O povo ocupa as principais cidades do País, de uma forma impressionante, e as únicas brigas são por causa das bandeiras dos partidos

Carlos Newton

A cobertura das televisões, ao vivo, mostra que as manifestações até agora foram pacíficas, sem baderna. Os únicos incidentes ocorreram por causa da ideia infeliz da direção do PT, que resolveu pegar uma carona no movimento e instou seus militantes a participarem com camisas e bandeiras dos partidos.

Foi um palpite infeliz, que os jornais atribuíram ao ex-presidente Lula, mas não se sabe ao certo de quem partiu a sugestão. O que se sabe, com certeza, é que o presidente do PT, deputado Rui Falcão, encampou a sugestão.

Em diferentes pontos do País, há milhões e milhões de pessoas nas ruas, as imagens mostradas pelas TV são extraordinárias, tal o volume das multidões, especialmente no Rio e em São Paulo.

Em Brasília, os manifestantes estão novamente diante do Congresso Nacional e ainda não conseguiram atingir o objetivo de caminhar até a frente do Palácio do Planalto. A Polícia Militar e a Guarda Presidencial ocuparam a avenida diante do Palácio e fizeram um gigantesco cordão de isolamento, usando grades.

Se não houver novas badernas, os governantes nada poderão fazer. Este é o ponto principal da questão. Amanhã, os organizadores das manifestações voltam a se comunicar, pela internet, para decidirem o que será feito daqui para a frente. É preciso planejar como serão as manifestações e quais os objetivos.

 

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

8 thoughts on “O povo ocupa as principais cidades do País, de uma forma impressionante, e as únicas brigas são por causa das bandeiras dos partidos

  1. Vai baba geral!

    O governo já infiltrou agentes públicos em todos os estados para vandalizar nos movimentos e jogar a culpa nos jovens. Como foi na ditadura, Esse filme já foi exibido em 1964-1973. Em Pernambuco foi presos 04 agentes da ABIN em ação contra candidato a Presidência em 2014. Assim, agiu Hugo Chávez e Maduro. Assim sempre agíu os irmãos Fidel. Assim está agindo Cristina, Equador, Bolívia. Em Brasília foram presos 05 funcionários da presidência da república que receberam grana para participar dos protestos e agir para desacreditar os movimentos pacíficos.

    Sem resposta para sociedade.

    Até agora, não foi esclarecido nenhuma investigações sobre:

    • Saques da bolsa família avisada por funcionários da caixa econômica
    • 04 agentes da Abin preso em Pernambuco
    • 05 funcionários do gabinete da presidência presos em protesto
    • Gilberto Carvalho não explicou sobre tráfico influência no caso Rosemery

    Onda Vermelha para enfrentar às ondas verdes.

    Provavelmente por sugestão de marqueteiro petista, Lula e Ruy Falcão, convocaram onda vermelha petista, base aliada e sindicatos para usar roupas e bandeiras vermelhas para defender Dilma e o governo. Como a onda vermelha vai enfrentar às ondas verdes em 5.507 cidades Brasileiras?

    Gasolina jogada na fogueira.

    Em Brasília, construíram um estádio ao custo de R$1.000.000.000,00 para receber 70.000 torcedores na copa das confederações e copa do mundo. Entretanto em Brasília todos os times de futebol. Não reúne mais que 2.000 torcedores em dias de clássicos. Desviaram milhões de reais com a conivência das autoridades.

    Enquanto isso, milhares de seres vivem na periferia da capital em favelas e em condições desumanas como miseráveis comprados com bolsa família de R$140,00

    Esse filme eu já vi em 1964 até 1973

    No período da ditadura militar, agentes públicos infiltrados nas manifestações como agora os militantes petistas querem fazer e jogar toda culpa nos jovens pacíficos.

    Relatório Figueiredo prova.

    Extermínio e estupros de Índias documentados.
    • Roubo de terra dos índios hoje em poder dos ruralistas.
    • Governadores e seus parentes
    • Parlamentares
    • Líder ruralista Kátia Abreu. Há mais de 50 anos.
    • Ministério da Justiça e casa civil agem em defesa dos ladrões de terras dos Índios.

    O extermínio documentado

    Governo Petista Repete a Ditadura Militar

    Senadora Kátia Abreu

    Líder dos ruralistas ladrões de terras Indigenas.

    Documento que registra extermínio de índios é resgatado após décadas desaparecido

    Relatório de mais de 7 mil páginas que relatam massacres e torturas de índios no interior do país, dado como queimado num incêndio, é encontrado intacto 45 anos depois .

    A expedição percorreu mais de 16 mil quilômetros e visitou mais de 130 postos indígenas onde foram constatados inúmeros crimes e violações aos direitos humanos. O governo ignorou pedido do Relatório Figueiredo para demitir 33 agentes públicos e suspender 17

    Depois de 45 anos desaparecido, um dos documentos mais importantes produzidos pelo Estado brasileiro no último século, o chamado Relatório Figueiredo, que apurou matanças de tribos inteiras, torturas e toda sorte de crueldades praticadas contra indígenas no país principalmente por latifundiários e funcionários do extinto Serviço de Proteção ao Índio (SPI), ressurge quase intacto. Supostamente eliminado em um incêndio no Ministério da Agricultura, ele foi encontrado recentemente no Museu do Índio, no Rio, com mais de 7 mil páginas preservadas e contendo 29 dos 30 tomos originais.

    Em uma das inúmeras passagens brutais do texto, a que o Estado de Minas teve acesso e publica na data em que se comemora o Dia do Índio, um instrumento de tortura apontado como o mais comum nos postos do SPI à época, chamado “tronco”, é descrito da seguinte maneira: “Consistia na trituração dos tornozelos das vítimas, colocadas entre duas estacas enterradas juntas em um ângulo agudo. As extremidades, ligadas por roldanas, eram aproximadas lenta e continuamente”.
    Filho se emociona ao falar do trabalho de investigação feito pelo procurador sobre massacre indígena Atrocidades contra índios ficam sem punição no Brasil
    Entre denúncias de caçadas humanas promovidas com metralhadoras e dinamites atiradas de aviões, inoculações propositais de varíola em povoados isolados e doações de açúcar misturado a estricnina, o texto redigido pelo então procurador Jader de Figueiredo Correia ressuscita incontáveis fantasmas e pode se tornar agora um trunfo para a Comissão da Verdade, que apura violações de direitos humanos cometidas entre 1946 e 1988.

    A investigação, feita em 1967, em plena ditadura, a pedido do então ministro do Interior, Albuquerque Lima, tendo como base comissões parlamentares de inquérito de 1962 e 1963 e denúncias posteriores de deputados, foi o resultado de uma expedição que percorreu mais de 16 mil quilômetros, entrevistou dezenas de agentes do SPI e visitou mais de 130 postos indígenas. Jader de Figueiredo e sua equipe constataram diversos crimes, propuseram a investigação de muitos mais que lhes foram relatados pelos índios, se chocaram com a crueldade e bestialidade de agentes públicos. Ao final, no entanto, o Brasil foi privado da possibilidade de fazer justiça nos anos seguintes. Albuquerque Lima chegou a recomendar a demissão de 33 pessoas do SPI e a suspensão de 17, mas, posteriormente, muitas delas foram inocentadas pela Justiça.

    Os únicos registros do relatório disponíveis até hoje eram os presentes em reportagens publicadas na época de sua conclusão, quando houve uma entrevista coletiva no Ministério do Interior, em março de 1968, para detalhar o que havia sido constatado por Jader e sua equipe. A entrevista teve repercussão internacional, merecendo publicação inclusive em jornais como o New York Times. No entanto, tempos depois da entrevista, o que ocorreu não foi a continuação das investigações, mas a exoneração de funcionários que haviam participado do trabalho. Quem não foi demitido foi trocado de função, numa tentativa de esconder o acontecido. Em 13 de dezembro do mesmo ano o governo militar baixou o Ato Institucional nº 5, restringindo liberdades civis e tornando o regime autoritário mais rígido.

    O vice-presidente do grupo Tortura Nunca Mais de São Paulo e coordenador do Projeto Armazém Memória, Marcelo Zelic, foi quem descobriu o conteúdo do documento até então guardado entre 50 caixas de papelada no Rio de Janeiro. Ele afirma que o Relatório Figueiredo já havia se tornado motivo de preocupação para setores que possivelmente estão envolvidos nas denúncias da época antes de ser achado. “Já tem gente que está tentando desqualificar o relatório, acho que por um forte medo de ele aparecer, as pessoas está criticando o documento sem ter lido”, acusa.

    Suplícios

    O contexto desenvolvimentista da época e o ímpeto por um Brasil moderno encontravam entraves nas aldeias. O documento relata que índios eram tratados como animais e sem a menor compaixão. “É espantoso que existe na estrutura administrativa do país repartição que haja descido a tão baixos padrões de decência. E que haja funcionários públicos cuja bestialidade tenha atingido tais requintes de perversidade. Venderam-se crianças indefesas para servir aos instintos de indivíduos desumanos.

    Torturas contra crianças e adultos.

    Em monstruosos e lentos suplícios”, lamentava Figueiredo. Em outro trecho contundente, o relatório cita chacinas no Maranhão, em que “fazendeiros liquidaram toda uma nação”. Uma CPI chegou a ser instaurada em 1968, mas o país jamais julgou os algozes que ceifaram tribos inteiras e culturas milenares.

  2. Todo cuidado é pouco com os políticos e sua politicagem que querem sequestrar um movimento de revolta contra as mentiras e corrupções sempre presentes no estado brasileiro mas que agravaram com o PT. A bandalha já era notável com 24 ministérios, mas o PT logo que assumiu o poder, aumentou para 39. Adivinhem para que.
    Alguém em sã consciência concorda que um país com o povo sofrendo necessidades e não é de hoje, deva dar dinheiro a ditadores como Fidel ou dar refinarias da Petrobrás para o vizinho ditador agora, Morales?
    Falar em Petrobrás, ela comprou uma refinaria que valia 300 milhões nos EUA por quase 1 bilhão e meio. Quanto benefício o povo poderia estar usufruindo com essa fortuna, que lhe foi arrancada pelos impostos extorsivos?
    Pois é, bilhões de dólares que poderiam melhorar estradas, hospitais, transportes foram remetidos por este governo para fora do país.
    E as obras superfaturadas como estádios em locais que nem futebol tem, ferrovias inacabadas, transposição do São Francisco, etc,etc,etc ?
    Esse elemento, Rui Falcão, um dos chefões do PT,da pior espécie,é um dos responsáveis por grande parte daquilo de nocivo o PT fez e está fazendo ao povo.
    Ele é dos articuladores da PEC 37 que tira poder do ministério público de investigar corruptos como os mensaleiros do PT que se sabe nem vão para a cadeia, apesar dos crimes vistos pela população. É também um feroz combatente contra a liberdade de imprensa.

  3. Militantes da CUT são agredidos e expulsos de protesto no Rio de Janeiro510

    Hanrrikson de Andrade e Julia Affonso
    Do UOL, no Rio*

    É isso aí povão, cuidado com a bandidagem do governo. A pelegada da CUT.

  4. FORA DILMA… O “POSTE” DEU ERRADO.
    Nós estamos cansados da traição dos partidos políticos, não existe nenhum programa nesses partidos, cujo objetivo principal é roubarem. Esse PT é uma vergonha todos são corruptos, traidores. Esse LULADRÃO TARADÃO era pra ser PRESO, mas o povo ainda vai pegá-lo é questão de tempo. Zé Dirceu, Genoíno, João Paulo Cunha, José Guimarães o dos dólares na cueca, lembram? são a representação, desse PT CORRUPTO, vejam o que aconteceu com o Celso Daniel e o Toinho do PT. Um dia eles vão pagar não resta dúvida. Aqui no Brasil não existe democracia, é só ver a questão da apreciação dos VETOS PRESIDENCIAIS, mais de 3.000 vetos e esses políticos pensando que o povo é BURRO. O FATOR PREVIDENCIÁRIO outro assalto aos trabalhadores há mais de dez anos esse PT é governo e o LULADRÃO TARADÃO ainda teve a ousadia de VETAR O PROJETO QUE ACABARIA com essa excrecência. A imprensa brasileira também é toda ela cooptada pelo GOVERNO CORRUPTO, essa REDE GLOBO lembram do Jornal Nacional do Willer Bonner com o LULADRÃO TARADÃO depois das ELEIÇÕES DE 2002? REDE GLOBO FACISTA, após puxar o saco de qualquer governo que está no poder, só fala em FUTEBOL, NOVELA, BBB, GAY, DANIELA MERCURY, IVETE SANGALO, FAUSTÃO, GALVÃO BUENO UNS VERDADEIROS ignorantes ludibriando o povo, é obvio que isso não pode durar uma ETERNIDADE, parece que as coisas estão começando a mudar. Temos que acabar com esses, SENADORES E DEPUTADOS FEDERAIS, vagabundos que só trabalham TRÊS DIAS NA SEMANA, traidores, corruptos, isso tem que ACABAR URGENTEMENTE, o povo não aguenta mais tanto desmando.

  5. A Máfia formada pelos partidos políticos, neste momento chefiada por Dom Raton Lixo da Silva, é integrada por quadrilhas bem organizadas como PDT, PR, PMDB e quetais. Dilma? Não é nada. Seu futuro é trabalhar num circo, num quadro de ventríloquos.
    Enquanto isso, ocupemos as ruas!!! Ocupemos as ruas sem medo!!! Mobilização Geral!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *