Senadora Simone Tebet pode ser nomeada para o Ministério do Planejamento

(Midiamax/Cleber Gellio/Arquivo)

O convite inicial foi para ser líder do Governo no Senado

José Carlos Werneck

Depois de uma segunda-feira muito tumultuada, Brasília teve um dia mais ameno. Além do pacote de medidas econômicas, considerado bem equilibrado e com medidas palatáveis. surgiu a notícia que o presidente Michel Temer estaria cogitando no nome da senadora Simone Tebet, do PMDB de Mato Grosso do Sul, para ocupar o cargo de ministra do Planejamento. Se tiver seu nome confirmado, será a primeira mulher a assumir um Ministério no governo Temer.

A senadora, que confirmou recentemente ter recebido convite do presidente para exercer a função de líder do governo no Senado, é formada em Direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro.

É também especialista em Ciência do Direito pela Escola Superior de Magistratura; mestra em Direito do Estado, pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, e doutoranda em Direito Constitucional.

PROFESSORA UNIVERSITÁRIA

Em 1992, Simone Tebet começou a lecionar nas universidades Federal de Mato Grosso do Sul, na Universidade Católica Dom Bosco, na Universidade para o Desenvolvimento do Estado e Região do Pantanal e nas Faculdades Integradas de Campo Grande.

Nos anos de1995 a 1997, foi consultora-técnica jurídica da Assembléia Legislativa do Mato Grosso do Sul e diretora- técnica legislativa de 1997 a 2001. Ela também é diretora de assuntos municipalistas da Associação dos Municípios do Mato Grosso do Sul e membro do Conselho de Representação do Centro Oeste da Confederação Nacional dos Municípios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *