Tabu que volta (a Base de Alcântara)


Tereza Cruvinel
(Correio Braziliense)

O Governo brasileiro voltou a negociar com os Estados Unidos o acordo iniciado na era FHC, e rejeitado pelo governo Lula, para uso comercial da base de Alcântara. Em 2003, uma forte reação nacionalista, traduzida pelo parecer do relator na Câmara, o ex-deputado Waldir Pires, sepultou o acordo.

Um dos críticos, na época, foi o embaixador Samuel Pinheiro Guimarães, que agora adverte. “Para vingar, o acordo não poderá vedar o acesso de autoridades brasileiras a qualquer área, como naquela versão, nem impedir contratos com outros países. E o Congresso deveria aprovar seus termos antes da assinatura, evitando problemas e surpresas”.

O Congresso, em transe desde junho, não tem prestado atenção ao assunto.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

10 thoughts on “Tabu que volta (a Base de Alcântara)

  1. …primeiro, precisamos investigar a verdadeira causa da explosao da era FHC. Nao explacada atea hoje. E as vidas?, todo o dominio, que o Brasil tinha acumulado, naquelas mentes e todos os recursos que se foram? Os EUA, nao sao de confiança!!!. Nao , nao, nao!!!

  2. Srª Tereza, explodiram, morreu brasileiros, e o Governo está de 4(quatro), espionagem eletrônica agora denunciada, o Governo e Congresso não protestaram, cremos que isto é crime de lesa Pátria, traição a SOBERANIA NACIONAL.
    A CHAMADA GRANDE IMPRENSA, ESTÁ CALADA, PORQUE?
    Cremos que o Ministério Público, deve se pronunciar.
    Que País é esse, corrupção desenfreada, o povo sendo palhaço e idiota, vivendo “no pão e circo” e “me engana que eu gosto”, Tiradentes deu a vida pela SOBERANIA NACIONAL, e o Governo entregando-a de “bandeja”.
    Rui, você esta certo, a falta de vergonha nos governantes é uma constante!!!..

  3. Está delirando quem achar que os EUA vão deixar de fazer exigências descabidas nessa questão da utilização da base. E já está louco quem crê que irá haver repasse de tecnologia de foguetes, da Ucrânia ao Brasil, com a aprovação do tratado. Portanto, se nós tivermos um pouco de brio como brasileiros, esse Tratado de Alcântara deverá ser sepultado de vez. A menos que o Governo petista de Dilma tenha tucanado de vez.

  4. Vai ser muito engraçado! Como entender um país que pretende ser incorporado à família bolivariana encravar, em setor estratégico, militares e cientistas americanos?
    Ah! Por favor! Chamem o meu advogado!

  5. Que se faça o acordo, sim. Mas deverá ser feito não permitindo um só item daqueles que o PT denunciava. Deve ser feito como o PT acha que tem condições de fazê-lo. O contrário demonstrará que o PT e o PSDB são como duas pontas de uma mesma corda. Uma para cada lado, mas feitas do mesmo material.

  6. Nosso povo tem que por em pauta não só o sumisso de AMARILDO, mas também as investigações sobre o porque da explosão naquela ocasião. Dado ao enorme interesse, porque não há investimento tecnológico? Infelizmente estamos na bica de entramos pelo cano!!!! e nossa soberania onde fica?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *