Sarney mostra que realmente manda no governo e nomeia outro deputado do Maranhão para o Turismo.

Carlos Newton

Confirmado: o ministério do Turismo não é somente um feudo do PMDB, mas está reservado especificamente ao PMDB do Maranhão, quer dizer, ao cacique José Sarney. O deputado maranhense Gastão Vieira já aceitou o convite para ser o novo ministro do Turismo, substituindo ao também maranhense Pedro Novais, que pediu demissão ontem.

Teria influído na escolha o fato de Gastão ter ficha limpa, o que não despertaria reação do chamado Grupo dos 35, formado por deputados do PMDB que pressionaram em favor da demissão do então ministro Pedro Novais.

Pouco antes de ser confirmado para o cargo, Gastão disse ao GLOBO que tinha conversado com o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), o que demonstra quem realmente o nomeou, já que a presidente Dilma Rousseff teria manifestado preferência por um nome que não fosse da bancada, para evitar novos problemas. À imprensa, porém, Gastão desconversou, dizendo que teria recebido de Sarney a informação de que a decisão seria de Temer.

O fato é ontem à noite, o deputado Gastão Vieira estava numa festa de apoio à candidatura de Átila Lins (PMDB-AM), para cargo de ministro do Tribunal de Contas da União, quando foi chamado para uma conversa com o vice-presidente Michel Temer. Aceitou o convite e em seguida, falou com a presidente Dilma Rousseff.

O nome de Gastão foi confirmado depois que o líder do partido, Henrique Eduardo Alves (RN), vetou a opção de um nome de fora da bancada, conforme sugeriu o Planalto. Depois, a bola ficou com Sarney.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *