Papa Francisco quer ação decisiva contra pedófilos da Igreja

As agências internacionais revelam que o Papa Francisco pediu nesta sexta-feira uma ação “decisiva” contra abusos sexuais de menores cometidos por membros da Igreja. É a primeira vez que o argentino Jorge Bergoglio se expressou publicamente e de forma direta sobre o tema, durante um encontro com o chefe da Congregação para a Doutrina da Fé, Gerhard Mueller.

Em comunicado, o Vaticano diz que o Papa exortou o religioso a agir para proteger os menores, ajudar aqueles que sofreram com a violência no passado e seguir os procedimentos necessários contra aqueles que são culpados.

“O Papa pediu que a Congregação continue seguindo a linha estabelecida por Bento XVI, que atue com determinação no que se refere aos abusos sexuais”, disse a nota.

Em 2011, a Congregação para a Doutrina da Fé conclamou religiosos de todo o mundo a apresentarem diretrizes para ajudar as vítimas, proteger as crianças, selecionando e treinando sacerdotes e religiosos, lidar com os padres acusados, e colaborar com as autoridades locais.
Quando foi eleito pela primeira vez, Bento XVI prometeu livrar a Igreja da “sujeira” da pedofilia clerical, mas os críticos o acusaram de acobertar abusos no passado e de não ter protegido as crianças de padres pedófilos.

Vítimas de abuso sexual por parte do clero pediram uma resposta forte do novo Pontífice à crise que abalou a Igreja. (Agência Globo)

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *