PF vai investigar ligao entre compra de Pasadena e Operao Lava Jato

Deu na Agncia Brasil

A Polcia Federal (PF) vai investigar a ligao dos fatos apurados na Operao Lava Jato com os eventuais ilcitos na compra pela Petrobras da Refinaria de Pasadena, no Texas, em 2006. A pedido de um delegado da PF, a Justia Federal em Curitiba autorizou nesta sexta-feira (13/6) o compartilhamento das investigaes.

A polmica sobre a compra de Pasadena est em torno do valor pago pela Petrobras, que desembolsou no total US$ 1,25 bilho no negcio. Segundo a presidenta da estatal, Graa Foster, a companhia belga Astra, antiga dona da refinaria, pagou no mnimo, US$ 360 milhes, e no US$ 42,5 milhes, conforme divulgado. Graa disse, em depoimento CPI da Petrobras, que a estatal brasileira pagou US$ 885 milhes, e a Astra pagou US$ 360 milhes. O restante foram juros e honorrios.
Ao depor na CPI, o ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa afirmou que a compra da refinaria foi um bom negcio. Na Operao Lava Jato, Costa e o doleiro Alberto Youssef so investigados por possveis desvios de recursos pblicos na construo da Refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco.
SUPERFATURAMENTO
De acordo com o Ministrio Pblico Federal (MPF), os desvios na construo da refinaria pernambucana ocorreram por meio de contratos superfaturados, feitos com empresas que prestaram servios Petrobras entre 2009 e 2014. Segundo o MPF, a obra orada em R$ 2,5 bilhes, custou mais de R$ 20 bilhes. A investigao indica que os desvios tiveram a participao Costa e Youssef, dono de empresas de fachada.
Nesta semana, o Ministrio Pblico da Sua informou Justia Federal brasileira que foram descobertas naquele pas contas bancrias no valor de US$ 29 milhes ligadas ao caso. Foram identificadas 12 contas em bancos suos sob o controle de Paulo Roberto Costa, suas duas filhas, genros e de um funcionrio do doleiro Alberto Youssef. Do total, US$ 23 milhes pertencem ao ex-diretor da Petrobras, segundo o levantamento suo.

5 thoughts on “PF vai investigar ligao entre compra de Pasadena e Operao Lava Jato

  1. Alhos e bugalhos!

    A dificuldade em divulgar quanto a refinaria produz e quanto fatura porque vai mostrar o quanto somos trouxas, alm claro, as safadezas.

    O consumidor americano, renda 20 vezes maior, abastece com combustvel 60% importado pagando menos de um dlar por litro, meio estranho, mas,….,
    Talvez por isto Passadena teria de mostrar aos patriotas, o quanto barato ela vende seus produtos.

    E aqui, no pais das maravilhas, pas do “me engana que eu gostio”, onde o estatismo sagrado para os milhares de indicados, onde a regra ; para sempre pibinho, arrecadaozinha, lero-lero, conversa mole, continuaremos a “esvaziar” os bolsos em prol dos parasos fiscais e, importando o absurdo de 20% de gasolina ou petrleo leve.

  2. Se tiverem “aquilo roxo” devem dar nfase OPERAO MONTE POLLINO.

    A a casa no vai cair, vai desmoronar. Isto , se a grande mdia patrocinada pela quadrilha PT se dignar a publicar algo a respeito.

    Tomara que a PF siga adiante. uma das raras instituies neste pas que ainda desfruta de boa f.

  3. No rotularia a PF como oposio, senhor Tarciso… entendi o ” esprito da coisa”…
    Ficaria muito melhor entender a Policia Federal como divisor de guas… no caso, as barrentas das potveis, filtradas, por excelncia. Pelo menos at agora essa a imagem que o brasileiro tm da sua Policia Federal.

Deixe um comentário para Joo Batista Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.