2 thoughts on “TSE rejeita criação do partido de Marina Silva

  1. Caro Alpino, que nosso povo desperte de vez, o TSE, que mandou “nossos segredos” para o Serasa, esperar o que???.
    Os Cartórios de S. Paulo e principalmente no ABC, se fosse um País sério (De Gaulle), merecia uma investigação da Policia Federal, que a Srª Marina, se candidate, terá o VOTO Obrigatório da DEMOCRADURA em que sobrevivemos, da CIDADANIA. Cremos que esse foi o “verdadeiro tiro no PÉ”.
    Estamos com 84 anos, com exceção do meu voto presidencial DUTRA, todos foram conscientes; dois, foram eleitos: Jânio e Lula (1º mandato), decepção total e irrestrita, principalmente o LULA, que transformou,”sonho em pesadelo” para o Cidadão(ã)Trabalhador(a).
    Roguemos à DEUS pelo nosso POVO, iluminando-o no dia 15/10/14.

  2. Sabíamos que seria negado a criação do partido, forte oponente da atual presidente, o que aconteceu, ninguém imagina, mas o que me deixa mais incrédulo é o modo indeciso da Marina Silva, vários partido ofereceram legenda e ela até agora não se decidiu, o povo gosta de candidato de decisão, passa a impressão de insegurança, caso seja candidata por outro partido, já estará perdendo pontos devido a sua “INDECISÃO”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *