O país afunda e o governo só cuida de si mesmo.

Percival Puggina

Enquanto a presidente vai lomba abaixo, como um caminhão sem freio, saudando mandiocas e interessada no armazenamento de ventos, o país, à deriva, colhe tempestades. No último dia 13, Dilma vestiu-se de vermelho e foi a um evento da CUT. Ou seja, saiu de casa e foi para casa. Eventos da CUT são dos raros em que ela consegue não ser vaiada. Nessas oportunidades, o dito “coração valente” de sua excelência sai de trás das cortinas, ganha coragem, recebe injeção de adrenalina e parte para o ataque. Falou do quê? Da imensa crise em que atolou o Brasil? Não! Essa crise, para ela, acontece por fatores extramuros, galácticos, que não guardam relação com a intimidade do governo, dos camaradas, dos companheiros e dos partidos da base. São todos inocentes como ovelhinhas de presépio. Do Lulão ao Lulinha. A economia, segundo Dilma, vai mal por aqui em virtude de não sei qual urucubaca que se haveria abatido sobre a economia mundial.

Falso! Falso como um balanço da Petrobrás petista. Falso como uma prestação de contas do governo. Falso como um discurso do dindinho Lula. O World Economic Outlook do mês de julho, relatório elaborado pelo FMI, atualizou as projeções de janeiro prevendo, agora, um crescimento de 3,3% para a economia mundial.

As economias avançadas, referidas pela esquerda brasileira, como em estado canceroso terminal, têm evolução positiva. EUA 2,5%, Área do Euro 1,5% (p.ex: Alemanha 1,6%, França 1,2%, Espanha 3,1%, Portugal 1,7%), Reino Unido 2,4%. Os grandes desastres ficam por conta de alguns parceiros bolivarianos do petismo, especialmente Venezuela, Equador e Argentina os quais, como o Brasil, são conduzidos por inveterados demagogos e bravateiros.

PIB EM QUEDA

O PIB brasileiro vai cair 3% e seu governo vive um diz e desdiz, um faz e desfaz, um decide assim e logo decide assado, sem rumo nem prumo. Qual a atitude da presidente ante o país à deriva? Segura o leme? Olha para a bússola? Ajeita a vela? Não. Dilma faz negócios. Vende o governo em troca de apoios para permanecer no cargo. E faz afirmações como esta: “Quem tem força moral, reputação ilibada e biografia limpa suficientes para atacar a minha honra?”. Diante dessa pergunta milhões de mãos se levantam, presidente!

E ela prossegue: “Lutarei para defender o mandato que me foi concedido pelo voto popular, pela democracia e por nosso projeto de desenvolvimento”. Projeto de desenvolvimento com a economia encolhendo três por cento neste ano? Força moral? O governo é um catálogo sobre o que não se deve fazer na gestão pública! Dilma ainda preside a República, é verdade. Mas a preside malgrado não se qualificar, pessoalmente, para qualquer função na iniciativa privada onde se espere desempenho.

4 thoughts on “O país afunda e o governo só cuida de si mesmo.

  1. Dilma grita, em seus discursos, que não pode ser retirada do seu mandato porque ganhou uma eleição com cinquenta e três milhões de votos, como se fosse um número impressionante. Mas não diz que quarenta e nove milhões votaram contra ela, nem que agora só nove por cento dos brasileiros aprovam o seu governo, o que significa que, se a eleição fosse repetida agora, provavelmente teríamos mais de oitenta milhões de votos para o seu adversário. E não reconhece também que são as trapalhadas geradas por sua incompetência que estão levando o país à ruina.
    O mandato não é um salvo conduto para destruir o país, é uma delegação de poderes feita pelo povo para que o governante cuide bem dele. Quando o governante falha claramente na sua obrigação, ele pode, e deve, ser retirado pelo mesmo povo que o conferiu.

  2. Perfeito Wilson. Mas a imbecilidade só vê seus próprios e imediatos interesses. O povo e o Brasil que se dane, o importante é que eles ainda estão por aí achando, na sua louca estupidez, que este absurdo durará indefinidamente.

    • O pior Tarciso, é que este absurdo vai durar por muito tempo e, é fruto da imbecilidade do eleitor brasileiro. Ano que vem, nas eleições para prefeito isto já será visto. Meia dúzia de benesses e o povão novamente alinhado com o PT.

  3. A verdade é que não sabíamos o que rolava em governos anteriores, porém, devo ressaltar que este país com está um caos, nunca assisti tanta roubalheira e caras de pau, este governo do PT distribuiu corrupção para todos os lados, apareceram novamente Renan Calheiros e Jáder Barbalho, este último já foi condenado uma vez, mas não se emenda, corrupto é corrupto mesmo, espalhou pelo Brasil uma corja de ladrões do erário público, se for feito uma análise profunda, ninguém escapa, seja no governo federal, estadual e municipal, a moda é roubar, enriquecer e o povo que se DANE, generalizou a roubalheira, os poderes estão podres harmonicamente, é uma vergonha nacional.

Deixe um comentário para Roberto Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *