Piada do Ano (ou Maldade do Ano): Katia Abreu diz a Dilma que ela terá 32 votos

Resultado de imagem para katia abreu

Kátia Abreu conta nos dedos os votos que pretende dar a Dilma

Deu em O Tempo
(Agência Estado)

A senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) acredita que a presidente afastada Dilma Rousseff pode reverter o quadro, se livrar da cassação e voltar ao poder. Nas contas da senadora, que trabalha para tentar convencer colegas a favor da petista, há uma margem de 28 a 32 votos que Dilma pode obter a seu favor. “Se conseguirmos 28, chegaremos a 32”, disse.

A senadora confidenciou que há parlamentares que nos bastidores admitem que não há crime de responsabilidade por parte de Dilma, mas que mesmo assim estão inclinados a aprovar a cassação. “Eu tenho dito que eles ainda têm tempo para mudar o voto”, afirmou.

Segundo Kátia Abreu, ela tem falado com Dilma “durante a manhã, tarde e noite”. “Ela está serena e tranquila”, disse. A senadora pretendia jantar sábado à noite com Dilma, mas não foi possível por conta da continuidade do julgamento do impeachment que deve terminar por volta das 22 horas.

EXPECTATIVA – Ao comentar sobre a expectativa em torno do depoimento que Dilma fará na segunda-feira, a senadora afirmou que o senador Jorge Viana (PT-AC) está coordenando com os demais parlamentares a diretriz dos questionamentos que serão feitos a petista. “Vamos buscar uma alternância nas perguntas, para ter um equilíbrio, algo como três dele (oposição a Dilma) e um nosso”, afirmou.

Katia disse ainda que não há como fazer acordos para que os parlamentares evitem ataques a petista. “Eu espero que não venham com tratamento indigno”, disse.

Segundo a senadora, Dilma fará um discurso forte e se dirigindo também à nação. “Mas não será uma prestação de contas não te entregando o jogo”, afirmou. “Estou com um bom pressentimento.”

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
Como a senadora Kátia Abreu fala sério com os jornalistas, não esboça um sorriso, tipo Boris Karloff, ficamos na dúvida se ela poderá concorrer à Piada do Ano. Mas pode entrar numa nova categoria, a Maldade do Ano, porque não de ser uma perversidade alimentar Dilma Rousseff com esse tipo de ilusão. Ela já deveria ter renunciado, para ter um mínimo de tranquilidade e recuperar a saúde emocional. Dizer a Dilma que ela pode ter 32 votos é uma espécie de crime hediondo em matéria de enganação. (C.N.)

14 thoughts on “Piada do Ano (ou Maldade do Ano): Katia Abreu diz a Dilma que ela terá 32 votos

  1. Ponte para o Futuro, ou o eterno PIB da mandioca ??

    O orçamento do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT), que já foi reduzido em 50% para este ano, pode cair pela metade novamente em 2017, eliminando a capacidade da Finep – empresa pública que administra o fundo – de fazer novos investimentos em pesquisa no país.

    O limite de empenho previsto para o FNDCT no Projeto de Lei Orçamentária Anual 2017, segundo a Finep, é de R$ 982 milhões, comparado a R$ 1,9 bilhão neste ano e R$ 4 bilhões, em 2015, em valores corrigidos. Isso, apesar de a arrecadação anual do FNDCT permanecer constante, na casa dos R$ 3,7 bilhões, e de a Finep ter restos a pagar da ordem de R$ 2 bilhões, referente a editais já contratados nos últimos anos.

    O orçamento atual “não dá nem para cobrir os restos a pagar dos anos anteriores”, disse o presidente da Finep, Wanderley de Souza, em palestra na reunião anual da SBPC, em julho, em Porto Seguro (BA). “Permite continuar o que estamos fazendo, mas não lançar coisas novas.” Procurado novamente para esta reportagem, Souza preferiu não dar entrevista.

    “O orçamento de 2016 e a proposta orçamentária para 2017 não são suficientes para fazer frente aos compromissos já assumidos”, informou a assessoria de comunicação da Finep. “No entanto, o presidente (Wanderley de Souza) está otimista quanto às ações do ministro Kassab no sentido de ampliar o orçamento.”

    O FNDCT é abastecido anualmente com recursos oriundos de vários setores da indústria – por exemplo, de impostos sobre a exploração de recursos hídricos e minerais -, e seus recursos deveriam, por lei, ser investidos integralmente em ciência e tecnologia. Mas não é o que acontece. Nos últimos anos, os recursos do FNDCT foram sistematicamente contingenciados para manutenção do superávit primário. “Estão coletando impostos para uma finalidade e aplicando em outra”, diz o presidente da Academia Brasileira de Ciências, Luiz Davidovich. “É um tipo de pedalada. Tenho até dúvidas sobre a legalidade disso.”

    Várias entidades da comunidade científica acadêmica e empresarial enviaram uma carta conjunta ao Congresso Nacional na semana passada, solicitando que o fundo não seja mais contingenciado. “É fundamental que o orçamento do FNDCT para 2017 permita a utilização plena dos recursos que serão arrecadados, de modo a se reverter o grave quadro atual”, diz o documento. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

  2. Retrato acabado dos nossos homens públicos.

    28/08/2016 11h31 – Atualizado em 28/08/2016 11h47

    Prefeito Eduardo Paes é alvo de críticas após vídeo viralizar na web
    Página do prefeito foi alvo de críticas após brincadeira de mau gosto.
    Em arquivo que viralizou na web, Paes diz que mulher vai ‘trepar muito’.

    http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2016/08/prefeito-eduardo-paes-e-alvo-de-criticas-apos-video-viralizar-na-web.html

  3. Por que ninguém quer o apoio do Don Drácula ???

    ESTÁ RUINDO A PONTE PARA O FUTURO…..

    São Paulo.

    Apoio do presidente interino Michel Temer:
    – Levaria a escolher esse candidato com certeza – 7%
    – Talvez faça votar nesse candidato – 23%
    – Não votaria de jeito nenhum nesse candidato – 65%
    – Outras respostas – 2%
    – Não sabe – 3%
    —–
    Rio.

    Apoio de Michel Temer:
    – levaria você a escolher esse candidato com certeza: 5%
    – talvez faça você votar nesse candidato: 22%
    – você não votaria de jeito nenhum em um candidato apoiado: 68%
    – Outras respostas: 2%
    – Não sabe: 3%

    —-
    Recife.
    Não votaria de jeito nenhum no candidato com:
    – Apoio de Lula: 52%
    – Apoio de Michel Temer: 73%
    – Apoio de Paulo Câmara: 50%

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *