Os novos atores no atual cenário político brasileiro

Nas ruas, agora os protestos são contra o governo de Temer

Leonardo Boff
O Tempo

Ocorrem coisas estranhas no reino que não é da Dinamarca, mas do Brasil: uma presidente é afastada por erros menores de administração financeira que ocorrem em todos os governos e não representam motivos para sua destituição pelo simples fato de não haver proporção entre o eventual erro e a pena máxima. É pretexto para outra coisa.

Recentemente, descobriu-se por gravações entre líderes da oposição, nomeadamente do PMDB e do PSDB com um dos diretores da Petrobras, que o real motivo do afastamento da presidente não era tanto a alegada irresponsabilidade fiscal. Ele era necessário para encerrar a Lava Jato, que envolvia corruptos não só do PT, mas dos principais partidos. Essa é a razão rasa do processo de impeachment da presidente.

UM BANDO DE LADRÕES – Bem disse Noam Chomsky, que vive com uma brasileira, que trata-se de “um bando de ladrões acusando uma mulher inocente, contra a qual nem sequer há indícios de crime”. Esse bando se uniu com o conspirador-mor, o vice-presidente Michel Temer, com setores do próprio STF, com a PF e o MP, para escaparem ilesos de seus crimes e salvarem suas carreiras políticas. A intenção originária e perversa era desestabilizar o governo do PT, o que, em parte, conseguiram, apoiados por uma imprensa conservadora e caluniosa, das mais concentradas do mundo.

O vice-presidente, um homem fraco e sem qualquer liderança, esqueceu-se de que era vice e que deveria substituir a presidente enquanto durasse o processo contra ela, mantendo a máquina governamental.

Sequestrou o cargo como se fosse presidente, com um projeto político não apresentado ao povo, montando todo um novo governo com gente da pior espécie política, alguns acusados de corrupção, todos brancos e ricos. Os ministérios que tinham alma foram reduzidos ou abolidos, ficando apenas aqueles que são esqueletos da administração.

NEOLIBERALISMO – Em momentos de crise e de caos político, os propulsores do projeto radical do neoliberalismo aplicam sem piedade a “doutrina do choque”. Aproveitam a fraqueza das instituições e do poder central para impor seu projeto absolutamente antipopular e antissocial, que privatiza bens públicos e corta benefícios sociais para favorecer as classes endinheiradas. Esse projeto descaradamente liberal está sendo imposto ao povo brasileiro.

Vale recordar que a população já se deu conta das tramoias golpistas. Onde quer que apareçam deputados ou senadores, são apupados de “golpistas” ou submetidos a escrachos. O vice-presidente nem sequer pode sair de casa, pois as multidões gritam “fora, Temer”. Só mesmo a vaidade o mantém no poder, pois não passa de um figurante de forças que o manejam, como o grupo de Eduardo Cunha. O silêncio de setores do STF está na tradição de 1964, como apoiadores do golpe, contra qualquer ética jurídica e imparcialidade.

O POVO NAS RUAS – Mas um novo sujeito político surgiu nas últimas semanas: as multidões nas ruas, gritando pela democracia e “fora, Temer”. Protagonistas estão sendo as milhares de mulheres, revoltadas contra a cultura do estupro e também em solidariedade a Dilma, vítima do inveterado machismo brasileiro.

Outro protagonista novo são os jovens de todas as idades, conscientemente distanciados dos partidos, mas que reclamam por democracia, ocupam escolas por melhor educação e cobram reformas. Todos os dias são milhares e milhares enchendo as ruas com suas bandeiras e músicas. Seguramente, quem vai derrubar o impeachment serão as ruas. Os senadores pró-impeachment, muitos deles sob acusações, dificilmente se livrarão, pela vida afora, do epíteto de “golpistas”.

23 thoughts on “Os novos atores no atual cenário político brasileiro

  1. Sr Boff

    Vou perder uns minutos para escrever umas linhas…quero lembra-lo e insisto, consulte um oftalmologista, embora reconheça que não adiante nada pois não existe pior cego de que aquele que não quer enxergar…seu discurso parece o de um robôzinho que repete insistentemente uma programação…está ficando paretica sua defesa do desatre do lulodilmismo petista…Quando afirma que as multidões gritam nas ruas Fora Temer…as mortadelas estão acabando Boff, quem não sai as ruas e se esconde desde que foi flagrada a Rosemery Lula não fala mais com jornalistas normais somente com os amestrados. O pai dos pobres so anda de jatinho e se hospeda em hotel cinco estrelas…esta chamando de ladrões os aliados ou melhor os ex aliados nos crimes que acusa agora…Boff ja percebeu que Lula vai ser preso e que Dilma não volta mais? e que ela sim cometeu cimes eleitorais e otras cositas mais? Marcelo, Leo Pinheiro, até o Vaccari vão entregas as maracutaias…e o seu discurso vitimista seu Boff?

  2. Será que esse cara acredita no que diz? E será que ele acha que alguém, em sã consciência, nele acredita. É tão absurdo esse já desgastado e inverossímel discurso, que já virou audácia do Bof!

  3. Com a devida vênia.
    Deus pode até ser brasileiro mas não é comunista/socialista tanto que foi só ameaçar o impedimento e as represas estão se recuperando, o frio voltou, as chuvas de junho, os tornados,…. os tornados, bem: nada, nunca será totalmente perfeito.

    Antes da Dilma as pedaladas não passavam de 0,10% do PIB com a Dilma passaram de 1% esse aumento de 1.000% foi para aquisição de 25 milhões de votos,….. pois é, todos pedalaram.

  4. As mentiras que não tem como serem transformadas em verdades.

    “…uma presidente é afastada por erros menores de administração financeira que ocorrem em todos os governos e não representam motivos para sua destituição pelo simples fato de não haver proporção entre o eventual erro e a pena máxima. É pretexto para outra coisa.”
    MENTIRAS: 1 – outros governos não fizeram; 2 – a pena já era prevista desde antes dos mandatos de Dillma; 3 – Se fosse outro, os petralhas diriam que seria justa; 4 – o pretexto é justo: para colocá-la atrás das grades, oferecer tratamento mental e interná-la, definitivamente.

    ”Mas um novo sujeito político surgiu nas últimas semanas: as multidões nas ruas, gritando pela democracia e “fora, Temer”. ”
    MENTIRAS: 1- já estavam na rua defendendo os corruptos, ladrões e tentando garantias suas boquinhas; 2 – são movimentos que mamam e querem continuar mamando nas tetas públicas. Boa parte utilizados como massa de manobra.

    “Outro protagonista novo são os jovens de todas as idades, conscientemente distanciados dos partidos, mas que reclamam por democracia, ocupam escolas por melhor educação e cobram reformas. Todos os dias são milhares e milhares enchendo as ruas com suas bandeiras e músicas. Seguramente, quem vai derrubar o impeachment serão as ruas. Os senadores pró-impeachment, muitos deles sob acusações, dificilmente se livrarão, pela vida afora, do epíteto de “golpistas”.”
    MENTIRAS: 1 – jovens de todas as idades, até crianças. Sempre se valeram das crianças para enfrentamento. bando de covardes; 2 – distanciados dos partidos” – uma piada!;reclamam por democracia e “ocupam as escolas”. bando de manipulados que invadem escolas. Só estão sobrevivendo diante de governos fracos, burros e incapazes de assumir suas responsabilidades. 3 – Derrubar impeachment? Vão voltar para suas casas, com o rabo entre as penas! 4 – Senadores acusados? E os petistas? Quantos são acusados, quantos já estão presos e quantos esperando a prisão? 5 – golpistas: quem deu o golpe para se eleger? Quem golpeou a Petrobrás, o BNDES, estatais e o estado brasileiro?

    Alucinados, alcoolizados pelo ódio que semearam e começam a colher, fábrica de mentiras, corruptos e corruptores, mamadores do esforço e trabalho dos outros, estão enxergando o fim dos seus tempos e não conseguem compreender. jamais existiu um partido e seguidores tão odiosos como aqueles que venderam uma estrela e produziram uma farsa. Assaltantes de consciências e dos cofres da nação, usaram os mais pobres, os mais ignorantes e os mais servis para seus objetivos.
    A cadeia os espera!

  5. Desde quando citar Noam Chonsky é sinal de erudição? Prefaciou o livro de um francês que nega que os alemães tenham assassinado um único judeu na Segunda Guerra.Até seu pai parou de falar com ele.P.S. Ladrões mesmo é a turma da mulher que saquearam um pais.

  6. É melhor ler um texto absurdo como o do articulista do que ser cego. Ele deve ganhar ou ter ganhado para escrever tanta besteira. Defendamos, não obstante, o direito de ele dizer o que quiser. Não somos comunistas como ele e privamos a liberdade de expressão.

  7. Puxa vida…que decepção.. Logo o Leonardo Boff. Mas quem voutou em Dilma votou em Temer. O impeachment,que também não concordo,pois sou a favor de uma intervenção constitucional , também é previsto na constituição…. Enfim, esses senhor é um esquerdopata assumido….além de excomungado…..

  8. “Você está muito manso. Temos saudades de sua iracúndia sagrada, exatamente neste momento de irracionalidade política.” Genézio Darci Boff, vulgo Leonardo Boff, pedindo à azêmola Zé de Abreu, por e-mail, que ele volte vomitar asneiras e a cuspir em desafetos.

    Sem dúvida, foram feitos um para o outro…

    Depois dessa, não há mais asneira nenhuma a ser suplantada por esse desorientado.

  9. Algumas informações: – o TCU provavelmente vai rejeitar as contas de Dilma de 2015 pelas pedaladas fiscais e outras lambanças.
    – Em 31/07 haverá novamente manifestações pelo impeachment de Dilma, pela prisão de Lula e apoio à Lava Jato. Em 4 dias, os 5 principais movimentos já contavam com mais de 40.000 pessoas confirmadas. Quantas os mortadelas levaram às ruas 6 feira agora?
    Outra coisa Sr . Leonardo, pesquise sobre a Lei Newcomb Benford aplicada às eleições 2014 e depois fale sobre “eleita legitimamente”. Pesquise sobre Smartmatic, sobre apuração secreta.
    E ainda: como chegamos a 11.000.000 de desempregados? Como temos R$ 170 bilhões de déficit e trilhões de déficit público? Como apesar dos bolsas famílias pagos até a falecidos milhões voltaram à pobreza?
    Porque o BNDES emprestava dinheiro descontados dos nossos holerits para outros países enquanto nossas empresas estão quebrando?
    Sr. Leonardo, lutar contra a verdade é querer prolongar o sofrimento. Mantenha a calma porque vai chegar o momento do Lula ser preso e não queremos histeria de PeTistas. Ele não merece esse desespero.

  10. O negocio dele he grana.Deve ser um baita vagabundo q nem acredita nas coisas ridiculas que escreve,mas com certeza he pago por alguem da organizacao. p\Para defender tudo,nao importa q va contra a logica ou a moral.Nao passa de um vendido,comprado,pois ninguem seria hoje tao tapado em suas conivcoes.

  11. Boff;
    Cala essa sua boca fetida e cheia de estrume oriundo do seu parco resto de cerebro que alias vc nunca teve.
    Imbecil, idiota.
    Só vomita estrume e asneira desse receptáculo esgotal sobre o pescoço cevado Petista.
    Cala sua boca! E calado vc ja está errado!

  12. O vice-presidente nem sequer pode sair de casa, pois as multidões gritam “fora, Temer”. Só mesmo a vaidade o mantém no poder, pois não passa de um figurante de forças que o manejam, como o grupo de Eduardo Cunha. O silêncio de setores do STF está na tradição de 1964, como apoiadores do golpe, contra qualquer ética jurídica e imparcialidade.
    SUBSTITUA O VICE-PRESIDENTE POR LULA E/OU DILMA E A FRASE SE TORNA AINDA MAIS VERDADEIRA.
    SR. LEONARDO BOFF DEIXE DE SER RIDICULO! TUDO O QUE SERVE PARA DESQUALIFICAR TEMER E OS “GOLPISTAS” SERVE MUITO MAIS DESQUALIFICAR LULA, DIMA E OS PETRALHAS!

  13. VIU “PROFESSOR” IDEÓLOGO-DOUTRINADOR NEM UM COMENTÁRIO, SEQUER, APOIANDO SUA VERBORRAGIA COMUNISTA. PARECE QUE VOCÊ, DE FATO,CONTINUA UM PADRE DE PASSEATA (COM0 DITO ÀCIMA) SENDO QUE AGORA LHE SOBRECARREGA O CÉREBRO SINAIS DE SENILIDADE. DEFENDENDO AS PORTAS DO VALHACOUTO PETISTA.

  14. Esse Boff compete com José Eduardo Cardozo, da AGU, para ver quem inventa mais a favor da (ex-) Presidente.
    O texto é claro: o autor está com vendas nos olhos e um tapa ouvidos para não se comunicar com o mundo real.
    Meu caro, o teu PT acabou.
    Breve breve seus integrantes estarão migrando para outras agremiações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *