O governador de SP pensa (?) em 2018, mas tem que se reeleger agora. A preocupação era com juros e inflação, agora com exportação. Editores querem livro de Barbosa sobre mensalão. Pôquer não é jogo de azar, equívoco do juiz.

Helio Fernandes

Alckmin está apavorado com a candidatura de Lula a governador. Dominando São Paulo desde 1994, vice de Covas que vinha bem de saúde, foi reeleito com ele em 1998. Mas aí o estado de saúde piorara, os problemas do coração de agravaram. Mas Covas ficou até o fim, morreria pouco depois.

Em 2002, inconstitucionalmente, Alckmin disputou a terceira eleição seguida, duas para vice, e em 2002, para governador mesmo. Em 2006 saia para perder para presidente, voltou como governador em 2010.

Seu projeto agora tem etapas. Em 2014 reeleição para governador, novamente presidenciável em 2018. Mas seu pesadelo é Lula, pessoalmente ou através de algum “poste”. Não esquece: Haddad ficou meses sem sair de 3 por cento nas pesquisas. Quando Lula vestiu a camisa, não teve para ninguém, nem para Serra. Alckmin sabe: se não se reeleger em São Paulo, não será presidenciável.

EDITORAS ATRÁS DE
JOAQUIM BARBOSA

São várias e importantes. Querem que escreva um livro sobre o mensalão, “contando tudo”. Se alguém pode “contar tudo”, é ele. Se sente tentado, mas não obcecado ou definido. Admite pensar no livro, mas depois que deixar a presidência do Supremo. Teria, portanto, 18 meses até dezembro de 2014.

18 meses seria o tempo mais que natural para que Barbosa escrevesse o livro, fizesse a revisão, começasse os trabalhos de edição e preparação do livro. (Já publiquei aqui que, ao terminar o mandato de presidente, Barbosa se aposentaria, montaria um escritório “pro bono”, defesa de inocentes, de graça).

Editoras admitem que ele aceitará a proposta, considera 18 meses mais do que razoável. Pensam e admitem um recorde da noite de autógrafos. Dizem: “Com o atual clima terá que ser no Maracanãzinho, com filas de jogos profissionais”.

JUROS, DÓLAR
E EXPORTAÇÃO

A preocupação é geral, ninguém acerta nas previsões. Os números de modificam de acordo com os analistas. A inflação não para de subir, os dólares “se recusam” a entrar, fica visível que o Banco Central não segura a moeda. E o ministro da Fazenda (depois de consultar o agora poderoso secretário do Tesouro) não arrisca nada, fica em silêncio, aparentemente otimista.

TUDO ISSO AFETA (OU AFASTA?)
A CANDIDATURA DILMA?

Para complicar as coisas, as exportações não melhoram, o que assusta e compromete. O PIB não cresce, vive (?) de especulação, de previsões otimistas que não se confirmam. O que falta?

SUPERÁVIT
PRIMÁRIO

Com a alta dos juros, aumenta a exigência desse “superávit” para pagamento dos juros. Necessidade: 160 bilhões em 2013. Realidade: os cálculos dessa “economia” variam entre 60 e 70 bilhões. Digamos ou admitamos que cheguem a 90 bilhões. Faltarão então 70 bilhões.

Houve época, no governo Lula, se exigia “saldo” de 150 bilhões, esse total era alcançado. O que mudou nesse Natal político interno do PT, que afeta dolorosamente o comportamento externo? O Natal de Lula e Dilma continua na mesma data?

AFIF DOMINGOS:
QUE RESISTÊNCIA

É vice-governador de São Paulo, será ministro hoje ou amanhã (falta só a posse), acumulando os dois cargos. Em 1989, Sobral Pinto mandou carta ao governador Mauro Borges, de Goiás, pedindo apoio para a candidatura de Afif a presidente.

Isso foi há 21 anos. Ele era um dos mais assíduos debatedores do programa diário de televisão do Ferreira Neto. Este não discriminava ninguém, levava gente de esquerda, centro e direita. O programa era patrocinado pela saudosa Varig. Ferreira Neto morreu, perdemos um encontro diário de democracia.

GAROTINHO E LINDBERGH
DISPUTARÃO O GOVERNO

O primeiro já foi governador, elegeu a mulher, quer voltar. O candidato do PT ainda não perdeu eleição. Prefeito eleito e reeleito de Nova Iguaçu, senador na primeira tentativa.

Pezão é incógnita devassada, tem apoio contra de Sergio Cabral. Cesar Maia, prefeito eleito e reeleito, perdeu para governador e para senador. Miro Teixeira, deputado desde 1970, como participante do MDB-da-ditadura, a mais dedicada figura do gabinete do “governador” Chagas Freitas.

Miro Teixeira não confirmará a candidatura, não se elege governador e deixa de ser deputado. Cesar Maia não tem opção, ninguém liga para ele. Um nome indisfarçável, mas ainda inavaliável: o do secretário Beltrame. Por enquanto e muito justamente, não quer ser vice, principalmente de um candidato que não vai ganhar.

ALVARO DIAS, ESTRELA
ELEITORAL DO PARANÁ

Eu disse aqui, quando Aécio foi ao Paraná encontrar Beto Richa: “Está conversando errado. Lá quem tem votos e história é Álvaro Dias”. Agora, pesquisa confirma o que eu revelei. São do PSDB. O atual prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, também era, o governador não lhe deu legenda, saiu e ganhou.

PÔQUER NÃO É
JOGO DE AZAR

Quando foi chefe de Polícia do Distrito Federal, o coronel Etchgoyen (lógico, antes da mudança da capital), mandou fazer um estudo técnico sobre os jogos de cartas. Peritos estudaram a questão durante semanas e decidiram: “O pôquer é o único jogo de cartas que não depende inteiramente as sorte ou do azar”.

E explicavam: “o jogador influenciava com inteligência, memória, habilidade, muita observação sobre comportamento dos adversários”. O jogo foi permitido, os outros, proibidos.

Agora, o juiz Almeida Neto, do Rio, garante: “Pôquer é jogo de azar, não depende da habilidade do jogador”. Não conheço em que fatos o juiz se baseou, mas está totalmente equivocado.

Na perícia mandada fazer pelo coronel chefe de Polícia, os resultados era traduzidos em percentagem. No pôquer eram 70 por cento de “inteligência e habilidade”, 30 por cento de “sorte ou azar”. Este estudo deve estar em algum lugar.

PS – No pôquer canadense ou mexicano, as apostas são altíssimas, dependem muito da frieza do jogador e da oportunidade de apostar. No EUA, se joga com o chamado “baralhão”, entram todas as 52 cartas, do 2 até o ás. Podem jogar 12 pessoas na mesma mesa.

PS2 – No Brasil só jogavam 5 pessoas, a carta menor era o 7. Nesse pôquer profissional, agora transmitido pela televisão, as regras são inteiramente diferentes. Mas continua não sendo um jogo de azar.

 

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

15 thoughts on “O governador de SP pensa (?) em 2018, mas tem que se reeleger agora. A preocupação era com juros e inflação, agora com exportação. Editores querem livro de Barbosa sobre mensalão. Pôquer não é jogo de azar, equívoco do juiz.

  1. Caro jornalista
    Permita-me um pequeno adendo, jogos de azar,são assim considerados porque estão sujeitos às leis do acaso (que é azar em francês), e não se contrapondo a sorte. Portanto, jogos de azar são aqueles que estão sujeitos unicamente às probabilidades.
    Grande abraço.
    Eliana M.

  2. Sr. Helio,

    Mais tarde o IBGE divulgará o IPCA de abril. A tendência, por enquanto está na ligeira queda e estabilização da inflação em um número entre o 7% e 8%.

    Segundo IPCA-15 (0,51%), por enquanto, estamos com uma inflação projetada até o final do ano em 7,57%. Acima, portanto, da margem superior do BC que é de 6,5%.

    Aguardemos a divulgação do IBGE para que façamos os cálculos com os números definitivos.

  3. Juros, Dólar e Exportação.
    O Superavit Primário foi criado para manter a Dívida Pública Federal estagnada em valores absolutos. Hoje a Dívida Pública Líquida está em torno de R$ 1.500 Bi, +- 35% do PIB (Produto Interno Bruto). Como o PIB vai crescendo todo ano, então a relação Dívida Pública/PIB, que é o que interessa, deveria cair ano a ano. Essa é a idéia. Foi fixado em 3,1%aa, porque é a média do crescimento do PIB. Como a Economia está crescendo menos, a Presidenta Dilma acertadamente optou por reduzí-lo para aumentar o Investimento. Agora precisamos de Investimentos Públicos/Privados. O Dólar está desvalorizado em relação ao Real, o que ajuda muito a combater a Inflação. Até atravessar esse período difícil não se pode desvalorizar mais o Real para ajudar a Indústria na Exportação. Temos que ir equilibrando assim. Nossa Exportação sofre pela conjuntura internacional difícil, EUA e Europa praticamente estagnados, a China (motor da Economia Mundial dos últimos 20 anos), naturalmente desacelera de +- 135%aa de crescimento do PIB para +- 7,5%aa, praticamente a metade, e o Mercosul, onde temos o maior potencial de crescer, entrou em pane com a brusca desaceleração de Argentina e Venezuela principalmente. Como consequência nossa Importação em relação a Exportação, subiu muito. Temos que fazer um super-esforço para Exportar mais. A meu ver a Administração Dilma/Temer está fazendo o possível, dentro da difícil conjuntura internacional. Mas vai passar. 200 Milhões de Brasileiros em quase 9 Milhões de Km2 tem um extraordinário potencial de Produção. Abrs.

  4. Afif : juntos chegremos la, fe no brasil, com afif juntos chegremos la.

    Ferreira neto: otimo programa, ele um figuraca. Faz falta na tv mUderna.

    Com toda maquina estadual e federala favor, pezao ganha. Lindinho pode esperar sn nada perder ate 2018. Garotinho nao consegue derrubar lula cabral em uma paulada so. Seria bom, mas improvavel.

  5. Pronto, o IBGE acaba de publicar o IPCA de abril. Ficou em 0,55%, um pouco acima do IPCA-15 (0,51%) que é uma prévia do índice. Em abril do ano passado a taxa havia ficado em 0,64%.

    A inflação acumulada nos últimos 12 meses ficou em: 6,49%, abaixo dos 6,59% referentes aos doze meses imediatamente anteriores.

    A inflação acumulada em 2013 está em: [(1,0086 x 1,006 x 1,0047 x 1,0055) – 1] x 100 = 2,50%. No mesmo período do ano passado a inflação foi de 1,87%.

    A inflação acumulada projetada até o final do ano corrente vem caindo da seguinte forma, conforme os dados mensais:

    1 – janeiro/2013: [(1,0086)¹² – 1] x 100 = 10,82%
    2 – fevereiro/2013: [(1,0086 x 1,006)б – 1] x 100 = 9,11%
    3 – março/2013: [(1,0086 x 1,006 x 1,0047)⁴ – 1] x 100 = 7,99%
    4 – abril/2013: [(1,0086 x 1,006 x 1,0047 x 1,0055)³ – 1] x 100 = 7,69%

    Ainda estamos apresentando um índice de aumento geral de preços –inflação projetada – acima da banda superior de controle do Banco Central que é de 6,5%; e, portanto, acima dos 5,84% do ano de 2012.

    Nota-se, também, que a tendência de queda sofre uma forte redução de janeiro para abril, tendendo a se estabilizar em torno dos 7%.

    Segundo o IBGE o grupo alimentação e bebidas, que participou com até 60% do índice inflacionário nos meses anteriores, respondeu por 43,63% do índice com 0,24 p.p.. E, continua sendo o principal grupo inflacionário, apesar de que, houve uma desaceleração na subida de preços dos alimentos iniciada de janeiro para fevereiro.

    Depois vem o grupo saúde e cuidados pessoais – 25,45% do índice – com 0,14 p.p. de impacto, seguido pelos demais grupos. Este quadro reflete o reajuste autorizado nos preços dos medicamentos no dia 31 de março, assim como o reajuste nos serviços médicos e de tratamento dentário.

    Houve deflação nos grupos transportes (-0,04 p.p.) e comunicação (-0,01 p.p.).

  6. Sou humilde não sou letrado. Mas, vejo que o gasto do governo é que alavanca todos estes problemas. Na minha casa se minha esposa gasta mais do que eu ganho é claro que ficarei tão endividado com o tempo esta dívida irá me afogar, me engolir, me matar. Mal comparando é a mesma coisa; como pode um governo com tantos ministérios, um congresso com tantos funcionários inúteis e inexistentes, uma câmara que segue exemplo de tudo que há de ruim, um judiciário emperrado, injusto, que não produz e só gasta com vossas excelências, nos âmbitos estaduais e municipais o mesmo acontece. E haja desperdício e dinheiro posto fora. Enquanto a farra da má administração e desperdício acontece não se faz o mínimo para infraestrutura do país e a inflação come famigeradamente o salário da gente.

  7. do blog do James Akel

    DILMA DÁ 176 MILHÕES DE DÓLARES PRA OBRAS EM CUBA

    Com tanto aeroporto ruim no Brasil e Dilma liberou 176 milhões de dólares pra reformar aeroportos em Cuba.
    E ontem foi lá o Fernando Pimentel pra assinar o dinheiro.
    Detalhe é que as obras vão ser feitas por empreiteiras brasileiras.
    Ou seja, o Brasil vai pagar em reais as empreiteiras brasileiras que vão até Cuba refazer aeroportos.
    Gente boa esta tal de Dilma.
    Outro dia liberou um empréstimo de 1 bilhão e 500 milhões de dólares pra Cuba e o ministro Fernando Pimentel avisou o Congresso que o empréstimo era secreto.
    Isto tem um nome que nem preciso falar o que é e os leitores entendem.

  8. do blog Trem Azul

    demarcações pilantras

    A ministra Gleisi Hoffmann, da Casa Civil, pediu ao Ministério da Justiça a suspensão de estudos da Funai para demarcação de terras indígenas no Paraná. A decisão foi da presidente Dilma para análise mais cuidadosa das demarcações suspeitas de terras indígenas no país, que estão criando tensões entre ruralistas e índios em vários Estados.

    Índios pilantras estão de vagabundagem com “ativistas” de movimentos sociais, ongs safadas e bandidagem de madeireiros e garimpeiros ilegais.

    O pedido da Casa Civil, encaminhado ao ministro da Justiça José Eduardo Cardozo, foi feito com base em análise da Embrapa sobre os estudos de demarcações no Oeste do Paraná, junto a propriedades produtivas e antigas, onde constatou que a presença de índios nos locais de estudo é recente ou até inexistente.

    O fato é que a Funai está levando adiante “estudos” de araque, feitos a pedidos de ONGs estrangeiras e até sob influência de movimentuçoçiaus e de garimpeiros e madeireiros ilegais.

    O resultado são os conflitos, como foi o caso nesta semana da greve conduzida junto a índios “que não são sérios”, como está em matéria abaixo (Esses índios não são sérios – 06/05/2013 às 21:17 h), na construção da usina hidrelétrica de Belomonte. Os ditos índios que a invadiram não são da região, moram a centenas de quilômetros de lá e são mobilizados por ONGs e elementos suspeitos. Essa farra vem de longo tempo, sob ação de “ativistas” e antropólogos com estudos de araque, que praticam golpes semelhantes em áreas ditas “quilombolas”.

    esses índios
    não são sérios

    Em nota à imprensa a Secretaria-Geral da Presidência da República informou hoje que não irá negociar com índios que invadiram um dos canteiros da obra da hidrelétrica de Belo Monte, no Pará, parando a obra pelo quinto dia conseecutivo.

    Ao menos 80% dos 180 índios que invadiram a obra são da etnia mundurucu, de aldeias situadas ao longo do rio Tapajós, a centenas de quilômetros de distância de Belo Monte.

    Hoje no começo da tarde o índio Cândido Munduruku afirmou que iriam manter o protesto até que o Planalto enviasse o ministro Gilberto Carvalho, responsável pelo trato com movimentos sociais, para conversar.

    A assessoria do ministro afirmou que os índios munducuru não são sérios e não querem negociar. Citou um dos líderes do movimento que é ligado garimpo ilegal no Tapajós, cuja manutenção estaria por trás dos interesses do grupo.

    Afirmou ainda que o ministro se colocou a disposiçã por duas vezes, que os silvícolas viajaram a Brasília em fevereiro, custeados pelo Planalto, ficaram passeando e não apareceram em reunião marcada com o ministro – também faltaram a outra reunião, em abril, em Jacareacanga-PA.

    “Eles não querem negociar e agora fizeram essa invasão em Belo Monte. Não são sérios e não são honestos”, afirmou o assessor especial do ministério Sérgio Alli. A “assessoria” do índio Cândido Mundurucu informou que ele só comentará as afirmações do Palácio do Planalto amanhã.

  9. Discordo do leitor Evilásio Coutinho. O blog não tem mais o Sebastião Nery, é verdade, mas permanece como uma boa leitura. O leitor amanheceu de mau humor.

  10. La Revolución de La Medicina

    Nada de novo. Antigamente Fidel mandava Che, que era médico, juntos com seus jagunços, para fazerem La Revolución em outros países. Hoje continua mandando “médicos”…

  11. Sorte e felicidade é ainda termos Hélio Fernandes entre nós, postando diariamente no Tribuna – último recanto independente – da Imprensa

  12. Prezado Hélio,
    Agora sim, temos um plano de segurança pública para a “carnificina diária” que transformou o Estado de São Paulo
    As três famíglias mídiaticas deixaram o seu des-governador sair da toca do caviar, só um pouquinho, já está em campanha para a PENTA-REELEIÇÂO, essa desgraça que está acabando com são Paulo e o Brasil.
    Diz ele, que está elaborando um plano para conter a violência em São Paulo, mas só agora? 24 (4 montoro), anos no poder para dizer isso ? esse é o projeto para o Estado Mais Rico da Nação.??
    A arrogância está com os dias contados.,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *