças em Afec, estando os israelitas acampados junto à fonte de Jezrael. 2. Os príncipes dos filisteus iam à frente com suas tropas, divididas em companhias de cem e de mil homens. Davi e sua gente caminhavam na retaguarda com Aquis. 3. Os chefes dos filisteus disseram: Quem são esses hebreus? É Davi, respondeu Aquis, servo de Saul, rei de Israel, que está em minha companhia há muitos dias, e mesmo há muitos anos. Nada tenho a censurar-lhe desde o dia em que se refugiou junto de mim até hoje. 4. Furiosos, os chefes dos filisteus disseram-lhe: Vá-se embora esse homem; manda que ele volte ao lugar que lhe marcaste, mas que não desça conosco à batalha; não suceda que se volte contra nós no meio do combate. Pois como poderia ele ganhar melhor as graças de seu amo, do que ao preço das cabeças de nossos homens? 5. Não é ele porventura aquele Davi, do qual se cantava dançando: Saul matou seus milhares, e Davi seus dez milhares? 6. Aquis chamou Davi e disse-lhe: Viva Deus! Tu és um homem reto e teu proceder comigo no acampamento me parece justo. Até hoje nada tive a censurar-te desde que chegaste à minha casa. Mas não és bem visto pelos príncipes. 7. Retira-te, pois, e vai em paz, para não descontentar os príncipes dos filisteus. 8. Davi disse a Aquis: Mas, que fiz eu? Que achaste de censurável no teu servo, desde o dia em que cheguei à tua casa até hoje, para que eu não vá combater contra os inimigos do rei, meu senhor? 9. Eu o sei, respondeu Aquis; tens sido bom para comigo, como um anjo do Senhor. Mas os chefes dos filisteus é que não querem que vás com eles ao combate. 10. Amanhã cedo, portanto, parti, tu e os servos de teu senhor que te seguiram. Ide, parti bem cedo, ao clarear do dia. 11. Davi e os seus homens levantaram-se de madrugada e voltaram à terra dos filisteus. Estes, porém, subiram a Jezrael”. (1Sm 29)
    … … …
    Davi teve tempo suficiente para assimilar a tecnologia dos filisteus … ferreiros!!! !!! !!!

  15. até tu, brutu?

    fhc foi o que foi, fez o que fez, não se pode negar,

    e já se foram 12 ( D O Z E ) anos,

    mas os L A D R Õ E S são da ‘era” atual.

    P E T R A C A N A L H A S ! ! !

    e quem é o chefão?

  16. Senhores,

    É IMPOSSÍVEL MUDAR O PAÍS SEM O TRABALHO SÉRIO DOS MAGISTRADOS SÉRIOS

    O problema do atraso do Brasil chama-se IMPUNIDADE. Tanto no setor público, quando no setor privado.
    Com o PODER JUDICIÁRIO mais PODRE e CARO do planeta transformado em cabide de emprego para toda uma casta de “você sabe com que está falando?” alinhada aos Poderes Executivo e Legislativo e com as suas atividades voltadas para acobertar e anular provas e inquéritos contra os poderosos, não era de se esperar que fôssemos a algum lugar neste planeta mesmo. Estamos no mesmo nível dos animais que vivem em bando.
    Até mesmo o Supremo Tribunal Federal já mostrou que, quando o resultado não agrada aos donos do poder, o que é TRANSITADO EM JULGADO pode ser julgado novamente até que o o bolo fique de acordo com a encomenda.

    -Quer fazer o Brasil crescer?
    -Que tal começar mudando a FORMA IMORAL de preenchimento dos cargos dos tribunais? Sem a saída dos MAGISTRADOS COMPROMETIDOS (E NOMEADOS) PELOS RATOS não adianta a Polícia Federal ficar enxugando gelo, pois tudo será desconsiderado lá na frente; além disso, a corrupção que vemos na TV é só uma ínfima parte dos inquéritos arquivados, que hibernam “em sigilo” em alguma gaveta ou, simplesmente, são ignorados pelos nossos juízes, como a tal Operação Boi Barrica, que virou fumaça.

    No nível das polícias estaduais é tão imoral a lassidão da justiça e a sua concordância com o errado que é preferível fazer acordo com o assaltante ou estelionatário do que procurar a “dama dos olhos vendados” e ter um prejuízo infinitamente maior. Acabe-se (ou diminua-se) a impunidade, prendam-se uns dez, vinte ladrões ricos e veremos o quanto de dinheiro deixará de ir para o exterior e sobrará no país.

    O resto, senhores, não passa de fumaça que jogam na mídia para nos preocuparmos com detalhes e embotar a nossa visão do todo!
    Não dá para mudar o país sem que tenhamos magistrados sérios nos postos mais importantes desta colônia. O resto é como enxugação de gelo e audiência do Jornal Nacional: Pura perda de tempo!

    Abraços.

    PS: Os magistrados que aí estão deveriam ser obrigados à aposentadoria compulsória aos 60 anos, pois TEM MAIS DE QUINHENTOS ANOS QUE ESTE PAÍS NÃO SABE O QUE É JUSTIÇA. No campo da Justiça, as atuais excelências perderam por W.O.

  17. O veterano Jornalista Sr. CARLOS CHAGAS tem razão, o alvo do Capital Internacional agora é a Petrobras SA, mas a meu ver, não pelos motivos alegados: O Capital Internacional não originou o Sistema Geral de Comissões implantado na Empresa. Isso é culpa exclusivamente interna nossa, FALTA DE COMPETENTE AUDITORIA INDEPENDENTE. Mas, que agora que a “lambança está nas medias”, vão tentar tirar todo o proveito, disso nenhuma dúvida.
    Na disputa pelos Mercados, principalmente de Produtos Industrializados, os EUA, líder do G-7, e todo o G-7, não tem interesse nenhum, que um grande País como o Brasil ( População +- 220 Milhões, e Território quase de 9 Milhões de Km2), se industrialize de forma AUTÔNOMA ( com predominância de Empresas Nacionais com Matriz no Brasil, aquelas que geram TECNOLOGIA NACIONAL e CAPITALIZAM a Economia Nacional). Mas isso é do jogo, não sejamos ingênuos e façamos a nossa parte. Ser dependente (escravo) é fácil, difícil é ser INDEPENDENTE.
    Com as suas IMPERFEIÇÕES, a Petrobras SA é Empresa Nacional com Matriz no Brasil, desenvolve TECNOLOGIA NACIONAL e CAPITALIZA nossa Economia, não mandando para fora, Dividendos, Lucros, Royalties, Assistência Técnica, Seguros, Fretes, contrabandeando petróleo/gás, etc, e escapando da maior parte da Tributação, sub ou super- Faturando Produtos entre Filial no Brasil e Matriz no Exterior, etc.
    Além do que a Petrobras SA é âncora de toda a Indústria Nacional do petróleo/gás, ( Plataformas, Navios-Sonda, Sondas, navios petroleiros, navios cargueiros, Rebocadores, Submarinos Robots, Equipamento submarino, válvulas, árvores de natal, cabos, tubos aço e inox para oleodutos/gasodutos, frotas de Aeronaves principalmente helicópteros, etc, Projetos, Fretes, Seguros, etc, que hoje equivalem a +- 15% do PIB e ajudam enormemente na INDUSTRIALIZAÇÃO AUTÔNOMA DO BRASIL.
    Temos que fazer a LIMPEZA na Petrobras SA, absorver o CUSTO que está havendo, e Trabalhando com mais COMPETÊNCIA, aumentar muito sua LUCRATIVIDADE, e desenvolver mais ainda toda nossa Indústria Nacional de petróleo/gás, independente de Pressões Externas que sempre existirão.

    • Relembrando:

      Bem perto, mas bem perto de mim aqui no bairro, mora um sujeito que pede ostensivamente que sejam vendidos todos os órgãos do estado, de todos os poderes. Como ele já foi reprovado três vezes em concursos para a Petrobrás e outro tanto para o judiciário, perguntei-lhe por que fazia tais concursos. Resposta: ” Fiz, mas não vou fazer mais. É tudo ‘carta marcada’ “.

      Não existem ideais, existem interesses. Com Quarta Frota ou não.

  18. Esta ideia que privatização é um anti nacionalismo é para manter a mega teta dos políticos.

    Lembro que a Jornalista Helena Chagas, filha do jornalista político Carlos Chagas, foi ministra da Comunicação Social da presidente Dilma Rousseff.

    Para resolver o problema é só privatizar a Petrobras igual a Embraer foi privatizada.

    Lembro que na época a Embraer só dava prejuízo e hoje, após a sua privatização, ela é a terceira fabricante de aviões do planeta, concorrendo com as gigantes Boeing e Airbus.

    A Embraer fabrica produtos com o maior valor agregado por kg. Cerca de US$ 1870,00 por kg de avião.

    35% das exportações americanas são da área aeroespacial e é por isso que a Europa criou no final da década de 60 o consorcio Airbus.

  19. Como sempre, “para variar”, os textos do Sr. Carlos Chagas mostra o avario mental que este Sr. passa.
    Um bando de socialistas ladrões, membros do PT,PMDM et caterva, assaltam, saqueiam a Petrobrás, ai vem esse jornalista imbecil, falando de uma “trama internacional” contra a Petrobrás.
    O texto é delirante, infundado, ilógico.
    A Petrobrás está sendo implodida por brasileiros, aqueles que chegaram ao Poder com gana para encher os bolsos, para saquear as empresas nacionais, por comunistas do PT.
    O mesmo saque as outras estatais deve estar ocorrendo em outras empresas, não tenho dúvidas.
    É necessário que faça investigações no BNDES, na Itaipu, Usina de Angras, e muitas outras empresas que por certo estão ou estarão sendo roubadas em breve.
    O TEXTO ACIMA É LIXO CULTURAL, E POR CERTO O AUTOR PASSA POR SÉRIA DEMÊNCIA CEREBRAL.

    • Senhor Antônio Valente:

      O respeito às opiniões alheias é um dos maiores bens que o homem inteligente e educado pode ter.

      Carlos Chagas é um dos nossos melhores jornalistas, professor de Ética e autor de diversos livros sobre a História do Brasil. É inaceitável os adjetivos impostos por você a ele. Até porque são profundamente injustos e não críveis.

      Por falta de argumentos contrários e razoáveis, envereda o senhor para os mais cruéis dos adjetivos.

      Nenhuma contribuição para o debate democrático das ideias, apenas ataques pueris e desprovidos de lógica.

      Lamento essa gigantesca falta de educação. Na verdade, isso me entristece, mas, não fará com que eu desista de escrever por conta de seu mal humor..

  20. O Chagas acabou de criar a SÍNDROME DO VIRA-LATA SARNENTO.
    Tudo é culpinha do tio Sam.
    Nós sempre somos bem intencionados.
    Que dózinha do povinho brasileiro.

  21. Carlos Chagas está certíssimo, fizeram tudo para Getúlio não criar a Petrobrás,
    americanos compraram grande áreas de terra no recôncavo baiano, para extração
    de petróleo. Getúlio Vargas, malandramente criou a lei: o proprietário da terra, é
    dono do solo, o sub solo pertence ao Estado. A verdade é que os governo dos EUA,
    sempre trataram o Brasil como fundo de quintal e, a criação da Petrobrás e seu desenvolvimento
    foi e é uma espinha engasgada na garganta do EUA.
    Através dos anos a Petrobrás vinha crescendo, apesar de alguns erros e contratempos,
    mas os governos do PT ultrapassaram os limites da corrupção, levando a Petrobrás a uma situação
    difícil e complicada, dando argumento àqueles que tem interesse em destruir a Petrobrás e privatiza-la.
    Todo processo de privatização, começa pela desmoralização da empresa. É. o que o PT vem fazendo.

    • Nélio, quando o ex-presidente americano Bill Clinton esteve no Brasil, há muitos anos, perguntaram-lhe o que o país deveria fazer para sair do atraso, ele respondeu: “Education”. Se eles (os EUA) realmente tivessem más intenções para conosco, ele poderia responder: invistam em carnaval, futebol, novelas, nos sindicalistas e no PT.

  22. Não acredito em nada disso, apenas na imensa incompetência e ganância do PT. O PT tinha tudo para tornar o país uma potência de primeiro mundo, mas preferiram a mesquinhez. São traidores!

  23. O mundo é cheio de espertos e de …, deixa prá lá.
    O petróleo nosso é nosso e nunca deixara de ser, o governo está aí para administrar tudo isso.
    O governo tem apenas que administrar, não empreender.
    Administrar, administrar, administrar, administrar,…
    Refrigerantes, cervejas, bebidas, cigarros, veículos, o governo “administra” toda a produção, quantos indicados políticos tem nessas empresas, quantos superfaturamentos, super salários, etcs??? pô….

  24. Caro Nélio Jacob … saudações.

    1 – A Constituição Imperial:

    Art. 133. Os Ministros de Estado serão responsaveis
    V. Pelo que obrarem contra a Liberdade, segurança, ou propriedade dos Cidadãos.

    Art. 179. A inviolabilidade dos Direitos Civis, e Politicos dos Cidadãos Brazileiros, que tem por base a liberdade, a segurança individual, e a propriedade, é garantida pela Constituição do Imperio, pela maneira seguinte.
    I. Nenhum Cidadão póde ser obrigado a fazer, ou deixar de fazer alguma cousa, senão em virtude da Lei.
    VI. Qualquer póde conservar-se, ou sahir do Imperio, como Ihe convenha, levando comsigo os seus bens, guardados os Regulamentos policiaes, e salvo o prejuizo de terceiro.
    XIII. A Lei será igual para todos, quer proteja, quer castigue, o recompensará em proporção dos merecimentos de cada um.
    XVI. Ficam abolidos todos os Privilegios, que não forem essencial, e inteiramente ligados aos Cargos, por utilidade publica.
    XIX. Desde já ficam abolidos os açoites, a tortura, a marca de ferro quente, e todas as mais penas crueis.
    XXII. E’garantido o Direito de Propriedade em toda a sua plenitude. Se o bem publico legalmente verificado exigir o uso, e emprego da Propriedade do Cidadão, será elle préviamente indemnisado do valor della. A Lei marcará os casos, em que terá logar esta unica excepção, e dará as regras para se determinar a indemnisação.

  25. O alvo é a Petrobras porque a Petrobras foi usada com sucesso pelo PT no controle da inflação e faz vultosos investimentos de infra estrutura no Brasil. Querem destruir a Petrobras porque ela é vetor de desenvolvimento , como o PSDB não soube utilizá-la, para vendê-la, chegou até trocar seu nome para Petrobrax, o PSDB tirou o Bras de Brasil, mas conhecedor da fragilidade da empresa, por inveja, não exitou em expor seus mais que conhecidos males para ganhar a eleição, destruiu a Petrobras com óbvio interesse eleitoral. Acontece que o PSDB , Aécio, FHC e Agripino não só destruíram a imagem da Petrobras como de outras empresa de trabalham com projetos de engenharia, montagem, comissionamento e mecânica pesada. Um diretor da ENGEVIX está preso por ter cometido o crime que outros diretores cometeram na construção de Tucuruí, Balbina, Samuel e em todo o sistema de transmissão associado a essas usinas hidroelétricas, como em vários outros projetos para o setor elétrico. E agora a ENGEVIX tem um diretor preso, seu portfolio destruído. Não sei se esse diretor é bandido. Acho que não é não. Agora está sendo escorraçado, enxovalhado, desfigurado por causa de um corrupto como FHC. Não acho justo. Acho até uma insensatez e falta de bom senso destruir quem constrói o Brasil, por causa de um partido incompetente que não ganha eleição, que por inveja e ódio, ataca a Petrobras, nossa maior riqueza, para tirar proveito eleitoral. O PSDB é um partido, que pelo poder , passa o rolo compressor, pega o taco de beisebol. O general Aécio, um romano, venceu Atila, o Huno, conhecido como o flagelo de Deus, na batalha de Chalon, no ano de 451. Este grande general Aécio não é Neves, é Flavio Aécio, o Aécio Neves está mais para o Atila brasileiro, o mineiro flagelo de Deus, por onde passa nem capim nasce. Que honra existe em destruir uma empresa só para ganhar a eleição ?

  26. Prezado Emérito Jornalista:

    CONSPIRAÇÃO DESASTROSA CONTRA O DESENVOLVIMENTO DO BRASIL

    Entendi o seu recado. Pode estar em marcha um processo de privatização da nossa maior empresa. Mas, “nós” contribuímos para o sucesso da operação, por ação ou omissão. O escândalo vem de muito longe e só agora veio a tona visceralmente.

    Num passado não muito distante, os preços do barril petróleo aumentaram abruptamente por conta da OPEPE e apoio americano. O Brasil, que crescia a 17% ao ano, entrou em recessão. Na época importávamos o ouro negro, que consumia 3 bilhões de dólares anuais, com o aumento os custos aumentaram e a economia declinou. Geisel governou em meio a crise do petróleo. A ditadura ficou fragilizada e o milagre brasileiro foi para o espaço. Logo depois , o sucessor do “alemão”, o general Figueiredo três estrelas, que ganhou a quarta para ser indicado presidente, foi instado a conceder a Anistia, Ampla, Geral e Irrestrita. Consequência: Fim do Regime Militar

    A partir do advento da “Nova República”, que de nova não teve nada, quiçá, pior do que a “velha” iniciou um processo de entrega dos ativos nacionais, estratégicos e permanentes, como o controle dos minérios ( venda das empresas siderúrgicas e da Vale do Rio Doce e do setor de Telecomunicações. Collor e FHC comandaram a entrega de nossos bens mais valiosos. Não tiveram coragem suficiente para privatizar a Petrobrás, ainda bem.

    A corrupção ocorre em todos os países do mundo, Noruega, Rússia, China, Europa, Estados Unidos, et caterva. Chamar a Petrobrás de Petrossauro é de uma ignorância lapidar. As empresas privadas, leia-se empreiteiras corruptoras, estranhamente não recebem nenhum apelido de elementos conservadores e entreguistas. Necessitamos, sim, de mecanismos de controle e punição dos corruptos, sejam das classes dominantes ou do lumpesinato. Todos, que se enlamearam no lodo da corrupção devem amargar os cárceres podres e imundos. Do contrário, os pobres que mofam nas cadeias deveriam pleitear a liberdade. Afinal, a ISONOMIA está sacramentada em um capítulo da Carta Magna, como uma cláusula pétrea.

    Ninguém, nos EUA, fala ou escreve que suas empresas envolvidas em corrupção, como exemplo a Alston deva ser vendida. Alguns executivos vão parar na cadeia sem direito a prisão especial, mas a empresa segue em frente. Na China, país corrupto até a medula, quando seus dirigentes são descobertos pegam prisão perpétua.

    Entretanto, até bem pouco tempo, um banqueiro famoso declarou que teme a primeira instância, pois nas instâncias superiores sugeriu que consegue a alforria. O banqueiro Cacciola é um belo exemplo. Foi solto e fugiu para a Itália.

    A Inglaterra foi privatizada pela Primeira Ministra Margareth Tachter, modismo que ganhou o mundo, copiado aqui com muita competência, por coloridos e tucanos e até petistas. Hoje, a Inglaterra está acabada e diminuída no conserto das nações. Portanto, privatizar não é aquela varinha de condão destinada a propiciar a felicidade geral para o povo. Acho, com toda certeza de uma vida, que poucos se beneficiam.

    Alea jacta est.

  27. Como são maus estes gringos, claro que os ingênuos petralhas foram enganados pelos americanos astutos, são pessoas inocentes que foram levadas a roubar a petrobras. Eles acreditavam que superfaturando e embolsndo parte do dinheiro estavam criando um pais grande e forte. afinal o lema da presidenta e PAIS RiCO É PAÍS SEM POBRE, DE PREFERENCIA SÓ OS CUMPANHEIROS.

  28. Senhores,

    Será que alguém aqui, nesta sala, espera que o governo dos Estados Unidos governe para os brasileiros?

    -Ora, entre os países, quem não puder viver que morra!
    -Quem não puder construir o próprio país, que fique no atraso! É assim que funcionam as relações internacionais!
    -Não espere que os americanos desçam do céu, no Planalto Central, para investir nas universidades brasileiras.

    TAMBÉM NÃO ESPERE QUE OS AMERICANOS nos incentivem a largar o arado e o trator e a parar de exportar banana, nos incentivem a desenvolver produtos de elevado valor tecnológico, nos incentivem a desenvolver mísseis e satélites, nos incentivem a ter usinas e submarinos nucleares, nos incentivem a ter hidrovias, rodovias e ferrovias, nos incentivem a ter forças armadas, nos incentivem a USAR TODO O NOSSO POTENCIAL MINERAL QUE JAZ INTOCADO NO SUBSOLO (enquanto o povo, metros acima, vive na miséria mais absoluta) e que nos incentivem a investir em educação.
    ELES SÃO MUITA COISA, MENOS SUICIDAS!

    Não seria melhor o Brasil parar de cacarejar como uma galinha e ousar voar como uma águia, como os americanos procuraram fazer desde o May Flower?
    Que culpa tem os americanos se os líderes das colônias abaixo do Rio Colorado se vendem por ninharias ou por um título honorário em alguma universidade da Matriz? Não acho justo culpar o cliente que se vale da oportunidade e absorver a prostituta que se oferece. É A PROSTITUTA QUE TEM QUE MUDAR DE VIDA e criar vergonha na cara.
    Idiotas seriam os americanos se não tivessem transformado o Dólar em moeda internacional e comprassem a preço de banana, com o simples ato de pintar papel de verde, empresas que custariam trilhões se fossem vendidas a preço justo.

    Abraços.
    ET: Os primeiros a desconfiarem das intenções americanas não foram os comunistas ou esquerdistas. Foram os militares brasileiros, ainda na época da ditadura.

  29. Os “nacionalistas”, ”progressistas”, socialistas, comunistas, coletivistas, não deveriam se preocupar com a privatização da Petrobrás. Podem dormir tranquilos, a Petrobrás e outras estatais continuarão ai para serem saqueadas, roubadas, e principalmente, servir como cabide de emprego para os políticos da hora. Afinal, caminhamos a passos largos para o socialismo bolivariano, faltando muito pouco para a implantação do socialismo tupiniquim.
    A Venezuela, Argentina, Bolívia, Equador, Uruguai, Chile, encontraram o “belo caminho” do socialismo, nestes países os “magníficos” resultados econômicos já se mostram visíveis. Para o Brasil pouco falta para ser “sócio” do grande clube bolivariano. Falta apenas o completo controle do judiciário, o fim da liberdade de imprensa, a proibição da propriedade privada, e alguns detalhes, já que o ideário socialista dominou as escolas, universidades, sindicatos, igrejas, mídia escrita e falada.
    “Nacionalistas”, socialistas, coletivistas, durmam felizes, pois no caminho que caminhamos em breve os seus “sonhos” se tornarão realidade, e o pesadelo se tornará real para aqueles que amam as liberdades, e que não engoliram as mentiras e falcatruas do socialismo-comunismo.

    • O senhor Valente demonstra total falta de conhecimento da história do país. Os progressistas, comunistas, etc. e tal como descreve em sua sintonia conservadora e fascista sempre foram minoria no país. Desde o descobrimento, o Brasil é governado pelas forças conservadoras do mercado, logo, todas as mazelas, as corruptelas, os desmandos, a falta de educação, o entreguismo, a falta de patriotismo, desde o nascedouro até a agora está na conta do regime capitalista.

      Até mesmo o PT, que vocês tanto apregoam como progressista, trata-se de um mero aglomerado de facções de conteúdo reformista e nada de revolucionário, de esquerda ou coisa que o valha.

      Quanto ao pesadelo, já estamos vivendo esta fase, que começou com o advento da falsa República. Não tenha medo, caro conservador, o país jamais trilhará o caminho bolivariano, pelo simples fato das forças vivas da nação serem compostas de um perfil conservador. Basta observar com mais cuidado os eleitos para a nova legislatura, que começa em fevereiro de 2015. Aumentou em 30% a cota de parlamentares conservadores, ou seja, já começaremos o ano com um brutal retrocesso.

      Para terminar, o senhor não respondeu ao meu questionamento sobre a falta de educação contra o jornalista Carlos Chagas. Será uma confissão de culpa. O silêncio fala sobre si.

  30. Continuando a pesquisam sobre os bens minerais … Constituição de 1891:

    Art 9º – É da competência exclusiva dos Estados decretar impostos:
    2 º ) sobre Imóveis rurais e urbanos;
    3 º ) sobre transmissão de propriedade;

    Art 64 – Pertencem aos Estados as minas e terras devolutas situadas nos seus respectivos territórios, cabendo à União somente a porção do território que for indispensável para a defesa das fronteiras, fortificações, construções militares e estradas de ferro federais.
    Parágrafo único – Os próprios nacionais, que não forem necessários para o serviço da União, passarão ao domínio dos Estados, em cujo território estiverem situados.

    Art.72 – A Constituição assegura a brasileiros e a estrangeiros residentes no paiz a inviolabilidade dos direitos concernentes á liberdade, á segurança individual e á propriedade, nos termos seguintes: (Redação dada pela Emenda Constitucional de 3 de setembro de 1926)
    § 1º Ninguem póde ser obrigado a fazer, ou deixar fazer alguma cousa, senão em virtude de lei. (Redação dada pela Emenda Constitucional de 3 de setembro de 1926)
    § 2º Todos são iguaes perante a lei. (Redação dada pela Emenda Constitucional de 3 de setembro de 1926)
    A Republica não admitte privilegios de nascimento, desconhece fóros de nobreza, e extingue as ordens honoríficas existentes e todas as suas prerogativas e regalias, bem como os titulos nobiliarchicos e de conselho. (Redação dada pela Emenda Constitucional de 3 de setembro de 1926)
    § 10. Em tempo de paz, qualquer pessoa póde entrar no territorio nacional ou delle sahir, com a sua fortuna e seus bens. (Redação dada pela Emenda Constitucional de 3 de setembro de 1926)
    § 17. O direito de propriedade mantem-se em toda a sua plenitude, salvo a desapropriação por necessidade, ou utilidade pública, mediante indemnização prévia. (Redação dada pela Emenda Constitucional de 3 de setembro de 1926)
    a) A minas pertencem ao proprietario do sólo, salvo as limitações estabelecidas por lei, a bem da exploração das mesmas. (Redação dada pela Emenda Constitucional de 3 de setembro de 1926)
    b) As minas e jazidas mineraes necessarias á segurança e defesa nacionaes e as terras onde existirem não podem ser transferidas a estrangeiros. (Redação dada pela Emenda Constitucional de 3 de setembro de 1926)

  31. Os americanos são “fudidos” mesmo, ou estão “doando” rios de dólares, como na época da destituição do nacionalista Jango, pois estes puxa-saco os defendem com todo “útero”, ou são elementos externos infiltrados colocando esta verborragia por aqui, em desrespeito ao que escreve o jornalista muito mais sábio e experiente frente às asneiras que tentam defender.
    São SABOTADORES da Nação!
    Fiquem à vontade para partir para o local que melhor lhes recebam, desde que não seja a terra a qual renegam!

  32. Nada mais verdadeiro que o alvo seja a Petrobrás.
    Sempre foi.
    Sempre foi o alvo das raposas que querem um galinheiro para tomar conta.

    País forte é país com povo com boa educação científica. Com isso se cria as tecnologias que são as maiores fontes de riquezas de qualquer nação.
    Enfim, o estado tem que cuidar é da educação e não de empresas como aqui no Brasil para a malandragem fazer a festa.

  33. Constituição de 1934:

    Art 8º – Também compete privativamente aos Estados:
    I – decretar impostos sobre:
    a) propriedade territorial, exceto a urbana;
    b) transmissão de propriedade causa mortis ;
    c) transmissão de propriedade imobiliária inter vivos , inclusive a sua incorporação ao capital da sociedade;

    Art 20 – São do domínio da União:
    I – os bens que a esta pertencem, nos termos das leis atualmente em vigor;
    II – os lagos e quaisquer correntes em terrenos do seu domínio ou que banhem mais de um Estado, sirvam de limites com outros países ou se estendam a território estrangeiro;
    III – as ilhas fluviais e lacustres nas zonas fronteiriças.
    Art 21 – São do domínio dos Estados:
    I – os bens da propriedade destes pela legislação atualmente em vigor, com as restrições do artigo antecedente;
    II – as margens dos rios e lagos navegáveis, destinadas ao uso público, se por algum título não forem do domínio federal, municipal ou particular.

    Art 113 – A Constituição assegura a brasileiros e a estrangeiros residentes no País a inviolabilidade dos direitos concernentes à liberdade, à subsistência, à segurança individual e à propriedade, nos termos seguintes:
    1) Todos são iguais perante a lei. Não haverá privilégios, nem distinções, por motivo de nascimento, sexo, raça, profissões próprias ou dos pais, classe social, riqueza, crenças religiosas ou idéias políticas.
    2) Ninguém será obrigado a fazer, ou deixar de fazer alguma coisa, senão em virtude de lei.
    3) A lei não prejudicará o direito adquirido, o ato jurídico perfeito e a coisa julgada.
    14) Em tempo de paz, salvas as exigências de passaporte quanto à entrada de estrangeiros, e as restrições da lei, qualquer pessoa pode entrar no território nacional, nele fixar residência ou dele sair.
    17) É garantido o direito de propriedade, que não poderá ser exercido contra o interesse social ou coletivo, na forma que a lei determinar. A desapropriação por necessidade ou utilidade pública far-se-á nos termos da lei, mediante prévia e justa indenização. Em caso de perigo iminente, como guerra ou comoção intestina, poderão as autoridades competentes usar da propriedade particular até onde o bem público o exija, ressalvado o direito à indenização ulterior.

    Art 118 – As minas e demais riquezas do subsolo, bem como as quedas d’água, constituem propriedade distinta da do solo para o efeito de exploração ou aproveitamento industrial.
    Art 119 – O aproveitamento industrial das minas e das jazidas minerais, bem como das águas e da energia hidráulica, ainda que de propriedade privada, depende de autorização ou concessão federal, na forma da lei.
    § 1º – As autorizações ou concessões serão conferidas exclusivamente a brasileiros ou a empresas organizadas no Brasil, ressalvada ao proprietário preferência na exploração ou co-participação nos lucros.
    § 2º – O aproveitamento de energia hidráulica, de potência reduzida e para uso exclusivo do proprietário, independe de autorização ou concessão.
    § 3º – Satisfeitas as condições estabelecidas em lei, entre as quais a de possuírem os necessários serviços técnicos e administrativos, os Estados passarão a exercer, dentro dos respectivos territórios, a atribuição constante deste artigo.
    § 4º – A lei regulará a nacionalização progressiva das minas, jazidas minerais e quedas d’água ou outras fontes de energia hidráulica, julgadas básicas ou essenciais à defesa econômica ou militar do País.
    § 5º – A União, nos casos prescritos em lei e tendo em vista o interesse da coletividade, auxiliará os Estados no estudo e aparelhamento das estâncias mineromedicinais ou termomedicinais.
    § 6º – Não depende de concessão ou autorização o aproveitamento das quedas d’água já utilizadas industrialmente na data desta Constituição, e, sob esta mesma ressalva, a exploração das minas em lavra, ainda que transitoriamente suspensa.

  34. Caro Nélio Jacob … aos poucos a União vai ficando com poder sobre o subsolo – vai sendo instituído um socialismo subsolar!!!

    Constituição de 1937:

    Art 16 – Compete privativamente à União o poder de legislar sobre as seguintes matérias:
    VIII – os monopólios ou estandardização de indústrias;
    XIV – os bens do domínio federal, minas, metalurgia, energia hidráulica, águas, florestas, caça e pesca e sua exploração;

    Art. 23 – É da competência exclusiva dos Estados, salvo a limitação constante do art. 35, letra d: (Redação dada pela Lei Constitucional nº 3, de 1940)
    I – a decretação de impostos sobre: (Redação dada pela Lei Constitucional nº 3, de 1940)
    a) a propriedade territorial, exceto a urbana; (Redação dada pela Lei Constitucional nº 3, de 1940)
    b) transmissão de propriedade causa mortis; (Redação dada pela Lei Constitucional nº 3, de 1940)
    c) transmissão de propriedade imóvel inter vivos, inclusive a sua incorporação ao capital de sociedade; (Redação dada pela Lei Constitucional nº 3, de 1940)

    Art 36 – São do domínio federal:
    a) os bens que pertencerem à União nos termos das leis atualmente em vigor;
    b) os lagos e quaisquer correntes em terrenos do seu domínio ou que banhem mais de um Estado, sirvam de limites com outros países ou se estendam a territórios estrangeiros;
    c) as ilhas fluviais e lacustres nas zonas fronteiriças.
    Art 37 – São do domínio dos Estados:
    a) os bens de propriedade destes, nos termos da legislação em vigor, com as restrições cio artigo antecedente;
    b) as margens dos rios e lagos navegáveis destinadas ao uso público, se por algum título não forem do domínio federal, municipal ou particular.

    Art 122 – A Constituição assegura aos brasileiros e estrangeiros residentes no País o direito à liberdade, à segurança individual e à propriedade, nos termos seguintes:
    1º) todos são iguais perante a lei;

    Art 143 – As minas e demais riquezas do subsolo, bem como as quedas d’água constituem propriedade distinta da propriedade do solo para o efeito de exploração ou aproveitamento industrial. O aproveitamento industrial das minas e das jazidas minerais, das águas e da energia hidráulica, ainda que de propriedade privada, depende de autorização federal.
    § 1º – A autorização só será concedida a brasileiros, ou empresas constituídas por acionistas brasileiros, podendo o Governo, em cada caso, por medida de conveniência pública, permitir o aproveitamento de quedas d’água e outras fontes de energia hidráulica a empresas que já exercitem utilizações amparada pelo § 4º, ou as que se organizem como sociedades nacionais, reservada sempre ao proprietário preferência na exploração, ou participação nos lucros. (Redação dada pela Lei Constitucional nº 6, de 1942)
    § 2º – O aproveitamento de energia hidráulica de potência reduzida e para uso exclusivo do proprietário independe de autorização.
    § 3º – Satisfeitas as condições estabelecidas em lei entre elas a de possuírem os necessários serviços técnicos e administrativos, os Estados passarão a exercer dentro dos respectivos territórios, a atribuição constante deste artigo.
    § 4º – Independe de autorização o aproveitamento das quedas d’água já utilizadas industrialmente na data desta Constituição, assim como, nas mesmas condições, a exploração das minas em lavra, ainda que transitoriamente suspensa.
    Art 144 – A lei regulará a nacionalização progressiva das minas, jazidas minerais e quedas d’água ou outras fontes de energia assim como das indústrias consideradas básicas ou essenciais à defesa econômica ou militar da Nação.

  35. Quanto à formação de Governo Mundial … continuemos sobre a tecnologia … no caso, a dos ferreiros:

    “1. Durante o reinado de Joaquim, Nabucodonosor, rei de Babilônia, subiu contra Joaquim, que se tornou seu vassalo por três anos. Depois revoltou-se contra ele. 10. Foi nesse tempo que vieram os homens de Nabucodonosor, rei de Babilônia, contra Jerusalém, e sitiaram-na. 11. Depois, Nabucodonosor veio pessoalmente diante da cidade, enquanto suas tropas a sitiavam. 12. Joaquin, rei de Judá, foi ter com o rei de Babilônia, ele e sua mãe, suas tropas, seus oficiais e seus eunucos; e o rei de Babilônia o prendeu. Isso foi no oitavo ano de seu reinado. 13. E como o Senhor tinha anunciado, levou dali todos os tesouros do templo do Senhor e do palácio real, e quebrou todos os objetos de ouro que Salomão, rei de Israel, tinha feito para o santuário do Senhor. 14. Levou para o cativeiro toda a Jerusalém, todos os chefes e todos os homens de valor, ao todo dez mil, com todos os ferreiros e artífices; só deixou os pobres. 15. Deportou Joaquin para Babilônia, com sua mãe, suas mulheres, os eunucos do rei e os grandes da terra. 16. Todos os homens de valor, em número de sete mil, os ferreiros e os artífices, em número de mil, e todos os homens aptos para a guerra, o rei de Babilônia os deportou para Babilônia. 17. Em lugar de Joaquin, o rei de Babilônia constituiu rei seu tio Matanias, cujo nome mudou para Sedecias. (2Rs 24)

    O texto destaca os ferreiros de Judá, confirmando que os hebreus já haviam assimilado a tecnologia dos filisteus.

  36. Se o mundo se movimenta por causa do petróleo é natural que uma empresa do porte da Petrobrás seja alvo de concorrentes para que diminua a sua importância, que seja minada, que não tenha a influência que a estatal brasileira conseguiu ao longo dos anos.

    Isto se chama mercado capitalista, haver concorrentes que tentam se sobrepor aos que impedem que eles façam maiores negócios porque não possuem a competência ou especialidade, o tal livre concorrência.

    A Petrobrás se especializou em prospectar petróleo a grandes profundidades, e se tornou a melhor do mundo neste particular. Cresceu, agigantou-se, chegou a ser também a maior do planeta.

    Olhos do mundo inteiro a cobiçaram, a invejaram, pelo padrão de excelência da sua tecnologia e mão de obra primorosa, afora as suas pesquisas, geologia empregada e profissionais altamente capazes e competentes.

    Ser parte desta empresa é sonho de todo o brasileiro; pertencer ao seu quadro de funcionários, um orgulho incomparável; vestir o seu uniforme de trabalho é como se este fosse um manto real.

    O gigantismo da Petrobrás trouxe para os governos corruptos e desonestos brasileiros um sério entrave às suas intenções:
    A empresa, cujo Estado detém a maioria das ações, era muito independente para sua malévolas intenções.
    Ela mesma se administrava, se projetava, planejava, buscava objetivos e meios para se desenvolver, era um organismo com vitalidade e disposição, independência e criatividade, que sobrepujava os governos. Tal condição de exercer um trabalho honesto e à altura dos anseios do povo com olhos para o futuro desagradava Legislativo e Executivo, que sempre quiseram o domínio completo do Brasil em todos os seus segmentos.

    A Petrobrás começou a ser combatida dentro do Brasil.

    Espiões e sabotadores foram indicados para as diretorias da empresa, cuja missão precípua era descobrirem os pontos fracos da gigante, e explorá-los.

    FHC possivelmente não tenha tido esta coragem, a ponto de ter pensado que seria melhor privatizá-la que traí-la desta forma abjeta, de implodir a sua expansão econômica, social e, em consequência, a sua importância política.

    Eis, que, o PT, apátrida, sequioso por dominar e subjugar o País e povo, tem finalmente a empresa grandiosa em suas mãos!
    Uma mina de ouro à sua disposição;
    Milhares de cargos que poderiam ser distribuídos aos apaniguados, que colaborariam com a derrubada desta outrora poderosa estatal do petróleo.

    O trabalho seria hercúleo para vencê-la. Seria necessário atacá-la em várias frentes, desde a sua DESVALORIZAÇÃO, culminando com as ações valendo menos, até o lucro que obtinha ser diminuído pelo seu alto custo administrativo e, finalmente, ROUBÁ-LA, arquitetando prejuízos em suas aquisições, manchando a sua reputação internacional, fazendo-a perder as suas forças, que possibilitariam que a nossa Petrobrás despencasse como grande empresa que fora em passado recente!

    Para os planos petistas, de traição e entreguismo de nossa economia, a razão era muito simples:
    A gigante brasileira nos diferenciava e muito da Venezuela, Cuba, Argentina, Bolívia, pelo fato de que era vista como pertencente a um BRASIL IMPERIALISTA, então o PT tinha como obrigação acabar com a Petrobrás!
    E só havia uma maneira:
    DILAPIDANDO O SEU PATRIMÔNIO, roubando-a, mal administrando, convocando pessoas com o propósito de arruiná-la!

    O PT logrou êxito em sua função.

    A Petrobrás está nos seus estertores;
    Jaz inerte em seu leito de morte;
    O seu fim, trágico, cruel, será símbolo de um partido corrupto e desonesto, traidor, infame, apátrida, que, da mesma forma, precisará ser extirpado como um cancro no tecido nacional!

    O PT é culpado, e não os americanos, ingleses, alemães, russos, italianos, franceses … mas os petistas, que arrasaram com a nossa Estatal para que ficássemos iguais aos países que adotam um socialismo falso, enganador, QUE NÃO POSSUEM EMPRESAS COMO A PETROBRÁS, que nos diferenciava de suas estatais medianas ou falidas!

    As demais empresas estrangeiras como a nossa moribunda Petrobrás, apenas agradecem ao PT ter cooperado para que essas agora ocupem o lugar que antes era nosso, mas que os petistas, que são inimigos do povo e do Brasil, fizeram o serviço sujo!

    Se ainda restar algum resquício de dignidade à Justiça brasileira, esses criminosos e traidores da Pátria deverão ser punidos com extremo rigor, sem piedade, sem qualquer consideração porque pertencem ao partido do governo, cuja presidência se não for cúmplice, é, no mínimo, negligente, irresponsável, incompetente, pois seus pensamentos são os do partido, evidentemente facilitando esta intenção de seus espiões e sabotadores em acabar com a Petrobrás!

    Dilma deve RENUNCIAR!

    Não tem mais moral para nos governar.
    Sua administração será conhecida na História como a mais traidora desta República, aquela que impediu o crescimento do Brasil e de seu povo porque era mais importante o partidarismo que o patriotismo, e muito mais significante a ideologia que os ideais de um povo que um dia havia sonhado em ser do TAMANHO DA PETROBRÁS!
    PT, TRAIDOR DO BRASIL E DO POVO BRASILEIRO!

  37. Sr. Roberto Nascimento:
    Devo-lhe uma resposta.
    Vou repetir o que escrevi acima: o texto do Sr. Carlos Chagas é lixo cultural, fruto de uma mente fraca, senil. Afirmar que existe um complô internacional visando privatizar, destruir a Petrobrás, só cabe em cabeças de bagre. Quem esta destruindo a Petrobrás são os socialistas e os comunistas “bem intencionados” do PT. ISTO É FATO.
    A sua opinião desfavorável sobre mim , sobre a minha educação , pouco me interessa.Ao contrário, o dia em que receber elogios de algum socialista, do seu naipe, prefiro morrer.
    Esse seu cacoete de chamar os seus adversários de fascistas é típico dos stalinistas, da sua turma, consulte os livrinhos de História.
    Esse seu argumento de que a vitória bolivariana em marcha no Brasil, é culpa dos conservadores, é estúpida, ridículo. Afirmar que a vitória dos socialistas é culpa do mercado, é uma excrescência intelectual. O Sr. é acostumado a escrever asneiras aqui, como disse há poucos dias que precisamos de uma nova ” revolução francesa” no Brasil. Essa é a sua cultura, sua grande compreensão da realidade?
    Não quero perder mais tempo com você. Pense o que você quiser.
    Antônio F. Valente.

    • De pleno acordo e tem mais, o governo vai fazer um aporte de 8 bi para ajustar contas ou seja lá o que for. O importante é que lá vão o dinheiro do povo que não tem saneamento básico para cobrir a orgia de corrupção do tal “PeTróleo é nosso”
      Que país.

  38. Caro Pedro, eles defendem a educação, como defendem a “democracia”
    nos países que invadem. Em 1964, estavam prontos para desembarcar para ajudar os golpistas a defender a “democracia”, caso houvesse reação do governo deposto. Dizem uma coisa e fazem outra.
    Saudações.

    • Nélio, obrigado pelo seu comentário. Não me conformo em acusar os outros mesmo que tenha algum fundo de verdade. Nós devemos reagir. É preciso investir em educação, infraestrutura, saúde, segurança etc, enfim, é preciso governar com um objetivo e isso não se vê neste país. Abraços.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *