Os dois filhos de Lula se tornaram “fenômenos” empresariais

Luís Cláudio também está envolvido na Lava Jato

Eduardo Bresciani e Maria Lima
O Globo

Em dez anos de governo do PT, os dois filhos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o biólogo Fábio Luís, o Lulinha, e o estudante de educação física Luís Cláudio da Silva se transformaram em grande empresários. O aumento patrimonial considerado atípico e o estilo de vida luxuoso têm gerado todo tipo de especulação sobre a possibilidade enriquecimento ilícito e tráfico de influência. Com faturamento anual milionário , os dois irmãos são sócios em duas holdings que administram seis empresas nas áreas de entretenimento e eventos, a LLCS Participações e a LLF Participações.

O primogênito de Lula foi catapultado para o mundo dos grandes negócios dois anos depois da posse do pai no Planalto, em 2005, quando a antiga Telemar — hoje Oi — pagou R$ 5,2 milhões para se associar com à Gamecorp, uma microempresa de jogos na internet criada por Fábio e amigos anos antes. O negócio gerou grande polêmica e até um inquérito para apurar possíveis ilegalidades, arquivado por falta de provas pelo Ministério Público Federal. Na época, questionado sobre o sucesso do negócio, o então presidente Lula fez piada: “Que culpa tenho eu se meu filho é o Ronaldinho dos negócios?”

TELEMAR

Em entrevista à “Revista Piauí”, o ex-ministro José Dirceu contou que um dos raros momentos que se indispôs com o amigo Lula foi quando estourou na imprensa o negócio de Lulinha com a Telemar . No perfil traçado por Dirceu para a jornalista Daniela Pinheiro, Lulinha é descrito como alguém que tinha desprezo pela verdade . “É assim: estamos aqui tomando cerveja, neste hotel simples, à tarde. Quando o Lulinha conta essa história, ele conta assim: ‘Estavam os dois, à noite, tomando champanhe Cristal no Hotel Ritz, em Paris’. Ele quer melhorar a história, ele fabula. O Lulinha pegava pesado.”

Segundo a reportagem da “Piauí”, na ocasião, Dirceu disse ter procurado Lula, que respondeu: “Você vai ficar enchendo meu saco por causa do Lulinha, Zé Dirceu?”

INVESTIGAÇÕES DA PF

Além da investigação sobre a transação da Gamecorp com a Telemar, Lulinha foi investigado em uma ação da Polícia Federal por causa de suas andanças na cidade de Foz do Iguaçu, no Paraná. Produzido pelo Núcleo de Inteligência da PF, o documento afirma que Lulinha manteve encontros em janeiro de 2008 com diretores de Itaipu, a empresa binacional de energia. O relatório ganhou selo de confidencial e foi classificado pela PF como um caso de “enriquecimento ilícito”, apesar de não haver menção explícita ao crime no texto. O caso também foi arquivado.

Desde 2006, quando estourou o caso da Gamecorp, parlamentares da Oposição vem apresentando requerimentos de convocação de Lula e Lulinha em várias CPIs para investigar tráfico de influência. Mas com a blindagem da base governista, nenhum requerimento foi aprovado até hoje.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOGO outro filho de Lula, Luis Cláudio, também é fenômeno empresarial e está envolvido na Lava Jato. Uma empresa criada por ele recebeu pagamentos de uma das consultorias suspeitas de atuar pela Medida Provisória 471, que prorrogou benefícios fiscais de montadoras de veículos. A Marcondes & Mautoni Empreendimentos fez repasses à LFT Marketing Esportivo, aberta em março de 2011 por Luís Cláudio. Os valores alcançam 2,4 milhões de reais e foram transferidos em parcelas de 400.000 reais. Naquele mesmo ano, a medida provisória começou a vigorar. Coincidência? (C.N.)

10 thoughts on “Os dois filhos de Lula se tornaram “fenômenos” empresariais

  1. Posso estar errado……….
    Mas o voto no braziu, perdeu a validade………….
    Votar, não vai mudar mais nada…….
    Primeiramente, é preciso mudar a estrutura política partidária, depois,
    voltaremos a votar…………

  2. Se eu não declarar meu IR ou , até mesmo, esquecer de registrar algum bem adquirido na mesma, terei problemas com a receita. COM ESTE FDP NÃO ACONTECE NADA!!!!!!!!! É revoltante ser brasileiro. PQP elevado à décima potência!! Não voto mais!! É o mínimo que posso fazer!!!

  3. Os dois filhos de LulaMolusco se tornaram fenomenos empresarias.
    Como sempre os ditos jornalistas chapa-branca selecionando os filhos de alguns e esquecendo os filhos dos outros.
    Cadê o outro fenomeno empresarial da filha do Vampiro da Móoca, verônica serra, aliada ao famoso banqueiro corrupto de trânsito livre no des-governo da Rainha da França.??
    Cadê o outro fenômeno empresarial dos filhos da Rainha da frança, três inertes, ineptos, nunca trabalharam da pulga da vida e que há 50 anos mamam em tetas públicas.???
    Cadê o outro fenômeno empresarial do filho do covas>?:?? o zuzinha , o chuva ácida, como é conhecido entre seus pares, jogador compulsivo, gastando milhões de dólares em Las Vegas.???
    Como diz aquele outro fenômeno da parábolica. “O que é bom a gente divulga, o que é ruim a gente esconde “…..
    eh!eh!eh!eh
    VIVE LA FRANCE!!!!!

    • Parabens Armando, não podemos deixar de dizer que um filho de Lula foi preparador fisico do Palmeiras e depois do Corinthians com grandes salarios. Por que o Sr Newton não explica os fenomenos empresarias dos filhos de FHC, que levou 20 milhoes de dolars numa tal feira de Hannover, e a filha, Luciana Cardoso que ganhava uma pequena fortuna de salario do senado, nos tempos de Lula, mesmo na oposiçao conseguiam lançar as maos nos cofres pu,blicos, imaginemos o que faziam quando o papai era presidente.

  4. Os derrotados nas urnas já se conformaram que não vai ter terceiro turno, o Aécio está doente por isso. Não vai ter golpe, o país não quer. Não vai ter renúncia, os 54 milhões de votantes na Dilma, não permitiriam a atual presidente, jogar fora os votos que recebeu, então,
    o melhor é se prevenir e tentar desconstruir a candidatura do Lula em 2018. Não falam de outra coisa, tem gente que até já esqueceu da Dilma. O problema é combinar com o povão.

  5. Não esqueçam dos papagaios da família, também, ou quem sabe algum vizinho, algum pedestre ou algum atendente de loja que teve algum contato com alguem dessa família. Prendam, prendam, cortem alguma cabeça, façam alguma coisa, estamos passando por incompetentes, temos toda a midia a no$$o favor e não saimos do lugar. Mandem para as masmorras do moro que lá eles falam.

  6. Sr Ricardo, o falou e disse, como se diz na giria.

    Eu por exemplo, já tive um problema dos diabos com a Receita, não por que deixei de declarar algo, mas por que coloquei uma informação em lugar indevido.
    Não adiantou eu tentar explicar, mandar comprovantes que não houve má, não teve jeito.
    Uma diferença de pouco mais de trezentos reais, paguei quase dois mil e oitocentos reais.
    Até aceito que seja penalizado por tal ato, mas também não precisava me sangrar.

    ENQUANTO OUTROS ………………….

    • Anos atrás, caí na malha fina. Apavorado, corri à Receita Federal. Meu crime: ter arredondado, PARA CIMA, os centavos do imposto a recolher. Patético.

Deixe um comentário para Gilson Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *