O fascismo ronda o Brasil em 2014

Frei Betto

Jean-Marie le Pen, lder da direita francesa, sugeriu deter o surto demogrfico na frica e estancar o fluxo migratrio de africanos rumo Europa enviando, quele sofrido continente, o senhor Ebola, uma referncia diablica ao vrus mais perigoso que a humanidade conhece. Le Pen fez um convite ao extermnio.

O ex-presidente francs Nicolas Sarkozy props a suspenso do Tratado de Schengen, que defende a livre circulao de pessoas entre trinta pases europeus. J a livre circulao do capital no encontra barreiras no mundo E nas eleies de 25 de maio a extrema-direita europeia aumentou o nmero de seus representantes no Parlamento Europeu.

A queda do Muro de Berlim soterrou as utopias libertrias. A esquerda europeia foi cooptada pelo neoliberalismo e, hoje, frente a crise que abate o Velho Mundo, no h nenhuma fora poltica significativa capaz de apresentar uma sada ao capitalismo.

Aqui no Brasil nenhum partido considerado progressista aponta, hoje, um futuro alternativo a esse sistema que s aprofunda, neste pequeno planeta onde nos dado desfrutar do milagre da vida, a desigualdade social e a excluso.

CAPITAL E ESTADO

Caminha-se de novo para o fascismo? Luis Britto Garca, escritor venezuelano, frisa que uma das caractersticas marcantes do fascismo a estreita cumplicidade entre o grande capital e o Estado. Este s deve intervir na economia, como apregoava Margareth Thatcher, quando se trata de favorecer os mais ricos. Alis, como fazem Obama e o FMI desde 2008, ao se desencadear a crise financeira que condena ao desemprego, atualmente, 26 milhes de europeus, a maioria jovens.

O fascismo nega a luta de classes, mas atua como brao armado da elite. Prova disso foi o golpe militar de 1964 no Brasil. Sua ttica consiste em aterrorizar a classe mdia e induzi-la a trocar a liberdade pela segurana, ansiosa por um messias (um exrcito, um Hitler, um ditador) capaz de salv-la da ameaa.

A classe mdia adora curtir a iluso de que candidata a integrar a elite embora, por enquanto, viaje na classe executiva. Porm, acredita que, em breve, passar primeira classe E repudia a possibilidade de viajar na classe econmica.

Por isso, ela se sente sumamente incomodada ao ver os aeroportos repletos de pessoas das classes C e D, como ocorre hoje no Brasil, e no suporta esbarrar com o pessoal da periferia nos nobres corredores dos shopping-centers. Enfim, odeia se olhar no espelho

FASCISMO RACISTA

Hitler odiava judeus, comunistas e homossexuais, e defendia a superioridade da raa ariana. Mussolini massacrou lbios e abissnios (etopes), e planejou sacrificar meio milho de eslavos brbaros e inferiores em favor de cinquenta mil italianos superiores

O fascismo se apresenta como progressista. Mussolini, que chegou a trabalhar com Gramsci, se dizia socialista, e o partido de Hitler se chamava Partido Nacional Socialista dos Trabalhadores Alemes, mais conhecido como Partido Nazista (de Nationalsozialist).

Os fascistas se apropriam de smbolos libertrios, como a cruz gamada que, no Oriente, representa a vida e a boa fortuna. No Brasil, militares e adeptos da quartelada de 1964 a denominavam Revoluo.

O fascismo religioso. Mussolini teve suas tropas abenoadas pelo papa quando enviadas Segunda Guerra. Pio XII nunca denunciou os crimes de Hitler. Franco, na Espanha, e Pinochet, no Chile, mereceram bnos especiais da Igreja Catlica.

FASCISMO MISGINO

O lder fascista jamais aparece ao lado de sua mulher. Como dizia Hitler, s mulheres fica reservado a trade Kirche, Kuche e Kinder (igreja, cozinha e criana).

O fascismo anti-intelectual. Odeia a cultura. Quando ouo falar de cultura, saco a pistola, dizia Goering, brao direito de Hitler. Quase todas as vanguardas culturais do sculo XX foram progressistas: expressionismo, dadasmo, surrealismo, construtivismo, cubismo, existencialismo. Os fascistas as consideravam arte degenerada.

O fascismo no cria, recicla. S se fixa no passado, um passado imaginrio, idlico, como as vivas da ditadura do Brasil, que se queixam das manifestaes e greves, e exalam nostalgia pelo tempo dos militares, quando havia ordem e progresso. Sim, havia a paz dos cemitrios assegurada pela frrea censura, que impedia a opinio pblica de saber o que de fato ocorria no pas.

O fascismo necrfilo. Assassinou Vladimir Herzog e frei Tito de Alencar Lima; encarcerou Gramsci e madre Maurina Borges; repudiou Picasso e os teatros Arena e Oficina; fuzilou Garca Lorca, Victor Jara, Marighella e Lamarca; e fez desaparecer Walter Benjamin e Tenrio Jnior.

Ao votar este ano, reflita se por acaso voc estar plantando uma semente do fascismo ou colaborando para extirp-la. (artigo enviado por Sergio Caldieri

24 thoughts on “O fascismo ronda o Brasil em 2014

  1. Um fascista de esquerda falando de outros fascismos. D nuseas se deparar com uma coisa dessas.
    Todos sabem que este elemento funcionrio da ditadura cubana e ainda fala em liberdade.
    um psicopata. Definitivamente.
    Como psicopata fala de assassinatos daqueles que no tem simpatia e se esquece que seu comandante Fidel mandou assassinar milhares sumariamente. O pior que seu comandante era advogado e sabia como funciona uma justia aceitvel, mas no, matou, matou e matou. Assim tambm fez Che. Mdico que deveria salvar vidas tambm preferiu matar e at deixou depoimentos de como o fazia. Friamente. E no nas guerrilhas, mas em fuzilamentos sumrios. Fico pensando se fossem generais como os ditadores do cone sul, que mesmo sendo educados para matar, mataram menos, que eles, um advogado e um mdico.
    Resumindo para no vomitar: ” Em religies ou ideologias o hediondo encontra justificativas para sua prtica” . Beto mostra algumas dessas justificativas aqui.
    Vade retro, “salvador”.

    Ps. Ainda h pouco a fascista da camisinha vermelha Dilma mandou um decreto -lei para consolidar definitivamente o fascismo de esquerda por aqui. O comunismo. Se passar essa excrecncia, estaremos no caminho da Venezuela, Bolvia e Cuba.

  2. Pelo que entendi do artigo do capacho do Lula, se a aposio ganhar o Brasil entra no fascismo.
    Ora, seu Frei Beto, pelo que me consta quem quer implantar o fascismo so as pessoas que voc defende.
    Conta outra, porque essa a, piada!

    • ISSO MESMO SR. CESAR FREI BETTO E SEUS COMPARSAS COMUNISTA QUERIAM COM AJUDA DECUBA IMPKANTAR UM FASCISMO VERMELHO MUITO PIOR QUE O FASCISMO DOS CAMISAS NEGR.AS

  3. Sobre fascismo Frei Beto sabe tudo.
    Pior para ns.
    Jorge Amado, Ferreira Gullar e outros renunciaram ao comunismo.
    Ainda faltam os mais bem pagos.

  4. Quanto mais Frei Betto abordar o Fascismo mais ele vai se contradizer.
    Rapidamente;
    Acusar de fascismo as mortes de Marighella e Lamarca, colocando-os em pedestais como vtimas, o articulista perdeu o fio da meada e meteu os ps pelas mos.
    Mauro Jlio definiu muito bem a questo:
    “Um fascista de esquerda falando de outros fascismos.”

    • Obrigado Bendl, mas a coisa t chata por aqui. Insuportvel.
      Os psicopatas esto no poder.
      Enquanto isso na Coreia do Sul, Austrlia, Canad….

  5. Resumindo:
    Democracia quando o resultado das eleies nos favorece e, nesse caso, o povo considerado sbio e a sua deciso deve ser respeitada!
    Quando o resultado no aquele que espervamos, ento golpe , facismo, viuvs da ditadura ou o povo manipulado pelos capitalistas e, por isso mesmo, a sua deciso no deve ser levada a serio e os Representantes da Sociedade Civil devem ser consultados.

  6. Na foto ficaram faltando os totalitrios da esquerda: Stalin e Fidel Castro.
    Ditaduras de DIREITA ou de ESQUERDA so sempre perniciosas,cruis,assassinas e sufocam o ser humano!
    NO H SADA FORA DA DEMOCRACIA!

    • Bingo Sr. Wernerck acertou em cheio as duas mazelas de nosso Pis, as “ditaduras” de esquerdas e direitas.
      A pior dela est no continuismo profundo no Estado de So Paulo, governado pela ditadura de direita e nosso algoz a Turma Que Come Mortadela e Arrota Caviar.
      Os fascistas , geraldo/serra/covas/anibal/aloisio/robsonmarinho/fhcorleone esto no governo h 24 anos.,
      Foram colocados no Bunker Francs pela Mdia Esgoto deste P[is e de l comando e roubam o Estado Mais Rico da Naao, deixando a patulia a merc da sorte para viver nesta carnificina diaria que nos meteram……

  7. O CRISTIANISMO TAMBM PARECIDO COM O FACISMO. ACENDE UMA VELA A DEUS E OUTRA AO DIABO. DIZEM QUE ” POBRES SEMPRE TEREIS ” TODAVIA VIVEM AS CUSTAS DOS RICOS EMPRESRIOS e DOS REIS > kkkkkkkkkkk

  8. O Frei que no frei coisa nenhuma, continua com a cabea enterrada no colo do Fidel e no enxerga nada. A bunda continua de fora. Mas, no se pode dizer que ele no serve para nada. Temos a agradecer a ele pela indicao do Ministro Joaquim Barbosa ao Lula, em que pese a sua indicao ter sido motivada por outra razo, isto , pensava que o Barboso seria um lacaio do facismo petralha. V fazer retiro, frei! Em Cuba, lgico. Ou melhor: pode ser na Coreia do Norte tambm.

  9. Luis Britto Garca, escritor venezuelano, frisa que uma das caractersticas marcantes do fascismo a estreita cumplicidade entre o grande capital e o Estado. Este s deve intervir na economia (…) quando se trata de favorecer os mais ricos.

    Que belo tiro no p do Beto, hem?

    Qual foi, de todos os governos brasileiros, de Tom de Souza a Dilma Rousseff, que melhor seguiu essa regrinha? Vou dar uma ajudinha: o tal governo continua seguindo a regra. Outra: o prprio Beto ajudou a fundar seu partido e eleg-lo por trs vezes.

    Para quem respondeu governo do PT, vale a frase final do Beto:

    Ao votar este ano, reflita se por acaso voc estar plantando uma semente do fascismo ou colaborando para extirp-la.

  10. Froes,
    Inteligente comentrio.
    Quanto mais corda, mais eles se enforcam; quanto mais alardeiam o fascismo, mais eles se contradizem.
    Irretocvel.

  11. Marina Silva, a Copa do Lula e a agitao revolucionria. Preparem-se!

    Escrito por Francis Lauer | 12 Junho 2014

    Marina Silva tem um mrito, ainda que seja um mrito desmeritoso: est sabotando e inviabilizando a candidatura do Eduardo Campos no PSB nacional. um mrito, pois o PSB um partido programaticamente MAIS radical que o PT e, pior do que isso, scio-fundador do Foro de So Paulo, sendo assim o eventual substituto do projeto forista no Brasil (ganhando o PT ou o PSB, o projeto segue nos trilhos). Porm, um demrito, pois favorece o PT e acirra a falsa polarizao PSDB-PT.

    Quem observar atentamente ver que o discurso adotado pelo PSB, devido a presena da Marina, acabou assumindo um tom agri-doce, no qual elogios so feitos ao Lula-Dilma com a promessa fraca de “vamos fazer melhor”. Fazer isso dar ao PT uma dupla vantagem: tanto pela oportunidade de haurir para si a parte elogiosa quanto a possibilidade de confrontar a promessa de “vamos fazer melhor” prometendo ele mesmo (o PT), tambm, corrigir os erros e deficincias do lulismo. Na poltica, empenhar a promessa que far melhor do que o seu adversrio uma promessa neutra e bvia, fraca. Em sendo assim percebe-se que a prpria candidatura do PSB, no seu mago, um elogio ao PT e ao lulismo.

    A dona Marina Silva nunca saiu do PT, nem o PT saiu dela. (1) At mesmo as pedras que ladeiam o monumento aos bandeirantes sabem que IMPERATIVO para o projeto do Foro de So Paulo conquistar o governo do maior estado e maior PIB do Brasil.

    Dizia Ceausescu, o ditador romeno, que construir uma repblica comunista caro, muito caro. De fato . Sabedor disso, o projeto forista TEM de trazer para si a gesto dessa economia que num nico ano ora o equivalente a 100 ou 200 Copas do Lula (#CopadoLula). H muito em jogo: o esforo de vida de centenas de comunistas empenhados em construir a Unio Sovitica das Amricas. O bom sucesso da tomada e manuteno da nomenklatura no poder em Cuba, Venezuela, Argentina e Bolvia (entre outros) dependem do sucesso do projeto bolivariano no Brasil, e este depende de apear o PSDB da administrao de um PIB de R$ 1.3 trilhes e coloc-lo sob a honestssima e diletssima administrao do Partido dos Trabalhadores.

    Com tanto em jogo, tantas vidas empenhadas desde a juventude na consecuo desse ideal, o bem estar e a convenincia dos paulistas no tem importncia nenhuma. Sabedora disso, a dona Marina Silva chegou ao ponto de criar um racha interno no PSB, com os olhos postos na derrota do PSDB nesse estado nevrlgico. Disse ela:

    “(…) Juntamente com todos os integrantes da Rede Sustentabilidade, discordo da indicao aprovada ontem na reunio do diretrio estadual do PSB de So Paulo de apoiar o projeto poltico do PSDB. (…) A nova fora poltica que emerge no Brasil, interpretando o desejo de mudana tantas vezes manifestado por milhes de pessoas, encontrar tambm em So Paulo sua legtima expresso. ()”

    H visivelmente um certo desespero (real ou fingido, no h como saber) do Foro de So Paulo em cumprir essa etapa AGORA. Em toda a Amrica Latina e no Brasil a locomotiva vermelha sovietizante d sinais ntidos de estresse e fadiga, seja no aspecto econmico, seja na tessitura social, seja no aspecto poltico e eleitoral. No Brasil no diferente e existe, ainda que seja uma possibilidade remotssima, o risco de perder temporariamente o governo federal. Aquinhoar So Paulo garantir mais de um tero do PIB brasileiro. Por defeitos que tenha, o socialismo burgus do PSDB tem o mrito de impedir a rapinagem dos cofres de So Paulo tal como foi feito no Rio Grande do Sul.

    Isso explica atitudes despudoradas como a da Maria Silva e seus tentculos.

    Isso explica a total falta de vergonha do jornalista Jos Luiz Datena no Brasil Urgente fazendo crticas abertas (e injustas) ao Geraldo Alckmin e elogios rasgados ao Haddad-PT, durante a semana passada.

    Isso explica a sbita proximidade do Programa Pnico (tambm na Band) com o Haddad-PT, formatando uma imagem simptica dele (e do comunismo) junto aos jovens.

    Isso explica os badernaos de junho-julho de 2013, alinhados desde o incio contra o Palcio dos Bandeirantes.

    Isso explica a comemorao de um ano dos badernaos com a greve selvagem dos sindicalistas metrovirios discpulos da antiga “ala xiita” do PT, o atual PsoL entre outros.

    E isso explicar uma possvel rebelio em massa nos presdios ou atentados pelos comandos do crime organizado para vender a idia que So Paulo, a capital e o estado, so lugares inseguros (ainda que at 2013 a grande So Paulo ainda sustentasse ndices similares ao de uma cidade no interior do Rio Grande do Sul).

    Para o PT, Marina e asseclas, So Paulo TEM de cair, por bem ou por mal. H muito em jogo e nesse jogo no h espaos para escrpulos pessoais, dramas de conscincia ou preocupaes com cosmtica individual. Ou cada um dos agentes do movimento revolucionrio se submete ao “bem maior” ou sero esmagados no caos revolucionrio. tudo ou tudo.

    Um alerta e um ato de prudncia necessrio

    Uma eliminao inesperada da seleo brasileira na Copa poder servir de estopim para uma onda de fria popular por todo o pas como resultado do acmulo de tenses, expectativas e desconfortos. Sobretudo num momento em que diferentes faces do movimento revolucionrio que detm o poder esto acirrando ao mximo as contradies existentes. Ao mesmo tempo em que essas pessoas/movimentos insuflam agitaes contra o povo (por exemplo, paralisando o principal meio de transporte da principal cidade do pas criando imensos transtornos e prejuzos) ou contra o governo, ocorreram tambm preparativos para sufocar essas revoltas com o uso das Foras Armadas. A violncia de parte a parte e o empilhamento de cadveres leva s condies de protestos e agitaes generalizadas e a uma espcie de caos revolucionrio que poder vir justificar a ruptura da ordem constituda por parte da nomenklatura forista no poder ( a normalizao mencionada por Yuri Bezmenov).

    Isso significa o seguinte: estoque alimentos, gua, prepare uma mochila de emergncia, e fique longe de agitaes na rua.

    No h como prever quando algo assim ir acontecer: pode ser numa eliminao prematura da seleo, num escndalo eleitoral, numa grande crise econmica (que inevitavelmetne VAI acontecer) ou num atentado.

    Basta uma rajada de metralhadora oriunda sabe-se l de onde e o Estado Democrtico de Direito tal como o conhecemos poder ser imediatamente suspenso.

    Notas:

    (1) Heitor de Paola na pgina 76 do livro O Eixo do Mal Latino-Americano e a Nova Ordem Mundial ao elencar normas de alto valor para entender o funcionamento de partidos comunistas orienta: (…) 1. No acreditar que polmicas entre comunistas ou entre eles e partidos afins impliquem em diviso real. Avaliar se h de fato razo suficiente para as propaladas disputas () 2. Procurar, por detrs da aparncia de desunio, sinais de unidade de ao (…) (grifos meus) No total so 14 pontos muito valiosos e fundamentais para fazer a anlise poltica que seja coerente com o verdadeiro contexto atual de subverso marxista.

    Francis Lauer tradutor.

  12. O efeito da recepo calorosa no Itaquero fizeram essa turma colar o gicl….S que a durao dessas vaias ecoaram para o eterno e infinito universo! Se pretendem desfazer desse pico momento histrico tem que sair de planeta em planeta tentando convencer os extra-terrestres que foi equivoco, pois aqui, os terrqueos j no enganam MAIS!!!

  13. Ditadura sempre perigo. A nossa foi ditamole, perto da ditadura argentina ou chilena. Em 20 anos de ditadura brasileira, foram mortas 450 pessoas. Em um s dia, o Governador eleito, Fleury matou mais. Hoje, por dia, na nossa querida democracia morrem em nossas ruas 450 pessoas a cada dois dias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.