Projeto de revitalização do Porto do Rio não consegue atrair investidores.

Carlos Newton

A Folha de S. Paulo publicou que a prefeitura do Rio está pedindo mais empenho da Caixa Econômica Federal para que finalmente tenham início as vendas dos certificados lançados para construção de prédios na área do Porto do Rio, a fim de revitalizá-la para a Olimpíada de 2016.

Trata-se do Fundo de Investimento Imobiliário  Porto Maravilha, lançado pelo prefeito Eduardo Paes em junho, que permite – vejam só – a construção de prédios acima do do gabarito, através do chamado Certificado de Potencial Adicional Construtivo.

O total dos papéis eleva-se a R$ 64 milhões. Passados mais de três meses, até agora nenhum título foi vendido. O mercado, claro, está se recusando a participar do empreendimento. A Caixa Econômica, portanto, para viabilizar o projeto, terá que assumir o risco do investimento sozinha.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *