Uma paixão ardente ao amanhecer, na visão de Murilo Antunes e Flávio Venturini

Show de Murilo Antunes e convidados - Santa Tereza TemPaulo Peres
Poemas & Canções
O compositor mineiro Murilo Antunes (foto), no lirismo da letra de “Nascente”, em parceria com Flávio Venturini, estabelece a suavidade, chegando mansa, macia, através do amanhecer que envolve olhares, contemplação, paixão e desejos ardentes. A música deu título ao LP Nascente, gravado por Flávio Venturini, em 1982, pela EMI-Odeon.
 
NASCENTE

Flávio Venturini e Murilo Antunes

Clareia
Manhã
O sol vai esconder
A clara estrela
Ardente
Pérola do céu
Refletindo
Teus olhos
A luz do dia
A contemplar
Teu corpo
Sedento
Louco de prazer
E desejos
Ardentes

One thought on “Uma paixão ardente ao amanhecer, na visão de Murilo Antunes e Flávio Venturini

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *