Um final eletrizante para o Brasileirão

Vicente Limongi Netto

Sofremos, mas o Vasco realmente é um time de machos! Nem o gol descaradamente irregular do Fred abateu o ânimo e a garra dos jogadores vascainos. Muito menos a torcida dos narradores corintianos e flamenguistas. O da Globo é flamenguista, claro, não admite que o Vasco seja campeão. Igualmente o ex-jogador e o ex-árbitro. Torceram pelo Corinthians e continuarão torcendo até a rodada final.

Vamos para cima do Mengão, esperando que o Palmeiras faça sua parte. Cumpra com seu dever. Porque o torcedor do “Porco” jamais admitirá perder o jogo para que o campeão seja o Corinthians. Pelo amor de Deus.

O Vasco teve um ano sensacional. A união entre dirigentes, torcida e jogadores foi perfeita, sensacional. Ricardo Gomes melhorando de saúde e novamente junto com os jogadores, que soube comandar tão bem, foi essencial para aumentar a autoestima dos atletas. Evidente que o trabalho do técnico Cristovão foi valioso. O lamentável é Felipe, como o vinho, jogando demais, não foi lembrado para disputar a seleção do Brasileirão, dia 11, em São Paulo. Ninguém de bom senso ou que jogue ou tenha jogado futebol compreende a ausência de Felipe na lista.

Enfim, o Vasco precisa vencer o Flamengo e torcer pela vitória do Palmeiras contra o Corinthians. Será emocionante. Futebol é fascinante por isso. Mais uma vez ficou provado que só se deve comemorar quando o jogo termina. Foi um Brasileirão digno do torcedor. A bola agradece. Assim como os Deuses do futebol.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *