Snowden obtém asilo temporário da Rússia e deixa aeroporto de Moscou

Cópia do documento provisório russo de Edward Snowden é mostrada nesta quinta-feira (1º) por seu advogado, Anatoly Kucherena, em Moscou (Foto: AP)

Do G1, em São Paulo

O ex-consultor americano Edward Snowden recebeu os documentos necessários (foto) e já deixou a área de trânsito do aeroporto de Moscou, onde estava retido desde 23 de junho, rumo a um “local seguro” em território russo.

“Eu acabei de entregar a ele os documentos do serviço federal de migração da Rússia”, disse Anatoly Kucherena, advogado russo que auxilia o americano, segundo a agência russa Interfax.

O advogado afirmou que os papéis têm validade de um ano, e que Snowden rumou para “lugar seguro”, que não será revelado publicamente.

“A segurança é uma questão muito importante para ele”, disse Kucherena à TV estatal Rússia 24. “Ele próprio decidirá para onde ir.”

“Eu o coloquei em um táxi entre 15 e 20 minutos atrás e dei-lhe o certificado para obter o status de refugiado na Federação Russa”, disse ele. “Ele pode morar onde quiser na Rússia. É a sua escolha pessoal.”

DEPOIS, O ASILO

O advogado disse que Snowden não ficaria em qualquer embaixada em Moscou, apesar de três países latino-americanos terem se oferecido para abrigá-lo. Snowden estava bem, acrescentou Kucherena.

A informação sobre sua saída foi confirmada por autoridades do aeroporto Cheremetievo, onde ele vivia “no limbo” jurídico, em uma área de trânsito.

O americano, ex-consultor dos serviços de inteligência dos EUA,  é procurado pelas autoridades americanas após ter vazado informações sobre os programas de monitoramento de telecomunicações do governo.

EUA E RÚSSIA
O fato de Snowden ter escolhido a Rússia para se abrigar, após uma rápida passagem por Hong Kong, levou ao temor de uma crise diplomática entre EUA e Rússia.

Os laços entre Rússia e EUA não vão sofrer por conta do “relativamente insignificante” caso de Snowden, disse nesta quinta um importante funcionário do Kremlin.

“Nosso presidente expressão muitas vezes esperança de que isso não vai afetar o caráter de nossas relações”, disse Yuri Ushakov.

Ele acrescentou que não existe sinal de que o presidente Obama vá cancelar uma viagem à Rússia prevista para setembro.

WIKILEAKS

“Nós ganhamos uma batalha -agora, vamos à guerra”, disse o WikiLeaks, em sua conta no Twitter, após a saída de Snowden.

O site de vazamentos de informações sigilosas está prestando assessoria ao americano desde que ele revelou os segredos americanos.

Sarah Harrison, uma representante do WikiLeaks que estava com Snowden, confirmou que ele havia deixado o aeroporto.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

4 thoughts on “Snowden obtém asilo temporário da Rússia e deixa aeroporto de Moscou

  1. Um grande mercado

    Graças a incomum e gigantesca coragem de Eduard Snowden, o mundo tomou conhecimento oficial de estar sendo permanente vigiado e espionado pelos EUA. A partir daí, em especial para os ingênuos, ficou muito claro que nada mais pode ser falado, redigido, arquivado ou enviado, sem o total conhecimento dos EUA. Muito bonito.

    O lado bom dessa vergonhosa afronta, é saber que o Brasil possui grandes empresas de software, que a essa altura, já devem estar montando dispositivos capazes de confundir os gringos. Por certo que ganharam muita grana. Haja visto, que os EUA não devem estar unicamente em busca de inimigos (milhares, por tudo que já vimos), mas também, de informações confidenciais de cunho comerciais, de mercados, militares, diplomáticas, científicas, tecnológicas, logísticas, estratégicas, etc.

  2. O pais que se autointitula o que traz a liberdade aos povos, como os vietnamitas, iraquianos, etc…. Mas…. essa liberdade é somente quando é de interesse deles. Snowden mostrou ser um VERDADEIRO fundamentalista da liberdade…. Ja o governo americano, o VERDADEIRO terrorista das nações, esse quer a “liberdade” controlada.

  3. Tenho a impressão de que o que estimulou a decisão da Federação Russa, ao oferecer asilo, foi exatamente a divulgação recente (26 de Julho passado) da notícia surpreendente e descabida sobre o assunto, veiculada na imprensa ocidental. Conforme a referida e sensacionalista notícia (bolada por alguma mente doentia), “USA preparam lei para sancionar país que der asilo a Snowden”.
    Inacreditável a ingenuidade da divulgação que pretendia funcionar como ameaça. Mente miúda de jornalista. Ingenuidade total. Tal notícia é um prato cheio para uma superpotência atuar.
    As atividades de informação e de contrainformação sempre estiveram, estão e estarão sujeitas a vazamentos e a penetrações.
    Não faz muito tempo que um agente-duplo que trabalhava para a CIA na base norteamericana de Khost, Afeganistão, com a missão de também fraturar o círculo interno da Al Qaeda, mostrou que, na verdade, era um agente-triplo. Foi assim que o médico Humam Al-Balawi veio como homem-bomba para encontro com a CIA, matando sete agentes da CIA ao se explodir para eliminá-los.
    Quanto a essa história de Apocalipse, tudo não passa de mitomania inventada por um psicopata do reino desprezível do materialismo na ilha de Patmos. A Bíblia é uma coleção de livros caóticos, mentirosos e contraditórios. Trata-se do próprio livro das ameaças, que fazem com que as pessoas não se comportem melhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *