Piada do Ano ! ‘Quer eleger um cara? Veja o que ele fez durante a pandemia’, sugere Bolsonaro a apoiadores

Charge do Amarildo (agazeta.com.br)

Emilly Behnke
Estadão

Em conversa com apoiadores nesta quinta-feira, dia 22, o presidente Jair Bolsonaro sugeriu critérios que os eleitores devem levar em consideração na hora de definir em quem vão votar nas eleições 2020. Para Bolsonaro, a população deve analisar, além do partido, se o candidato adotou medidas de restrição no combate ao novo coronavírus ou até se apoia o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST).

“Quer eleger um cara? Veja o que ele fez durante a pandemia, o prefeito, vê se você concorda com as medidas que ele tomou, obrigando fechar tudo, falando grosso, prendendo mulher em praça pública, fechando praias”, disse na saída do Palácio da Alvorada. “Candidatos agora têm que ser questionados sobre isso porque esse vírus vai durar por muito tempo. O cara assume em janeiro você tem saber agora a posição dele”, disse.

“TRIAGEM” –  Para o presidente, a “triagem” dos candidatos também depende do partido que representam. “Vocês têm que ver o partido que o cara está, tem esses partidos que pregam destruição de lares e ideologia de gênero.” Bolsonaro reafirmou estar sem partido e que isso o livra da “pressão” para apoiar candidaturas. Ele voltou a criticar ainda o uso do seu nome para atrair votos nas eleições.

O apoio ao MST também deve ser um critério de escolha do voto, segundo o presidente. Na conversa com os apoiadores, Bolsonaro orientou um candidato a vereador a não se associar com quem defende a causa do movimento.

FORÇA NACIONAL – Ele comentou o uso da Força Nacional para ocupação em assentamentos rurais no sul Bahia. “Mandamos a guarda nacional para lá, governador questionou a Justiça e a Justiça determinou que a Força Nacional saísse de lá”, disse a uma apoiadora.

Em setembro, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu proibir o uso da Força Nacional de Segurança Pública em assentamentos agrários na Bahia sem o aval do governo do Estado. “Se eu fosse governador ou prefeito eu pediria que a Força Nacional estivesse na minha cidade o dia todo ou no meu Estado”, concluiu.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG –  Piada do Ano do “dotô” cloroquina. Medidas restritivas foram adotadas em vários países e recomendadas por autoridades sanitárias mundiais e locais. Mas no vácuo da cabeça dele, a pandemia se resumia a uma “gripezinha”. Dormiu em berço esplêndido e até hoje não moveu uma palha sequer. Pelo contrário, tentou várias vezes marcar contra a população. Continua a viver em seu mundo fantasioso, criando e recriando narrativas ruminantes acompanhadas pelo encanto do berrante. Adiante que o gado vai passar. (Marcelo Copelli)

 

7 thoughts on “Piada do Ano ! ‘Quer eleger um cara? Veja o que ele fez durante a pandemia’, sugere Bolsonaro a apoiadores

  1. Pode internar este Presidente abobalhado tresloucado.
    Pirou de vez!
    Será que ele escuta o que fala?
    Duvido !!!
    Nós é que sofremos ouvindo este asno vomitar uma besteira atrás da outra !
    Que repertório de asneiras…
    Um poço fundo de abobrinhas…
    Credo !

  2. Olha que hilário!

    Esse raciocino também pode ser usado para candidatos apoiadores do Bozo.

    Pensa em votar em candidatos a favor do Bozo?

    Veja o que ele fez durante a pandemia. Se ele foi defensor de paranoias conspiracionistas, tem que apoiar a internação desse candidato bolsonarete.

  3. Em tempos de piada pronta, vou soltar mais uma!

    A vacina chinesa faz parte de um plano diabólico! Aqueles que forem imunizados pela Corona Vac,a vacina comunista, logo perceberão serem contaminados e ostentarão a marca da besta em suas testas, o numero 666!

    E quem se recusar a a vacina também terá uma marca estampada na testa: A marca de jumento bolsonarista! Um deles acabou de morrer, um senador de 83 anos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *