O xadrez triangular

Mauro Santayana  (HD)

Que a administração de Hong Kong consultou a China sob que atitude tomar, no caso de Edward Snowden, e que a China tenha conversado com Moscou e com o Equador sobre o mesmo assunto, não há qualquer dúvida.

Hong Kong é entidade internacional atípica, mas sob a soberania chinesa. Seus governantes sabem que sua ação diplomática está condicionada a Pequim. Assim, nada fariam com relação a Snowden sem instruções precisas do governo chinês. Os chineses e os russos, os principais alvos potenciais da espionagem eletrônica de Washington, seriam ineptos, se não estivessem em consulta permanente, desde que The Guardian e o Washington Post divulgaram a denúncia do técnico da Booz Allen, e ex-membro da CIA.

Dessa forma, ao que tudo indica, eles estão agindo de forma coordenada no episódio, e decidiram manter o governo norte-americano em caldo de adrenalina. Esses dias e horas de mistério devem ter sido aproveitados para que Snowden desse detalhes da operação norte-americana.

Os chineses, como de hábito, são mais discretos, sem deixar de lado a ironia. Tendo sido acusados, pouco antes da constrangedora deserção de Snowden, de entrar nos arquivos digitais americanos, tinham razões de sobra para a desforra diplomática. E mais sólidas ainda, diante das informações detalhadas do técnico sobre o monitoramento das comunicações e registros dos computadores chineses.

PUTIN FOI CLARO

Ao falar, na Finlândia, Putin foi claro: Snowden se encontra em lugar seguro no aeroporto de Moscou, mas não atravessou a fronteira. Ele é um homem livre, conforme o líder russo, e poderá decidir o seu destino. Os russos esperam que a decisão seja tomada rapidamente, o que será melhor para Moscou e para o próprio fugitivo. Mas, apesar desse desejo de urgência, Putin disse que, não tendo a Federação Russa qualquer tratado de extradição com os Estados Unidos, não tem por que entregar o rapaz a Washington.

Ao mesmo tempo o Equador informa que está examinando o pedido de asilo formulado por Snowden, a conselho de Assange, refugiado na embaixada de Quito em Londres. Washington mudou o tom de suas exigências. Há algumas horas, Kerry ameaçava diretamente a China e a Rússia de conseqüências em suas relações com os Estados Unidos. O que podem fazer? Os chineses são os maiores credores mundiais dos norte-americanos. Os russos não têm mais o poder soviético, mas não se encontram frágeis. E chineses e russos estão fora da chantagem nuclear de Washington: cada um deles já dispõe de bombas e mísseis capazes de destruir as grandes cidades ocidentais.

A leitura dos comentários de leitores dos grandes jornais americanos sobre o escândalo do grampeamento mundial das telecomunicações mostra que o governo de Obama está despencando ladeira abaixo. A maioria deles é simpática a Snowden.
This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

6 thoughts on “O xadrez triangular

  1. Gente, gente do Brasil…merece ou não uma salva de vaias de norte a sul do pais?!!?!?!?! Coitado! Trancaram o jornalista numa gaiola de ouro e estão tratando com ração de cachorro(ele deve estar adorando)!!!!!!!Salvem o Santayana! Será que está precisando de uma coleira de forças??????

  2. Gente, gente do Brasil…merece ou não uma salva de vaias de norte a sul do pais?!!?!?!?! Coitado! Trancaram o jornalista numa gaiola de ouro e estão tratando com ração de cachorro(ele deve estar adorando)!!Salvem o Santayana! Será que está precisando de uma coleira de forças?

  3. CAROS AMIGOS , ESTE ASSUNTO É MUITO SÉRIO VAMOS FICAR ATENTOS E DIVULGAR NA REDE TORNANDO O MAIS PÚBLICO POSSÍVEL .. PARA QUE ALGUMA PROVIDÊNCIA CONTRA ESTA ESTRATÉGIA DE GUERRILHA POSSA SER TOMADA !!!!
    Existem apenas duas Universidades de medicina em Cuba:

    La Habana – Forma 200 médicos por ano.

    Elam – Escuela Latino Americana de Medicina – Forma 100 médicos por ano.

    Portanto seriam: 200 + 100 = 300 médicos por ano.

    Para juntar 6 mil médicos, seriam necessários todos os médicos formados nos últimos 20 anos, que teriam de estar disponíveis para vir trabalhar no Brasil.

    Portanto, fica descaradamente evidente que vão imprimir 6 mil diplomas e mandar 6 mil agentes da ditadura comunista da família Castro para formar células revolucionárias no Brasil, aliciando a tão sofrida e fragilizada população que depende totalmente da assistência da saúde pública em nosso país.

    ESTÁ NA NOSSA CARA MEUS AMIGOS , SÃO MAIS 6 MIL CABOS ELEITORAIS DO PT !!!!!!!

    A democracia brasileira está correndo perigo !!!!

    Leiam o texto a seguir:

    Artigo no Alerta Total – http://www.alertatotal.net

    Por José Gobbo Ferreira

    Em primeiro lugar, tenho que lhes pedir que não me considerem paranóico ou adepto de teorias conspirativas. Meu assunto hoje é gravíssimo e peço que o apreciem com profunda atenção.

    Fato portador de futuro: O governo pretende contratar 6.000 médicos cubanos para trabalhar nas áreas carentes do Brasil.

    Em primeiro lugar, chama a atenção o número. Cuba é um país muito pequeno.. Nele é fácil ajustar a formação profissional com as necessidades da sociedade. É no mínimo estranho que haja tantos médicos sobrando, a ponto de nos serem oferecidos nessa quantidade.

    Depois, é preciso levar em conta a qualidade da formação desses profissionais.. Estou anexando reportagem de “O Globo” de hoje, 8/5/2013, que discute esse assunto. A qualidade daqueles profissionais está abaixo da crítica.

    Em seguida, note-se que o destino dessas pessoas será os rincões mais atrasados do país, onde todos os péssimos serviços prestados pelo governo, praticamente inexistem, em particular a segurança.

    Se forem de fato médicos, depois de militarem por algum tempo naqueles lugares, é perfeitamente compreensível que queiram um upgrade, ou seja, oportunidades em locais melhores, e aí com certeza o regime bolivariano brasileiro lhes facultará esse direito, que equivalerá a equipará-los aos profissionais formados nas faculdades brasileiras.

    Por todos esses motivos a vinda desses “profissionais” deve ser abortada.

    Mas agora vem o mais importante: Esse pessoal pode se constituir em uma ameaça gravíssima à Segurança Nacional. Em outras palavras: nada me convence que eles, pelo menos em sua grande maioria SEJAM REALMENTE MÉDICOS, AINDA QUE APRESENTEM OS MAIS DIFERENTES DIPLOMAS CUBANOS.

    Raciocinem comigo: Qual a melhor maneira de infiltrar guerrilheiros cubanos em nosso território sem combate, sem defesa, e em locais onde a ação do Estado brasileiro é deficiente, ou mesmo ausente? Qual a melhor maneira para doutrinar grupos como o MST, por exemplo, do que infiltrar instrutores de guerrilha em seu meio, disfarçados de médicos? Ainda que não seja provável que o governo bolivariano brasileiro um dia quisesse fazê-lo, como fiscalizar a atuação dessas pessoas e, mesmo que ela se torne francamente indesejável, como destruir uma rede de pelo menos 6.000 (eles se multiplicam) pontos estrategicamente distribuída pelas áreas carentes e/ou remotas do país e já solidamente implantada?

    Por amor ao Brasil eu os concito a agir da maneira que estiver ao alcance de cada um, para fazer abortar essa inciativa do grupo bolivariano que nos governa. Repassem o mais possível, enviem e-mails para os CRM´s e para o CFM, mobilizem os médicos que possam ter em seus círculos de amizade e principalmente na família. Não é necessário (ainda) pegar em armas. No momento nossa arma é a internet e o boca a boca.

    Ainda que meus temores sejam indevidos, não há vantagem nenhuma em aceitar essa horda em nosso país. Não há porque correr esse risco pois até mesmo os possíveis benefícios não são compensadores. Isso me parece ser o maior cavalo de Troia da idade moderna.

    Estou anexando também um artigo que mostra a infiltração de guerrilheiros cubanos no Chile de Salvador Allende. Naquele tempo, a maior parte usou passaportes diplomáticos. Hoje, o governo do Brasil é exatamente o que era o governo Allende. E os cubanos usariam desta vez seus diplomas de péssima qualidade para se instalar.

    Acorda Brasil.

    José Gobbo Ferreira é Coronel Reformado do EB.

  4. Falar em EUA, se sabe que milhares de brasileiros foram para lá fazer compras. A maioria deles está com muito dinheiro. Estão gastando a rodo. Muitos deles “trabalham” na máquina pública e a boca é boa. Quem não sabe disso?
    São mais de 50 mil cargos criados pelo PT, fora os 39 ministérios.
    Ganham muito e nada fazem, a não ser propaganda deste governo como alguns deles que sempre vem aqui.

  5. Essa de médicos cubanos aqui é mais uma malandragem do nosso bando vermelho, que está prestando um favor ao seu mentor e ídolo Fidel. Isto é para aliviar um pouco a barra econômica de Cuba, que vai de mal a pior, como sempre. Lá só não há revolta, porque o exército de lá ganha 5 vezes mais que qualquer trabalhador comum. O ditador é esperto, pois com a repressão sendo bem paga, eles trabalham direitinho para ele.
    Quanto a médicos, se sabe que aqui no Brasil tem médicos de sobra, o que falta é condições de trabalho descente para eles. Como de resto para o povo brasileiro, que está aí nas ruas revoltados com as sacanagens descaradas dessa gente do PT.
    A coisa chega ultrapassa qualquer limite moral imaginado. É hediondo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *