Polícia Federal atua de forma independente na defesa do Estado, e não do governo

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/c/c7/Polfeddistintivo.jpg/280px-Polfeddistintivo.jpgJorge Béja

A alta direção central e nacional da Polícia Federal precisa explicar a nota oficial que o delegado Igor de Paula, em nome da instituição, leu na manhã de hoje em Curitiba, antes de entrevista coletiva sobre a 35ª fase da Operação Lava Jato, deflagrada no início da manhã de hoje e que prendeu o ex-ministro Antonio Palocci Filho. E antes de ler a nota, também foi dito aos jornalistas presentes que sobre o seu conteúdo, eventuais perguntas deveriam ser feitas à direção-geral da Polícia Federal em Brasília.

A nota é curta. Curta e enigmática. E precisa ser explicada ao povo. Ou não precisa, porque para o bom entendedor meia palavra basta, quanto mais uma nota transparente e de fácil compreensão como esta de hoje da direção nacional da Polícia Federal.

RECADO AO MINISTRO –  A nota deixa entender que foi um grito, um brado de independência da Polícia Federal e uma espécie de “chega-prá-lá” para o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, que neste domingo disse que nesta semana haveria operação da Lava Jato.

Diz a nota:

1) que só as pessoas diretamente responsáveis pela investigação possuem conhecimento do seu conteúdo;

2) que as datas são compartilhadas somente pelos coordenadores;

3) que como já foi amplamente demonstrado em ocasiões anteriores, o Ministério da Justiça não é avisado com antecedência sobre operações especiais. No entanto — prossegue a nota — é sugerido ao seu titular que não se ausente de Brasília nos casos que possam demandar sua atuação não sendo informado a ele os detalhes da operação;

4) que a Polícia Federal, instituição do Estado Brasileiro, reafirma sua atuação de acordo com o Estado Democrático de Direito.

DEVEMOS APLAUDIR – É uma nota oficial incomum. E digna de aplausos. Não podemos vê-la como gesto de rebeldia ou insubordinação. A Polícia Federal, como muito bem diz a nota, é instituição que pertence ao Estado Brasileiro e atua em sua defesa e no interesse do povo brasileiro, e não do ministério ao qual é subordinada por hierarquia legal, no caso o Ministério da Justiça, nem muito menos ao agente político que, transitoriamente, ocupa a pasta.

Os agentes da Polícia Federal são agentes públicos. Os delegados da Polícia Federal são autoridades públicas. Os que não são delegados, são agentes da autoridade. Todos, delegados e agentes, são servidores públicos federais de carreira. São concursados. Já o ministro da Justiça é agente político, da confiança do presidente da República e que ocupa a pasta em caráter transitório. Os ministros passam. Os agentes da Polícia Federal permanecem. Estes ficam e continuam da instituição.

PUXÃO DE ORELHA – Agora, cá pra nós, a direção nacional da Polícia Federal parece que deu um “puxão de orelha” no ministro da Justiça. Primeiro, porque fez questão que o povo soubesse que somente os coordenadores da Lava Jato é que possuem as datas das operações, que não são compartilhadas. Segundo, porque a nota foi bem clara, numa alusão à falação do ministro que antecipou que iria ocorrer uma operação esta semana. Quem redigiu a nota fez questão de incluir no seu texto lido hoje que “o Ministério da Justiça não é avisado com antecedência sobre operações especiais”.

E para arrematar ainda sugere que o ministro da Justiça não se ausente de Brasília, nos casos que demandem sua atuação “não sendo informado a ele (ao ministro, acrescentamos) os detalhes da operação”. É ou não é um brado de alerta e um “pito” que o ministro da Justiça levou da Polícia Federal?

MUITO IMPORTANTE – Pode até parecer que não, mas esta nota foi muito mais importante do que a entrevista que, no fundo e no raso, nada disse de importante com relação à operação de hoje e sobre o “italiano” Palocci. Foi até uma entrevista monótona. Mas a nota oficial é que foi o ponto alto. Demonstrou uma Polícia Federal independente e compromissada com sua missão constitucional, e não subalterna. E mandou um recado duro para o ministro, que até aqui tem se comportado bem, embora goste de falar e aparecer muito.

Então, presidente Michel Temer? Vossa Excelência vai se calar? Ou aplaudir? Vai demitir o ministro? A Polícia Federal do Brasil oficializou hoje, em nota, que nada tem a temer, seja em relação ao presidente da República e a seu ministro da Justiça. Mostrou a Polícia Federal ser ela tão independente e forte como é o Ministério Público Federal, especialmente os que integram a chamada Força-Tarefa da Lava Jato.

38 thoughts on “Polícia Federal atua de forma independente na defesa do Estado, e não do governo

  1. Depois dessa, Temer precisa demitir Alexandre de Morais da pasta da Justiça. A razão é forte. Temer demitiu o jurista Fábio Medina Osório do cargo de Advogado-Geral da União. O motivo também era “forte demais”. Afinal, o Dr. Medina Osório, assim que assumiu a direção-geral da AGU, tirou o paletó, afrouxou a gravata, arregaçou as mangas da camisa e começou a trabalhar. E a primeira tarefa foi dar entrada na Justiça contra empreiteiros e políticos que roubaram o Brasil. E isso contrariou Temer, que o demitiu.. Temer não queria — e continua não querendo — que a AGU cumpra com suas obrigações constitucionais. Que a AGU seja frouxa com os ladrões do erário público. Surge agora uma boa hora para Temer se redimir de grave falta, com o povo brasileiro e com o conceituado jurista. Temer, ao demitir Alexandre de Morais, deveria oferecer o cargo de Ministro da Justiça ao jurista Fábio Medina Osório. Resta saber se o dr. Medina Osório vai aceitar.

    • Dr. Béja, ótimo artigo, e este comentário, esclarecedores, assino em baixo, O eleitor muda o Brasil, votando com dignidade e consciência, não reelegendo. Reniovar é preciso, Temer é o 1/2 dúzia, cercado de acusados, é conivente, “tamos falado”
      Que Deus em sua Misericórdia nos ajude para um Brasil decente e justo.

  2. Caríssimo Dr.Béja,

    Eis o momento de as legítimas autoridades darem um basta às falsas “otoridades”, que se acham ter competência para adaptar as leis de acordo com seus interesses e conveniências!

    A PF mais o MPF devem se manter muito atentos para não permitirem qualquer intromissão indevida em suas investigações, pois está em jogo as instituições nacionais, e não o governo de uns e outros!

    Abafar a Lava-Jato, que Temer e Padilha estão freneticamente trabalhando para esta finalidade, deve ser rechaçada plenamente pela sociedade, a mídia independente, os cidadãos honestos e trabalhadores!

    Basta de a corrupção e desonestidade estarem institucionalizadas no Brasil, e qualquer movimento político tais condenáveis peculiaridades estão permanentemente envolvidas, sem o qual não haverá acordo ou chancela.

    Se os parlamentares e governantes não têm moral e ética, então que a Polícia Federal os eliminem do convívio da sociedade, na sua maioria composta de pessoas honestas e trabalhadoras.

    Esses “escolhidos” à função de ministro da Justiça não tem o direito e muito menos o dever de tangenciar a Constituição, de adaptar as leis conforme seus interesses e conveniências, de impedir que investigações e processos sejam efetivados em nome de preservações e proteções a criminosos, exatamente como este governo de Temer está querendo realizar, agredindo o povo e país de forma a cair por terra o pouco que nos resta de compromisso com a Carta Magna, e instalando a desordem como programa do PMDB, a corrupção mais ainda reforçada pelo seu partido, a desonestidade como marca registrada do Executivo!

    Adiante, PF, pois tem o apoio integral do povo, que não suporta mais tantos desmandos e descalabros em nome da roubalheira fácil hoje praticada pelas “otoridades”, que devem ser eliminadas do poder, condenadas e presas!

    Um abraço.
    Saúde e Paz!

  3. Caro Srs. … sds!

    Prezados Drs. CN, Jorge Béja e Francisco Bendl … tenho insistido que estamos em treino do Juízo Final … e é assim mesmo??? sobrará alguém???

    Tenho afirmado isto porque temos Instituições Democráticas FORTÍSSIMAS … que resistiram ao Aparelhamento Althusseriano!!! não existiria nada mais forte que um aparelhamento, casado com técnicas gramscianas, freudianas e sartristas … no entanto, quem acreditou – está se dando mal … … … e está prevalecendo a DEMOCRACIA que o PMDB constitucionalizou com CIDADÃ!!! !!! !!!

    Parar a LJ só com nova ditadura … pois o próprio PMDB é quem deu Autonomia aos PF e MPF; enquanto a Advocacia Geral da União foi criada sujeita ao Presidente da República.
    sds.

      • Lionço, meu caro,

        O inútil e parlamentar de bastidores, Ulisses Guimarães, foi quem berrou que a Constituição era cidadã, uma grossa mentira, pois a ideia era com o tempo voltar o parlamentarismo no Brasil, vamos botar os pingos nos “is” e “jotas”!

        Agora, meu caro amigo, de que adianta termos uma Constituição … cidadã, se os governantes não a cumprem, não a honram, não a obedecem, inclusive o PMDB?!

        Um abraço, meu caro.
        Saúde e paz!

    • A chefia da AGU nem é sujeita, nem é submissa, nem é serviçal a presidente da República que o nomeia entre os cidadãos maiores de 35 anos, de notável saber jurídico e reputação ilibada. Os mesmo requisitos, portanto, para tomar assento no STF. Logo, ministros do STF e ministro-chefe da AGU têm autonomia funcional. Não são capachos do presidente que os nomeou. O Dr. Medina é a maior prova.

      • Caro Dr. Beja, infelizmente a realidade, é outra, os fatos não metem, Toffoli, Ricardo, e outros, não nos deixa mentir, coniventes com o roubo da Cidadania, o caso do Dr. Ósorio, cumprindo seu Direito e Dever de Cidadania, foi defenestrado por um acusado de corrupção, o Padilha.
        Só peço, a todos, rogar a Deus, pelo nosso Brasil, para não chegarmos a um derramamento de sangue, entre irmãos, a situação está mais que preta. Olavo Bilac, ” …..a ocasião faz o roubo, o ladrão já nasce feito”.
        Dr. Béja, não sou católico, mas admiro o Papa Francisco, por suas atitudes cristãs, peça a Ele, para rogar a Jesus, o Cristo por nós, e pela Humanidade desgarrada na materialidade. Aceite meu forte abraço, com desejo de muita saúde e longa vida.
        Oremos, Oremos à Deus, mas façamos nossa parte de Amor Fraterno.

    • E Lacerdianas com o Rio Guandú ? Chega de ameaças tolas ? estás parecendo uma vivandeira de 64… Dê argumentos lógicos, para mjsutificar a quadrilha Sob Nova direção.

  4. Caros Bendl e Dr. Béja … a Constituição é CIDADÃ porque é o FIM da REVOLUÇÃO.
    A revolução começou, após o término do Império Romano, com as Baronias Inglesas. Sempre a revolução foi lutando por implantar a CIDADANIA no lugar de súditos de Sua Majestade.
    Teria a revolução atingido o auge (toda a intelectualidade assim acreditou durante muito tempo) com Lênin na antiga URSS ao estabelecer governo de sovietes!!! No entanto, quem mandava mesmo era o Politburo!!!
    Até que no Brasil foi colocado na Constituição de 1967 que quem DISPÕE sobre TODOS os assuntos da União é o Legislativo (no período do Autoritarismo ArenoMilitar) … como o (P)MDB não era contra a Revolução das Mulheres de 1964, em 1988 deu continuidade à CIDADANIA … se havia tendência parlamentarista na Constituinte, isto é o de menos; pois os militares não tinham nadica de parlamentarismo!!! !!! !!!
    O problema é que estão custando a entender a CF CIDADÃ de 1988 e Collor e Dona Dilma pagaram caro … como Temer é constitucionalista está tomando todos os cuidados necessários; inclusive, tendo que ensinar a seus Ministros coisas que qualquer CIDADÃO brasileiro devia saber de cor e salteado … … … o problema está no ensino que é mentiroso – e Temer também está atacando tal problema!!!

    • Meus Deus! Uma notícia dessa, vinda de quem vem (José Carlos Werneck, advogado militante, que mora e tem escritórios em Brasília e sabe o que diz e o que se passa na capital do país, onde sabe quem é quem) mete medo. Muito medo. Numa linha só —- e não precisa mais — Werneck já disse tudo.

      • Melhor que “Quem viver chorará”, como o velho disco do Fagner.

        Não sei se você reparou, Werneck, a alegria tem ido embora a cada dia mais cedo, tantas são as más notícias todos os dias e de todos os lados.

        Às vezes tenho a impressão de que caminhamos todos sobre a areia movediça, que nos engolirá a qualquer momento, de surpresa.

        Drummond dizia “Minas não existe mais”.

        Sem querer copiar, mas já copiando:
        o Brasil não existe mais. É só um retrato na parede.

        • GOVERNO
          Alexandre de Moraes tem repassado informações da Lava-Jato ao Planalto
          por Guilherme Amado
          26/09/2016 16:17
          A Polícia Federal divulgou uma nota dizendo que não informou Alexandre de Moraes sobre as ações da Lava-Jato nesta semana. Beleza. Mas o Palácio do Planalto tem sido municiado de informações da Lava-Jato por meio de Alexandre de Moraes. E não é apenas no dia das operações.
          http://blogs.oglobo.globo.com/lauro-jardim/

          PS. O Lauro não é Moreno..

          • Sinto uma tristeza infinita, Virgílio.

            Todo mundo briga, todo mundo xinga, discute. Bendl fala em armas. Pode isso?

            Às vezes me mostram vídeos no Facebook que nem quero ver, de tanto que me agridem.

            Todo mundo ficou valente, de repente. Não quero saber de valentia.

            Essa política de desacato ao próximo é uma tristeza.
            Se pode piorar é porque chegamos mesmo ao fim.

          • Ofelia Alvarenga, não leve nada a sério. Agora mesmo, ao editar uma matéria do Paulo Peres com um poema de Machado de Assis sobre uma mulher de olhos verdes, acabei pesquisando Capitu, reencontrei em pensamentos meu saudoso amigo e vizinho Paulo Cesar Saraceni, então fiz um texto a respeito da misteriosa cor dos olhos de Capitu, que Machado não revela em “Dom Casmurro”.

            Acerca de sua decepção com o blog, Ofelia, lembro nosso colega Paulo Francis, com quem trabalhei na Ultima Hora, que não levava nada a sério. Ele mesmo não soube seguir essa sábia lição, morreu triste, escreveu que já se sentia morto… Nunca esqueci isso, achei chocante! Ele morreu logo em seguida. Mas eu resolvi seguir a lição dele e tento não levar nada a sério, no bom sentido.

            Sou jornalista de política, vou morrer comunista, adoro praticar a liberdade ansiada por Marx e Engels, propicio que outros o façam neste espaço livre, mas também escrevi no Pasquim e eu gosto mesmo é de arte. Por isso, faço como Gonzaguinha, que ficava com a resposta das crianças sobre a vida – é bonita, é bonita e é bonita.

            Vamos em frente, Ofelia Alvarenga, sem grilos.

  5. Está corretamente certo, a PF deve exercer as funções que lhe são atribuídas, investigar seja quem for, com lisura, o país não deve ficar a mercê desta política que tenta inibir as ações da PF, tomara que continue tendo atuação firme, ninguém é maior que o Brasil., eles passam e o país segue seu destino.

    • Newton, continuando aqui, como escreve o Virgílio.
      Até parece que você leu um texto meu muito antigo sobre meu filho, ainda pequeno. Eu terminava o texto exatamente assim: ‘Sem grilos’.

      Não estou reclamando do blog. Se reclamo é de algo que li e não gostei. Não é do blog, ou não voltaria mais aqui. Se volto é porque sinto falta.

      Mas a cabeça da gente parece bola de soprar, de festa de aniversário. Vai enchendo, enchendo, enchendo de coisas lamentáveis.

      Anteontem me mostraram um vídeo do Ciro Gomes no Facebook. Quanta agressividade… O Ciro é 2 em 1. Fiquei decepcionada com essa falta de equilíbrio dele. Eu admirava as entrevistas do Ciro, com ele calmo, agora já não sei quem ele é.

      Não quero levar a sério as coisas que leio e vejo. Mas como não levar?

      Francis levou a sério quando a ‘notícia’ começou a ameaçar o seu bolso. Quem o matou foi o covarde processo da Petrobras, que seria ‘resolvido’ no EUA.

      Francis estava acostumado com o Brasil.
      Lá fora é tudo muito caro e pegam pesado.

      Não estou satisfeita com tudo o que rola por aí. Se minha mãe viva fosse diria que Temer governa ‘de fasto’. Não é de FATO.
      Mas de FAsTO, ele só vai e volta atrás. Por isso não demitiu o Kinder Ovo, como diz o Virgílio. Seria uma derrota a mais.

      Não acredito em ninguém, em nenhum deles, não acredito em nada e em coisa nenhuma.

      Você se diverte, brinca e fala a sério com desenvoltura. Eu não consigo isto.

      Também não me lembro da cor dos olhos de Capitu. Lembro apenas que eram DISSIMULADOS. E que meu querido professor Geraldo França de Lima, imortal da ABL que morreu cego, disse que eu lembrava Capitu. Não seria pela cor dos olhos, certamente. Meus olhos não são oblíquos, são grandes. E castanhos.
      Abs
      PS: Millôr, que também conhecia bem o Francis, dizia dele: “Quem não te conhece é que te compra”.
      Francis tinha dentro dele uma avassaladora ‘SAUDADE’ da mãe.

  6. kkkkkkkkkk
    Se cobrir de lona vira circo…..
    O Reinaldo Azevedo já está tentando dourar a pílula, escrevendo que “todo mundo sabia, ué, e qual o problema????”
    Parece até a desculpa dos petistas, “ué, mas todo mundo faz, por que não podemos fazer????? ”
    E o pessoal fica bravo com a plaquinha:
    “SOB NOVA DIREÇÃO”……KKKKKKKKKK

  7. Este é o ministro ideal de um governo Temer. O que Temer é melhor que este ministro. Os iguais se aproximam, vide Eliseu Quadrilha, Romero Jucá, Gato Angorá e por aí vai. Este é Temer, Dilma era uma idiota, já este presidente sem voto, é um bandido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *