Uma canção de Taiguara, em homenagem à trajetória do Cavaleiro da Esperança

Resultado de imagem para taiguara hojePaulo Peres
Poemas & Canções
O cantor e compositor Taiguara Chalar da Silva (1945-1996), nascido no Uruguai durante uma temporada de espetáculos de seu pai, o bandoneonista e maestro Ubirajara Silva, foi um dos melhores compositores da MPB e considerado um dos símbolos da resistência à censura durante a ditadura militar, tanto que teve, aproximadamente, 100 músicas vetadas, razão que o levou a se autoexilar na Inglaterra em meados de 1973.
A letra de “O Cavaleiro da Esperança” foi  composta em homenagem a Luiz Carlos Prestes,  líder comunista e grande amigo de Taiguara, que a gravou no CD Brasil Afri, em 1994, pela Movieplay.


O CAVALEIRO DA ESPERANÇA
Taiguara

Quem só espera não alcança
Mas quem não sabe esperar
erra demais, feito criança
Cai. E até se entrega ou trai.
E cansa de lutar

O Cavaleiro da Esperança
faz a hora acontecer
Faz punho armado
Faz pujança
Mas combate pela paz
pro povo não morrer
Pois Ogum Guerreiro não morre
prestes a encontrar
uma Estrela d’Alva para nos guiar

É soldado alerta. É São Jorge
prestes a enfrentar
o dragão do mal
que quer nos matar

2 thoughts on “Uma canção de Taiguara, em homenagem à trajetória do Cavaleiro da Esperança

  1. Taiguara era muito inspirado. Voz linda ele tinha.

    O Velho E O Novo
    Taiguara
    Deixa o velho em paz
    Com as suas histórias de um tempo bom
    Quanto bem lhe faz
    Murmurar memórias num mesmo tom

    A sua cantiga, revive a vida
    Que já se esvai
    Uma velha amiga, outra velha intriga
    E um dia a mais

    Vão nascendo as rugas
    Morrendo as fugas a as ilusões
    Tateando as pregas
    Se deixa entregue às recordações

    Em seu dorso farto
    Carrega o fardo de caracol
    Mas espera atento
    Que o céu cinzento lhe traga o sol

    Ele sabe o mundo
    O saber profundo de quem se vai
    O que não faria
    Pudesse um dia voltar atrás

    Range o velho barco
    Lamento amargo do que não fez
    E o futuro espelha
    Esse mesmo velho que são vocês

  2. 1) Salve Taiguara, grande cantor e poeta, antigo morador do bairro carioca de Santa Teresa.

    2) De hoje até terça-feira, está acontecendo o “Marco 27 de Agosto” evento anual onde os moradores e amigos lembram dos tristes acidentes com o bondinho que vitimaram fatalmente sete pessoas e feriu mais de 50,

    3) Na terça, às 18 horas na Igreja de Nossa Senhora do Largo das Neves tem missa e depois palavras ecumênicas de diversas religiões para que nunca mais outros acidentes aconteçam e as autoridades providenciem o continuar da Linha 2 do Bonde que vai até a Rua Paula Matos.

    4) A proposta é cantar a letra abaixo:

    Bloco Unidos do Amor ao Bonde

    AME O BONDE

    Samba de Claudia Ferrari, Regina Rocha, Robertinho dos Anjos, Paulo Raimundo e José Claudio

    AME O BONDE

    DEIXE O BONDE PASSAR

    EU QUERO MAIS BONDE

    O BONDE NÃO PODE ACABAR

    (SALVE O BONDE) (BIS)

    ESCORREGA NO TRILHO

    MAS NÃO CAI

    EM SANTA TERESA

    O BONDE VEM E O BONDE VAI

    VEM TRAZENDO O AMOR

    VAI LEVANDO ALEGRIA

    O BONDE É BOM

    TODA HORA, TODO DIA

    É CONDUTOR

    DE CULTURA E POESIA

    PASSA NO MONTEIRO ARANHA

    E NO BARRACO DA MARIA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *