Pré-campanha de Aécio à Presidência começa em maio

Lucas Pavanelli (O Tempo)

O PSDB tenta se unir para começar, em mais três meses, a pré-campanha do senador mineiro Aécio Neves para a Presidência da República. Com o apoio do presidente nacional do partido, Sérgio Guerra, e do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o primeiro passo de Aécio deve ser a candidatura ao cargo maior da sigla. Apesar de as tentativas dos tucanos de colocar panos quentes nas rusgas entre paulistas e mineiros, Aécio encontra resistências internas.

A eleição ocorre em maio, e, caso seja eleito, Aécio deve aproveitar o cargo para ganhar visibilidade. “Dos nossos nomes, Aécio Neves é um dos mais qualificados como pré-candidato”, avalizou Guerra.

Em Minas, os tucanos cobram unanimidade em torno do senador. Mais do que isso, os mineiros querem que a “unidade” seja demonstrada pelas lideranças paulistas do partido. “A gente espera, para as próximas semanas, um pronunciamento forte de São Paulo a favor da candidatura de Aécio”, disse o presidente do PSDB em Minas, deputado Marcus Pestana.

CONTRAPONTO

Do lado paulista, o dirigente Evandro Losacco demonstrou que as feridas não foram cicatrizadas. “Estou incomodado com o discurso antipaulista criado nos últimos anos. São Paulo tem de ser respeitado, e o gesto maior dos que apoiam Aécio é reconhecer a força de São Paulo”, disse.

Para rebater a animosidade, Sérgio Guerra falou em unidade e afirmou que “essa história de PSDB de São Paulo e de Minas é invenção dos adversários”. Apesar de contar com um significativo apoio no PSDB, ainda assim, Aécio deverá enfrentar prévias no fim do ano que vem, mesmo que seja candidato único, de acordo com Guerra.

 

 

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *