Povo nas ruas vai levar governos a reverem posicionamentos

Pedro do Coutto
As maciças manifestações populares ocorridas no país, desde que pacíficas, vão inevitavelmente levar o governo federal e governos estaduais a reverem seus posicionamentos, pois são o resultado de insatisfação acumuladas que angustiam a sociedade como um todo. O aumento das tarifas de ônibus foi, pode-se dizer assim, a gota d’água que levou ao transbordamento. Foi um estopim, não a única causa.
As causas são muitas. Estão na insegurança pública, na criminalidade ameaçadora, na carência acentuada dos serviços de saúde, na deficiência dos meios de transporte, na falta de saneamento, no sistema da educação, e, como se não bastasse tudo isso, na corrupção em larga escala que conduz seus autores ao patamar de impunidade. A presidente Dilma Rousseff, com a declaração que os atos pacíficos são legítimos e próprios da democracia, como os jornais de ontem, terça-feira, publicaram, endossou a onda de protestos.

Pena, profundamente lamentável, que atos de vandalismo e depredação tenham ocorrido na cidade do Rio de Janeiro, causando pânico, atentados à propriedade privada, pichações de prédios históricos. Uma minoria alucinada poderia comprometer, nesta capital, a manifestação que, como a bela foto de O Globo mostrou na primeira página, reuniu em torno de cem mil pessoas.

LEMBRANDO 68

Uma reedição da histórica passeata de 1968, governo Costa e Silva, contra violência praticada pela ditadura militar contra estudantes reunidos na Praia Vermelha. Toda mobilização necessita de um motivo forte, plausível, concreto, que lhe dê base sólida. E claro que existem sempre lideranças exercer seu poder de aglutinação e sua capacidade de transmitir o impulso que tem origem na emoção. Mas esse poder não é, por si só, capaz de substituir o potencial da motivação. Esta é a questão. As passe4atas e manifestações se sucedem porque também se sucedem os erros das autoridades, seus equívocos administrativos, suas promessas de campanha eleitoral não cumpridas no poder, suas inações em questões essenciais.

Tudo isso, além de seu reduzido ânimo de irem ao encontro da opinião pública. Não é difícil governar com a opinião pública.  Evidente, como disse Duda Mendonça em entrevista a Fernando Rodrigues, Folha de São Paulo de segunda-feira, que a cada aspiração atingida surge outra na escala. É fato. Mas nem isso os governos podem deixar de realizar o essencial. O desafio da mobilidade dos anseios e perspectivas encontra-se no próprio processo de desenvolvimento econômico e social. Não se trata de coibir a lucratividade das empresas, mas sim estabelecer um justo congraçamento ético entre os interesses particulares e o patrimônio público.

O Brasil está nas ruas, manchetou O Globo na sua forte edição de terça-feira. A mobilização efetuada nas ruas do Rio e da cidade de São Paulo não incluiu apenas jovens estudantes. Não. Incluiu também diversos outros segmentos da sociedade, pois, caso contrário, não poderia ter mobilizado 100 mil pessoas na Avenida Rio Branco, centro do RJ, e 65 mil na capital paulista. O governo federal e os governos estaduais precisam rever suas atuações. Pesquisas podem identificar os principais problemas e nortear as mudanças. Como está é que não pode ficar. O ponto de fervura foi atingido. Perigosamente. É fundamental os que estão no poder agirem logo e, finalmente, se encontrarem com o povo que tanto está nas ruas quanto em suas casas.
This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

6 thoughts on “Povo nas ruas vai levar governos a reverem posicionamentos

  1. Pedro,
    Infelizmente, discordo do teu posicionamento. A classe politica atual não vai mudar posicionamento algum.
    Isto já da pra ver com a pecha que os políticos estão fazendo, e a Sra. Presidente inclusa, ao atribuir o espírito do movimento aos baderneiros.
    Dois governadores já reduziram as passagens, rapidinho, em dez centavos. Não é isso que esta em jogo.
    A revolta da população é um despertar de cidadania. É contra a corrupção, a incompetência, o arreglo, o descaso, a boçalidade, a mentira, o engodo.
    O povo tá de saco cheio com os três poderes: executivo, legislativo e judiciário!
    Mas, podes crer, com o quadro politico-administrativo que temos, isso não vai dar em nada!
    Mesmo porque, semana que vem, todos devem voltar ao trabalho ou aos estudos. E os políticos vão voltar a fazer o que gostam!
    Como dizem os gaúchos, “…cachorro comedor de ovelha, só…castrando…” e isto somente acontecerá na hora de parar de eleger isso que temos ai!
    SDS
    Vitor.

  2. “É fundamental os que estão no poder agirem logo e, finalmente, se encontrarem com o povo que tanto está nas ruas quanto em suas casas.”

    Me amigo. Poder é do povo!

  3. permitam-me acrescentar: cadê o lula – o fugitivo? que não podia vêr um microfone. E agora – e cadê a Rose(gate)? Lula – deixa de ser covarde e enfrente a imprensa. 0 povo tem o direito de saber qual era a função desta presidenta-adjunta, e porque do teu envolvimento com ela.

  4. FORA DILMA… O “POSTE” DEU ERRADO.
    Nós estamos cansados da traição dos partidos políticos, não existe nenhum programa nesses partidos, cujo objetivo principal é roubarem. Esse PT é uma vergonha todos são corruptos, traidores. Esse LULADRÃO TARADÃO era pra ser PRESO, mas o povo ainda vai pegá-lo é questão de tempo. Zé Dirceu, Genoíno, João Paulo Cunha, José Guimarães o dos dólares na cueca, lembram? são a representação, desse PT CORRUPTO, vejam o que aconteceu com o Celso Daniel e o Toinho do PT. Um dia eles vão pagar não resta dúvida. Aqui no Brasil não existe democracia, é só ver a questão da apreciação dos VETOS PRESIDENCIAIS, mais de 3.000 vetos e esses políticos pensando que o povo é BURRO. O FATOR PREVIDENCIÁRIO outro assalto aos trabalhadores há mais de dez anos esse PT é governo e o LULADRÃO TARADÃO ainda teve a ousadia de VETAR O PROJETO QUE ACABARIA com essa excrecência. A imprensa brasileira também é toda ela cooptada pelo GOVERNO CORRUPTO, essa REDE GLOBO lembram do Jornal Nacional do Willer Bonner com o LULADRÃO TARADÃO depois das ELEIÇÕES DE 2002? REDE GLOBO FACISTA, após puxar o saco de qualquer governo que está no poder, só fala em FUTEBOL, NOVELA, BBB, GAY, DANIELA MERCURY, IVETE SANGALO, FAUSTÃO, GALVÃO BUENO UNS VERDADEIROS ignorantes ludibriando o povo, é obvio que isso não pode durar uma ETERNIDADE, parece que as coisas estão começando a mudar. Temos que acabar com esses, SENADORES E DEPUTADOS FEDERAIS, vagabundos que só trabalham TRÊS DIAS NA SEMANA, traidores, corruptos, isso tem que ACABAR URGENTEMENTE, o povo não aguenta mais tanto desmando.

  5. Amigos, não é o Lula nem o PT, o povo está nas ruas contra todos os políticos e partidos, Bornier em nova iguaçu e do PMDB, 15 processos e está no poder, Cabral no Rio é PMDB,….
    e vai por aí, os conchavos políticos e que tem que ser abertos, e aí sobra pra todos,
    de bonzinho só fica o Blater o novo, o novo governador geral do Brasil… hahahahaha..
    e a copa ? pra quem ? pra que ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *