Vai ser patético assistir os mensaleiros legislando de dia e dormindo na cadeia

Luiz Carlos Braga

O circo já está armado. O julgamento do senador Ivo Cassol foi a senha dada para que o caso dos mensaleiros, já condenados, tenha o mesmo tratamento. Somente numa República de Banânias é que o condenado dorme na cadeia e durante o dia legisla sobre as leis do país.

Vai ser muito engraçado, para não dizer trágico e patético, ver os mensaleiros se deslocando nos jatinhos da FAB, num frenesi de ida e volta, para as suas bases, haja vista que terão que cumprir um expediente duplo, ou seja: De dia no plenário e de noite na cadeia. Êta Brasilzão!!!

Depois fingem não saber porque o povo está indo para as ruas. Se de fato o que se anuncia acontecer, será o fim do Supremo Tribunal Federal como instituição máxima do Judiciário Brasileiro. Diante de um quadro como esse, melhor seria se os ministros  Joaquim Barbosa, Celso de Melo, Marco Aurélio, Gilmar Mendes e Luiz Fux assinassem uma demissão coletiva.

E pensar que qualquer servidor público é exonerado se, pela prática de um delito, for julgado e condenado a uma pena superior a 2 anos de reclusão. Nunca uma Constituição de um país foi tão violentamente ultrajada como a nossa. Estamos vendo que os direitos são iguais perante a Lei mas, existem alguns que não são tão iguais como os demais.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

6 thoughts on “Vai ser patético assistir os mensaleiros legislando de dia e dormindo na cadeia

  1. Prezado,
    Eu sempre digo que se o Brasil não existisse teria que ser criado.O Lewando e cia. armaram tudo, conforme orientação da gerentona.Razão tem o nosso amigo Carlos Newton.Executivo de merda, judiciário de merda, legislativo de merda.Triste do país que tem Lula, Sarney,Renan, Dilma, Barbalho etc, etc, etc…
    Vergonha total!

  2. Luiz Carlos, saudações
    Cabe ao presidente da República escolher os ministros do Supremo Tribunal Federal. Atualmente, Dilma Rousseff. Ela escolheu – por exemplo – Toffoli, um ex-funcionário do PT e do Dirceu. Um cidadão reprovado nos exames para juiz, duas vezes. Só vota com o governo. Lewandówski tem laços familiares com D. Marisa Letícia, ex-primeira dama. E por aí vai. Pergunto, Luiz Carlos: o que podemos esperar deste Supremo? Ética? Imparcialidade? Isenção? E os recentemente empossados, Zavaski e Barroso? E dizer que Getúlio Vargas chamou de Mar de Lama o que ocorria “nos porões do palácio” … Ora, aquela situação de 1954 é uma simples poça d’água comparada ao que vemos hoje, em todos os âmbitos.

  3. Sr. Braga e comentaristas, estamos caminhando para substituir “Suprema Corte de Justiça” por “Suprema Corte de Injustiça e Canalhada”, a serviço da politicagem e corrupção que grassa no País.
    RUI BARBOSA, está morrendo mais uma vês no túmulo, pela “VERGONHA”, de ver a Srª JUSTIÇA, ser estrupada e desonrada, por quem ter “dever de oficio” respeitá-la.
    Nesse caminhar, não sei onde o BRASIL vai parar!?!
    Roguemos à DEUS sua Misericórdia.

  4. Se existia alguma dúvida, agora não existe mais. Em termos institucionais, o Brasil é super atrasado. Suas leis são sempre no sentido de acobertar e proteger o criminoso, especialmente se for de colarinho branco. E mais ainda se for político. Esses são protegidos de todas as formas e por todo lado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *