Prisão de Queiroz pega de surpresa sistema do WhatsApp bolsonarista e silencia apoiadores

Charge do cazo (blogdoaftm.com.br)

João Paulo Saconi
O Globo

A manhã movimentada de acontecimentos relacionados à família de Jair Bolsonaro nesta sexta-feira, dia 19, não refletiu em agitação entre apoiadores do presidente reunidos no WhatsApp. A prisão de Fabrício Queiroz, ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro, fez cair pela metade as mensagens trocadas entre bolsonaristas na plataforma.

Os dados são referentes ao monitoramento de 1.734 grupos e foram obtidos pelo professor David Nemer, da Universidade da Virgínia, nos Estados Unidos. Ao Sonar, Nemer indicou que na última terça-feira, quando a Polícia Federal (PF) deflagrou uma operação contra membros da base bolsonarista, os grupos somaram 18,9 mil mensagens até entre meia-noite e 9h30m.

FLUXO EM QUEDA – No dia seguinte, quarta-feira, o número foi de 17 mil. Já nesta quinta-feira, com Queiroz preso desde às 6h, foram trocadas apenas 9 mil mensagens nesse mesmo período. A diminuição no fluxo de conversas tem motivo, segundo Nemer. Ele avalia que, na existência de poucas críticas a Bolsonaro por parte dessa base, a suspensão da troca de ideias se justifica como uma evidência de que há nela uma preocupação com o episódio envolvendo Queiroz, detido em um imóvel de Frederick Wassef, advogado de Jair e de Flávio.

“A autocrítica dos apoiadores e a crítica ao Bolsonaro não existem nesses grupos, o que mostra como eles se radicalizaram. Antes, era possível ver um debate, com perguntas e questionamentos. Hoje, quem questiona tem uma chance muito grande de ser removido. Nesse momento, a forma de entender o impacto que a prisão do Queiroz teve é analisar o silêncio, que representa a preocupação com Bolsonaro e o bolsonarismo como um todo”, afirma o professor, projetando duas possibilidades: “Estão preocupados ou esperando conteúdo que os guie e dê um norte para a reação”.

O fator surpresa da operação que prendeu Queiroz, diz Nemer, também pode ter sido definitivo para que os bolsonaristas tenham conversado menos uns com os outros nesta quinta-feira. Em outras ocasiões, quando os apoiadores do presidente nutriam expectativas por determinados acontecimentos, eles costumavam ter respostas e conteúdos prontos para reagir em defesa de Bolsonaro.

Não à toa, as mensagens que mais circularam ultimamente foram ataques ao Supremo Tribunal Federal (STF), que autorizou as diligências da última terça-feira contra integrantes da base presidencial. “O ecossistema do WhatsApp bolsonarista não está preparado para trazer respostas, mesmo que em forma de desinformação, quando é pego de surpresa. Esses conteúdos estão sendo produzidos. Então, o que fica por enquanto é o silêncio”, analisa Nemer.

7 thoughts on “Prisão de Queiroz pega de surpresa sistema do WhatsApp bolsonarista e silencia apoiadores

  1. O gabinete do ódio do Bolsonaro usa e abusa da fabricação e disseminação de fake news, boa parte delas com elevados conteúdos de ódio e destruição de reputações.

    Mas essa quadrilha criminosa está assustada porque ela está cada vez mais perto de ser corretamente alcançada pela justiça.

    Infelizmente alguns milhares de cidadãos ainda caem nessas armadilhas perversas propagadas pelo bolsonarismo infame. Mas esse rebanho de bovinos seguidores está diminuindo de forma impressionante a cada dia.

    A prisão do Queiroz realmente foi um marco importante para ajudar no desmantelamento de diversos crimes do clá dos Bolsonaro. Só que será muito importante que ele se decida pela delação premiada.

  2. Depois da prisão do Queiroz e de tudo o que já foi revelado sobre o seu esconderijo, quem AINDA continuar defendendo o bolsonarismo tem IGNORÂNCIA EXTREMA, ou então DESONESTIDADE que o faz se locupletar dos tenebrosos esquemas bolsonaristas.

    Fazendo um paralelo, é semelhante ao que ocorre com aqueles que continuam defendendo a seita lulopetista depois dos julgamentos do Petrolão e das sucessivas condenações do LADRÃO Lula.

  3. Não sei não, se os apoiadores do Mito silenciaram, o meu único canal com o espaço cibernético bolsonarista, já que sou bastante reacionário às redes sociais, é com os apoiadores que aqui se manifestam e um amigo há mais de sessenta anos, excelente caráter, mais infelizmente radical, no ódio ao PT, não conversa com o irmão petista há mais trinta anos, e no amor aos militares e a Bolsonaro, e ele tem me bombardeado pelo Whatsp App e até pelo e-mail com uma produção extra de propaganda, nestes últimos dois dias, mostrando, aparentemente, sinais de desepero.

  4. Eu votei no Bolsonaro sabendo que não era o melhor !!

    Mas quem era ?

    Hadad e Manoela ?

    Lula e Dilma ?

    Renan e Maia ?

    Moro e Joice ?

    Voto de novo no Bolsonaro , Wantraub , Negão amigo do Bolsonaro !!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *