Planalto vê jogada’ de “embaixadora” de Guaidó na invasão da embaixada da Venezuela

Resultado de imagem para

A tal “embaixadora” queria chamar atenção dos BRICS

Deu na Coluna do Estadão

Diferentemente do que foi aventado, a invasão da embaixada da Venezuela no Brasil por apoiadores de Juan Guaidó deixou Jair Bolsonaro extremamente contrariado desde as primeiras horas do dia, segundo quem esteve com o presidente ontem. A leitura do Planalto: a ação foi uma jogada da “embaixadora” da Venezuela de Guaidó no Brasil, Maria Teresa Belandria, em busca de visibilidade mundial para a causa antichavista no primeiro dia da Cúpula do Brics, em Brasília. Apesar disso, a avaliação no Palácio é de que a situação foi bem conduzida.

Assim, nesta quarta-feira, logo cedo o governo brasileiro se viu numa saia justa internacional: seus convidados de honra, China e Rússia, são apoiadores de Nicolás Maduro na Venezuela.

SINAL TROCADO – Na contramão, Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara, defendeu a invasão na embaixada.

A “embaixadora” Belandria disse à Coluna que restringe seus comentários ao comunicado que soltou à imprensa, em que agradece ao governo brasileiro e à polícia militar pela ajuda.

Membros do Itamaraty avaliam como um erro do governo ter deixado a relação diplomática com a Venezuela no limbo: quando Bolsonaro reconheceu Guaidó como presidente, deveria ter dado um limite para os diplomatas de Maduro deixarem o País.

No Congresso houve reação negativa. “É vergonhoso para o Brasil, não importa se foi a embaixada da Venezuela, Cuba ou Arábia Saudita. E pior é o filho (Eduardo Bolsonaro) do presidente apoiar a invasão”, disse o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP).

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
É mais uma lição para ao amadores neodiplomatas do Itamaraty. O Brasil não pode tentar interferir nos problemas internos dos outros países, é preciso respeitar a autodeterminação de cada povo. O máximo que o Brasil poderia fazer era servir de intermediador, se fosse convidado,sem manifestar preferência por A ou B, independentemente de suas ideologias. Essa era a antiga linha política brasileira, que sempre foi considerada uma das mais hábeis do mundo. Mas isso é passado. Hoje a imagem do Brasil no cenário internacional é a pior possível, especialmente devido à impunidade dos corruptos e a demolição da Lava Jato. (C.N.)

10 thoughts on “Planalto vê jogada’ de “embaixadora” de Guaidó na invasão da embaixada da Venezuela

  1. A diplomacia brasileira virou chacota. Caso da embaixada do Brasil em Israel, Caso das sanções contra Cuba, Caso com a França, Caso com a eleição na Argentina, e muitos outros casos. Uma vergonha completa. Somos realmente Tupiniquins.

  2. Fico muito feliz em saber que o Bolsonar se preocupa com o que a China e o Putin pensam da gente. Pena que ele não tenha a mesma preocupação com o país.
    O STF praticou um calhordice ao votar contra a prisão em segunda instância. E o que ele disse: nada, parecia um cão vira-latas acuado. Mas logo se tornou macho com o seu vice Mourão,
    Não dá mais, temos que arranjar um meio de mudar o nome do país para termos uma outra nacionalidade. Bordel seria um bom nome e soa como se fôsse francês – neste caso passaríamos a ser bodeleiros em vez de brasileiros. Ficaríamos livres da pexa de sermos filhos de um país de corruptos. Sei que a euforia seria breve, mas certamente seria infinitamente grande enquanto durasse (acho que isso é plágio!). Fica a sugestão.

  3. Eu vejo e trambique do Bozolado!
    Fez isso para insinuar ao Putin que aqui ele manda na bagaca, e não tem medo de afrontar o Lider que mantém Maduro no poder….

    SABE o que e RECALQUE !?

    Putin enfiou-lhe um churro na reiniao dos G-s.
    Mandou a “sulamericanada” calar a boca, bozoleta incluído durante a reunião.
    Desceu dois superbombardeiros nucleares em Caracas e o Guaido, Trump, Bozonaldio e tal, todos fizeram agua….

    Ai o Bozolaldo arrumou essa treta, como menino mimado:

    “E aí ô Phutin , thá vendo aí?
    Sou Eu quem manda nessa phorra aqui, taokei!?”

    DUROU O TEMPO DO PUTIN TOMAR UM BANHO E LER O BRIEFING DO DIA…..
    Quando ele foi para reuniões do BRICS já tinha acabado a invasão, e BOZOCRAUDIO SENTIA-SE COMO tendo GANHO UM CONFLITO MUNDIAL!!!! KKKKKK!!!

    Parmito Parlapatão! Deve estar trocando fralda a cada hora, só de ter os Lideres do BRICS tão perto de onde pisa ERRADO no Brasil…..

    Pasmo, chumbrega…..

  4. O Problema do Bolsonaro é querer impor a ideologia do Olavo de Carvalho de direita radical, ao brasileiros e aos países vizinhos, porquê é adequado à sua mentalidade de ditador
    O problema da Venezuela, é ter uma grande quantidade de petróleo. O governo americano não invadiu a Venezuela contando com a ajuda do Guaidó por causa do apoio da China e da Rússia ao governo venezuelano. Mas faz de tudo para destruir o país e derrubar o Maduro, que mesmo sendo um mal governo, o caminho mais correto seria um acordo de paz. Se não fosse o Bolsonaro presidente, o Brasil seria o país ideal para um acordo de paz e debelar a crise que assola o país.

  5. A antiga linha diplomática brasileira era mundialmente irrelevante, sem tomar posição sobre nada, ninguém dava bola para o que o Brasil falava. Era só água…

    Se o Brasil não reconhece o Maduro como presidente, então o corpo diplomático indicado tbm não pode ser reconhecido. Deveriam ser expulsos e aproveita o embalo e expulsa os de Cuba tbm, o câncer da América Latina.

    Engraçado alguém defender essa “nao interferência”… mas a Rússia pode? A China pode? Cuba pode? Todos eles estão dentro da Venezuela e sustentam o governo criminoso do Maduro, desestabilizando toda a América Latina e criando um exército de refugiados…

    Mas para o editor o Brasil deve ficar quieto enquanto os comunistas nos cercam e criam o caos em nossa fronteiras e interferem em outros países.

  6. Todos podem ter suas posições ideológicas, menos o governo Bolsonaro (no entendimento da “mídia tradicional” e editor da TI). Apoio a opinião do Jad Bal Ja, pois Cuba está dentro da Venezuela faz tempo, o mesmo se pode dizer da Rússia. Agora, posição boa do Itamarati era a de antigamente. Claro, viés ideológico de esquerda e diplomacia anã, na visão de Israel. Agora, o país tem sua identidade resgatada, faz valer sua voz no plano internacional. Mas, não adianta, veja o sucesso da reunião BRICS e Ninguém falou dos vários pontos positivos para o Brasil. E nem vão falar…Mas, vamos falar para vocês entenderem de vez: Brasil consegue incluir soberania da Amazônia em declaração do Brics. Estão vendo, basta um olhar mais patriota, leal, isento, para concluir vários pontos positivos da reunião.
    https://exame.abril.com.br/brasil/brasil-consegue-incluir-soberania-da-amazonia-em-declaracao-do-brics/?fbclid=IwAR3oTCT3wat6uZUi4eqPaE94jWyjqKzMAdEihGCeFBcxBAkZY5bPzjeRPSQ

  7. Como era gostoso o governo anterior, Carniça Barbuda era o paizinho querido e amoroso doador de refinaria.
    A Dama de Verbo Arrevesado que pontificava em dilmês rustico sua alta prosopopeia vernaculizada, era a glória.
    E a diplomacia freguesa do esquerdismo ciceroneada pelo Megalonanico que junto de seus pares ideológicos ficava mais assanhado que gato de moça velho.
    Como eram gostosos os governos anteriores, o de agora não vale nada, não vale nem cocô de gato.
    Esse governo está desgraçando com tudo! E vai desgraçar muito mais, vai fazer a política da terra arrasada, vai ser a Derrota de Pirro, o Flagelo de Deus maior que Átila, o humo, que com suas hordas onde passava não nascia mais capim.

    • Mudou a tempestade.
      Agora é a vez da mixórdia encostada…
      Tomaram a frente e tudo fede do mesmo jeito…
      E nem uma brisa pra trocar os ares…
      E, pior ainda, esse escutador do Maluf, tem ranso de Collor, de Lula, Temer, Dilma, até do FHC que insinuou fuzilar…
      Virou esse parlapatão despachante aue voces chamam de presidente, e veio de presente a uruca toda impregnada nele…

      E, PIOR QUE TODOS OS OUTROS, ACABOU COM A EDUCAÇÃO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *