Sub-relator de CPI pede indiciamento da mulher de Pimentel

Carolina, a primeira-dama da corrupção

Thiago Bronzatto
Época

Sub-relator da CPI do BNDES, o deputado tucano Alexandre Baldy (PSDB-GO) protocolou relatório em que pede o indiciamento de Carolina Pimentel, mulher do governador mineiro Fernando Pimentel, e do empresário Benedito de Oliveira, o Bené, ambos investigados na Operação Acrônimo.

Baldy cogitou pedir o indiciamento do governador Fernando Pimentel também. Desistiu ao saber que existe um entendimento de que as CPIs não têm a prerrogativa de complicar a vida dos governadores.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
O sub-relator da CPI propôs também o indiciamento do presidente do BNDES, Luciano Coutinho, e de outros membros do comando do banco que aprovaram financiamento à empresa do pecuarista José Carlos Bumlai, amigo de Lula preso na Lava Jato. No relatório, Baldy argumenta que eles autorizaram financiamento, aditamento dos contratos e repactuação dos contratos das empresas do Grupo São Fernando desrespeitando as normas internas do banco. A empresa de Bumlai recebeu crédito de R$ 101,5 milhões em julho de 2012, apesar de já ter sido alvo de um pedido de falência. (C.N.)

4 thoughts on “Sub-relator de CPI pede indiciamento da mulher de Pimentel

  1. “Baldy cogitou pedir o indiciamento do governador Fernando Pimentel também. Desistiu ao saber que existe um entendimento de que as CPIs não têm a prerrogativa de complicar a vida dos governadores.”

    Isto é um absurdo.

    Se for presa. Será miss presídio.

  2. Na Wikipédia, OTIMISMO é a disposição para encarar as coisas pelo seu lado positivo e esperar sempre por um desfecho favorável, mesmo em situações muito difíceis. É o oposto de pessimismo. A oposição entre otimismo e pessimismo é seguidamente evocada pelo “dilema do copo”: se ele é preenchido com água até a metade de sua capacidade, espera-se que um otimista diga que ele está “meio cheio” e que um pessimista reconheça um copo “meio vazio”. Contudo, a palavra OTIMISMO não está ligada à ingenuidade, à burrice ou à idiotice. Se o Brasil está hoje na recessão com 60 milhões de famílias endividadas, PIB NEGATIVO PELO SEGUNDO ANO CONSECUTIVO e já se fala que VIVEMOS UMA DEPRESSÃO, o motivo de chegarmos a esse ponto esteve na facilidade de crédito que houve nos últimos anos. Não será oferecendo mais crédito e endividando famílias e empresas que sairemos da crise, muito pelo contrário, a inadimplência e o desemprego vão aumentar. Portanto os R$ 83 bilhões de reais disponibilizados pelo Governo Federal na última reunião do CONSELHÃO é apenas a continuidade de tudo que provocou a situação em que a economia brasileira vive hoje em dia. O futuro é imprevisível nos seus detalhes, mas no geral as perspectivas que são divulgadas por economistas e o sistema financeiro em geral todas as semanas e meses são negativas. E essas perspectivas são confirmadas pelos resultados das empresas e pelo número de desempregados por órgãos do próprio governo que só faz crescer todas as vezes que são divulgados. Portanto, não é possível contemplar qualquer OTIMISMO frente a tudo isso. Os juros do Brasil cobrados dos consumidores são os maiores do mundo e estão comprometendo o futuro deste país porque NADA está sendo feito para mudar essa situação. O governo não consegue pagar os juros da dívida que se transformam em novas dívidas. As melhoras que houverem nesse país serão exceções. No geral as coisas estão piorando. SE VOCÊ ACHA ESTE COMENTÁRIO PESSIMISTA, MANIFESTE-SE. DIGA ONDE VOCÊ ESTÁ VENDO O CAMINHO PARA O QUAL O BRASIL VAI MELHORAR NOS PRÓXIMOS ANOS, POIS REALMENTE EU NÃO ESTOU CONSEGUINDO VER ISSO E TUDO QUE LEIO NA WEB É NEGATIVO, NÃO IMPORTA DE QUAL SITE, REPITO TUDO É NOTÍCIA NEGATIVA. AGRADEÇO SUA OPINIÃO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *