Qual bolhas de sabão

Percival Puggina

Volta e meia, anos a fio, eu criticava a péssima gestão federal dos negócios públicos. O governo ia mal nas coisas importantes. E o que ia bem lhe caía no colo de presente. Presente chinês. O gigante oriental acordara e arrancava o Brasil de seu berço esplêndido. Quanto ao resto – Segurança, Responsabilidade Fiscal, Probidade, Educação, Saúde, Infraestrutura, Tecnologia, Relações Exteriores, as coisas iam mal. Muito cacarejo publicitário e pouco ovo.

Nós, os poucos que expúnhamos com objetividade a situação nacional, exercíamos tarefa resignadamente inglória. O marketing do governo trovejava informações que nos contradiziam. Afrontávamos a opinião majoritária. Sabíamos que distribuir dinheiro não resolve os problemas nacionais porque o Brasil não é um programa de auditório! Mas o Planalto festejava ao menos um plano mirabolante e bilionário por semana. Até a mídia mundial comprava por bom o discurso oficial! As oposições, ora, as oposições!

Primeiro, Lula lhes bateu a carteira ao fazer seu o programa de governo do FHC. Depois, quando Lula passou a sacrificar a austeridade fiscal em favor das reeleições petistas, instalou-se a chamada Brasilha da Fantasia, ou a Fachada de Prosperidade (nas palavras do Financial Times). Mas a oposição política formal, já então, arquejava seu desânimo em meia dúzia de vozes, se tanto, no Congresso Nacional. Enfim, nossa trincheira era tão despovoada que se um gritasse o outro não ouviria. E o petismo ainda nos chamava de golpistas.

O POVO NAS RUAS

Pois eis que o povo sai às ruas. Os satisfeitos do Bolsa Família e do Bolsa Louis Vuitton ficam em casa. Entende-se. Entende-se, também, os motivos pelos quais os grupos radicais que acionaram a alavanca de partida foram para a marginalidade quando o povo, com suas camisas brancas, tomou conta do pedaço. Assistimos uma surpreendente apropriação pela cidadania de algo que iniciou em mãos erradas. Com raras exceções, a multidão nas ruas repete o que vínhamos dizendo. Claro, há os paus mandados que se infiltram e tentam desviar o foco para cima dos governos não petistas; há os que conscientemente usam a violência para fins políticos e há os que se aproveitam das vidraças quebradas para sua atividade criminosa.

A multidão nas ruas embasbacou dois grupos: os detentores de poder e os comentaristas, ingênuos ou militantes da causa, que há anos recebiam os resultados das pesquisas de satisfação como prova suficiente de que tudo ia bem. Pesquisas de satisfação, senhores, tem a ver com mercado. A realidade nacional precisa ser aferida em outras fontes, e tem a ver com o futuro do país em horizontes de curto, médio e longo prazo.

Rudyard Kipling perguntou certa vez num poema – “O que podem conhecer sobre a Inglaterra os que só conhecem a Inglaterra?”. Pois o brasileiro médio sempre se pareceu um pouco com esses ingleses de Kipling. Nos últimos anos, porém, com o dólar barato, milhões de brasileiros saíram a conhecer o mundo. E conheceram melhor o Brasil… Essa massa, da qual Lula se considera santo benfeitor, pôde fazer comparações e concluir que, aqui, exceto os luxuosos palácios do poder, tudo que é público está em frangalhos. Que aqui, impostos coletados em percentuais de Primeiro Mundo se desperdiçam no supérfluo. E que o restante se entrega ao Submundo, sob zelo da mais irretratável impunidade. Ilusões publicitárias são como bolhas de sabão.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

7 thoughts on “Qual bolhas de sabão

  1. Circulando na rede:

    MENSAGENS DOS CARTAZES DA MANIFESTAÇÃO

    POVO RUANDO PRA POLÍTICOS (27.06.13)

    Errar uma vez é Lulice, persistir no erro, aí já é Dilmais.

    Quanto mais calados mais roubados.

    O povo não é anti-sistema, o sistema que é anti-povo.

    Sorria você está sendo roubado.

    Abaixo as tarifas e põe na conta da FIFA.

    Fora Globo rede esgoto.

    Direita? Esquerda? Eu quero é ir pra Frente?

    Quando todos realmente acordarem, os políticos não irão dormir.

    Pela criminalização da corrupção; Não à PEC 37.

    O sangue das lutas nunca foram em vão.

    É tanta coisa errada que não cabe no cartaz.

    Desculpe o transtorno; Estamos mudando o País.

    É por causa de 0,20 e mais uns bilhões $$

    Afasta de mim esse CALE-SE.

    Capitalismo Selvagem.

    Aguarde um instante; estamos atualizando o sistema.

    Em 2014 vote em Ali Babá. Ele só tem 40 ladrões.

    Direito de ir e vir R$ 8,80 ou 0,20 e o Pedágio?

    Abaixo o monopólio do transporte público.

    Corrupção é crime hediondo, vem pra Br vc tbm!

    Antes; Pegava o ônibus pra ir trabalhar… Hoje trabalhamos para pagar o ônibus!

    Escola e Hospital padrão FIFA.

    Não somos bandidos somos o POVO.

    Já que a bomba é de efeito moral, joga no Congresso Nacional.

    Fome, miséria e opressão. O Brasil é pentacampeão.

    Vergonha na cara.

    Chega de roubalheira e de impunidade.

    O gigante acordou.

    Ou para a roubalheira ou paramos o Brasil.

    Por favor não nos machuque nós não temos hospital.

  2. “Ilusões publicitárias são como bolhas de sabão”.
    Táticas ilusionistas. Lavagens Cerebrais. Quando Joseph Goebbels mandou o Füehrer dizer “Não pense, eu penso por você” … Quando Lixo Inato afirmou “A opinião pública somos nós” (do PT) … Quanta semelhança!!! É tudo estudado. É tudo analisado em minúcias para enganar o povo. Lixo Inato queria (quer) transformar o Brasil no seu “Reich dos Mil Anos”. Só que não tem um homem genial como Goebbels para aconselhá-lo. Este verdadeiro MONSTRO, Goebbels, mandava Hitler repetir e repetir mentiras. “Afinal”, frisava Goebbels, “Uma mentira mil vezes repetida transforma-se em verdade”. Prosseguia o diabólico monstro nazista: “Füehrer, se for necessário matar, para dominar o povo, comecemos imediatamente”. Êita mundão! Mas, é que temos.

  3. Matam dois coelhos com uma cajadada, realocam a liquidez perdida com a chamada de margem da empresas X de Eike Batista, pela desvalorização das ações e ajuda a maquiar o Superavit do Setor Público que encontra-se com dificuldade de cumprir a sua meta.

    http://veja.abril.com.br/noticia/economia/fazenda-faz-mais-manobras-para-cumprir-meta-fiscal?fb_action_ids=631768746836041&fb_action_types=og.recommends&fb_source=aggregation&fb_aggregation_id=288381481237582

  4. Só com com o banco PANAMERICANO de Silvio Santos que hoje pertence a BTG Pactual que tem como sócio , controlador e principal executivo o Irmão de Eduardo Pães, Andre Esteves, tudo em família, a fraude financeira foi de 14 bilhões de Reais para os cofres públicos com a permissividade do Central Brasileiro em fazer vista grossa e não fiscalizar o Banco Panamericano.

    Com ajuda do Ex presidente Lula, Silvio Santos não perdeu todo o seu Patrimônio, inclusive o SBT que teria colocado como garantia de margem junto ao Banco Central, como as ações do Banco Panamericano não valiam nem 0,01 R$ era de se esperar que não mais houvesse comprador, mas um Milagre aconteceu e apareceu do nada o BTG Pactual que tem como sócio , controlador e principal executivo o Irmão de Eduardo Pães, Andre Esteves, pagando uma quantia razoável de 450 milhõe a Silvio Santos Pela Massa Falida do Banco Panamericano, em seguida mais um Milagre, Lula mete a mão em 10 bilhões da Caixa Econômica e 4 bilhões do Fundo Garantidor de Crédito e injeta no Banco Panamericano.

    Os 14 Bilhões que Lula transferiu dos cofres públicos para contas privadas foram o desfalque que os funcionários do Banco Panamericano deram, fazendo consignado para pessoas que não tinham condições de Pagar, somado a contabilidade fraudulenta que o Banco Central deixou de fiscalizar, gerando uma escassez de liquidez na Caixa Econômica agravado com a queda do valor das ações do Grupo EBX de Eike Batista que tem um volume considerável de empréstimo junto a caixa que tem como garantia as ações.

    Para o governo acabar com a escassez de Liquidez na Caixa Econômica devido a injeção de liquidez feita no Banco Panamericano e a chamada de margem com queda do valor das ações do Grupo EBX de Eike Batista que tem como garantia dos Empréstimos as próprias ações, o governo recorreu a uma medida inusitada ANTECIPOU OS DIVIDENDOS QUE SERÃO PAGOS NO FUTURO, foram 4,7 Bilhões a Caixa Econômica e 2,3 Bilhões para o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) sendo regatado títulos público que encontrava-se com essa instituições pelo Tesouro Nacional. O Quantitative easing ( QE )Brasileiro!!

    Com essa jogada financeira realizada no final de 2012 o governo conseguiu matar dois coelhos com uma cajadada só, aumentou a liquidez dos Bancos e ajudou a Maquiar o Superavit do Setor Público que encontrava-se com dificuldade de cumprir a sua meta de 2012.

    A mesma fraude na contabilidade do Banco Panamericano o Banco Cruzeiro do Sul, da família do Índio da Costa que foi candidato à vice-presidência do Brasil na chapa de José Serra, fez também, empréstimos para pessoas que não tinham condições de pagar, foi descoberto a fraude pela falta de liquidez e a não fiscalização do Banco central no balanço patrimonial, só que nenhum milagre a aconteceu, André Esteves junto com p BGT Pactual não se interessou em comprar a massa falida muito menos o governo em injetar dinheiro público, havendo uma clara diferenciação de tratamento por parte do governo no Banco Panamericano com o Cruzeiro do Sul que teve 15 pessoas indiciadas.
    São 14 Bilhões de Reais. Imagina esse volume de dinheiro para educação!!

    Está ai uma boa CPI para ser votada pelo congresso !!

  5. Segundo o site http://www.sonegômetro.com mais de R$ 415 bi são sonegados atualmente no Brasil. Não vi nas manifestações nenhum cartaz denunciando. Com esse dinheiro daria para resolver todos os problemas na Educação, Saúde e Transporte. Só a Rede Globo deve mais de R$ 2,1 bi. Na Copa de 2002 foi multada pela Receita Federal em R$ 615 mi por fraude ao IR.
    Que tal começar por aí ?

  6. Eu , particularmente, não acredito que o povo vá ser respeitado em época alguma neste país.
    Países da América latina, Africa e Arábias, cujos povos, sem educação científica não têm como contrapor o sentimentalismo dos misticismos da salvação. Jamais terão condições de melhorar seus corruptos sistemas de governo, para com isso alcançar uma democracia capitalista séria. Dessas do canadá, Japão, Alemanha, EUA, Coreia do Sul e outros semelhantes.

  7. Pingback: Teixeira Agora – A notícia no tempo certo! » NO PÓ DA RABIOLA 17

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *