O povo não teve vez no casamento de Lula, numa festa de elite, e até José Dirceu foi barrado

O povo não tem vez no casamento de Lula

No casamento de Lula-Janja, celular só do cardiologista e expectativa por  comitê suprapartidário da campanha | Blog da Andréia Sadi | G1

Em sua festa de bacana, Lula proibiu que usassem celular

J.R. Guzzo
Gazeta do Povo

Por que alguém que se considera a pessoa mais popular do Brasil e do mundo, amado por todos e apresentado por sua própria propaganda como uma combinação de Jesus Cristo e Nelson Mandela, precisa fazer uma festa de casamento secreta? É o que Lula, candidato à Presidência da República como marechal-de-campo da esquerda nacional, tentou. Não deu certo, é claro, porque esse tipo de coisa vaza mesmo, e vaza rápido. Mas tentaram esconder, e é aí que está o problema: esconder por quê?

A explicação oficial é a necessidade de segurança, como na festa de qualquer burguesão desses que andam por aí. Tudo bem: rico é assim mesmo, faz suas comemorações atrás de uma muralha de homens de terno preto e fones de ouvido, em fortalezas defendidas por equipamento eletrônico, armamento de último tipo e tudo mais que pode isolar quem está dentro de quem precisa estar fora.

LONGE DOS POBRES – Vale tudo, desde que a pobrada fique longe. Some daqui, pobre – é este o mandamento número 1 de qualquer festa de magnata.

Mas Lula não poderia ser assim. Ele não é o pai universal dos pobres e dos coitados? Nessas horas deveria ter o povo em volta de si, em vez de fazer tudo para ficar isolado como um paxá. A explicação para isso é a mais simples de todas: é mentira que Lula seja um “homem do povo”, que tenha mesmo essa “popularidade” que encanta os institutos de pesquisa e que viva cercado pelo amor da população brasileira.

Lula foi homem do povo, 40 anos atrás – hoje é apenas um milionário a mais deste Brasilzão de sempre, igualzinho a todos os que fazem festas como a sua, circulam em carro blindado com motorista e levam uma vida sem nenhum ponto de contato com o dia a dia de pelo menos 95% da população deste país.

DEFICIÊNCIA TERMINAL – Sua popularidade, ao mesmo tempo, sofre há anos de uma deficiência terminal: ele não pode sair na rua, pelo medo invencível que tem de levar vaia, ouvir xingação de mãe e ser chamado de ladrão. A prova disso é que não sai nunca. Só vai a eventos fechados da CUT, do MST, da militância petista, de empresários em busca de oportunidades, de artistas e mais do mesmo – sempre em ambiente fechado, com entrada controlada e garantia de que o povo não chega perto.

Lula, em plena campanha eleitoral, não pode nem dar uma volta no quarteirão. Passa ao longe, de cara fechada, inatingível, escondido por vidros escuros e defendido por um batalhão de seguranças armados com submetralhadoras.

É natural, assim, que a sua festa de casamento seja idêntica às festas dessa “elite” que ele denunciou como a praga fatal do Brasil durante toda a sua vida política.

HOMEM DE ELITE – É uma prova a mais, depois de tantas, de que na vida real ninguém é mais da elite do que ele próprio. Na discurseira que a mídia publica, Lula continua fazendo de conta que é o grande combatente mundial contra o capitalismo, o homem do povo inconformado com o excesso de gastos da classe média e o santo protetor dos pobres brasileiros.

Na hora da sua festa de casamento, os únicos pobres presentes são os garçons, os ajudantes de cozinha e os manobristas – todos eles, por sinal, proibidos de comparecer ao trabalho com os seus celulares, para que não possam dizer nem mostrar para ninguém o que acontece dentro.

Lula, o PT e os seus devotos são isso.

26 thoughts on “O povo não teve vez no casamento de Lula, numa festa de elite, e até José Dirceu foi barrado

  1. Com tanta noticia ruim pipocando do nosso atual governo, só nas ultimas 24 horas tivemos a aprovação do macabro homeschooling, e a consumação da rapinagem da Eletrobrás pelos parças do Ghedys, e esse sujeito vem falar dos canapés da festa de casamento do Lula? Sinceramente esse sujeito não tem mais o que fazer?

  2. Lula pode ter feito muita coisa de errada mas acertou mais do que errou e foi infinitamente superior, como presidente e como ser humano, do que este boçal que atualmente trabalha no planalto. Casamento é uma coisa muito particular. Se eu fosse ele, teria sido uma coisa ultra modesta, só com o juiz e os padrinhos, sem noticiário e sem comemoração alguma.

  3. 1) Percebi nas entrelinhas do artigo uma grande propaganda para o Lula.

    2) O tiro saiu pela culatra, o pre – candidato ex-torneiro mecânico deve estar muito agradecido ao jornalista Guzzo.

    3) Vai ser notícia em todo o mundo, anotem.

    4) E quanto ao povão, ora, a massa entende que o seu lugar não é em festa de granfino, mas em um pagode, no churrasquinho da esquina para esquentar do frio e assemelhados.

  4. Guzzo poderia ter mais olhos de ver, para analisar o governo de seu querido Bolsonaro, o impoluto. Tanto Lula quanto ele são uma vergonha para o país.

  5. Entendo ser um exagero desnecessário com o casamento de Lula!
    Ora, é um ex-presidente, gostemos ou não e, ainda pode ser novamente, gostemos ou não!
    Um ato íntimo dele e da esposa. Convidaram amigos, parentes, etc.
    Quem, quando casou, não fez o mesmo?
    Um homem e uma mulher casaram. Só isto! Cada um tem o direito de fazer o que melhor lhe aprouver.
    Que sejam felizes e que Lula não volte ao poder. E que Bolsonaro não seja reeleito!

    Sou Simone Tebet! Ahhhhh…

    Fallavena

  6. Pra começo de conversa não sou Lulalau. Espero q não se eleja tanto quanto o Boçalnaro.
    Agora, quando comento que o cara que escreve uma coisa dessas e pernóstico, nocivo, asqueroso, nojento, meu comentário é barrado. Então tá. E viva a liberdade de expressão.

  7. Guzzo gostaria que Lula se casasse com alguém que fosse evangélica como Damares, que soubesse falar Javanês, que tivesse uma passagem pelo BBB da Globo, que ele convidasse alguem da família Marinho para padrinho e finalmente que o casamento se realizasse no Templo de Salomão pelo arcebispo Edir Macedo.

  8. Pra que casar?
    Esse ladrão é maluco?

    Poderia usufruir dos milhões roubados com altas gatas. Com mulheres bem mais jovens que ele. Afinal, agora tá na moda, coroa rico com garotinhas. Poderia tirar onda de Playboy!!!

    A tal da janja (ô apelido cafona), tá bem arranjada. Não vai faltar força no brioso.

    No mais, o casório é deprimente, esses caras nunca vão aprender que menos é mais.

    O Nine e o demônio, são megalomaníacos e desconhecem que o povo morto de fome, olha pela janela com o coração apertado e o estômago colado nas costas.

    Um dia essas “Antonietas” cairão do cavalo. Não sei se vou ver isso, mas um dia vai acontecer…

    José Luis.

  9. O GuzzoBozo conseguiu se superar!!! Dizem que a idade traz sabedoria , mas , no caso desse infeliz , acho que a regra não se confirmou. Ele só fala no Lula , que coisa esquisita. Até os remanescentes Civitas devem estar se entreolhando e ficando sem entender.

  10. Relembrar é viver..!!

    E alguns desinformados acreditam que os Irmãos Metralhas FHCorrupto e Luladrão são “brigados” desde sempre….

    Hoje até o terrorpetista que assaltava e explodia bancos e tocava o terror na cidade, diz que é Luladrão desde criancinha……

    Aloysio Nunes informa que bancos lucraram 550% a mais no governo Lula do que na gestão de FHC

    Da Redação | 28/02/2011

    Fonte: Agência Senado

    https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2011/02/28/aloysio-nunes-informa-que-bancos-lucraram-550-a-mais-no-governo-lula-do-que-na-gestao-de-fhc

  11. Não gosto do Lula e não voto nele, mas, se o casamento é dele, ele casa com quem quiser e da maneira que quiser.
    Parafraseando Homer Simpson, se a culpa é minha eu a coloco em quem eu quiser.
    Outro mas, se for eleito Dona Janja vai ser uma primeira dama mais bonita o que a do Francês Amazônico.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.