Vamos torcer pelo Santos, e vale tudo para vencer, até gol feito com a mão, em impedimento.

Carlos Newton

Este domingo, às 8h30m, o primeiro encontro oficial dos dois melhores jogadores do mundo, o argentino Messi, de 24 anos, já amplamente consagrado, e o menino Neymar, de apenas 19 anos, que de forma avassaladora desponta para o sucesso.

Os dois enfim se enfrentarão num jogo oficial, decidindo um título mundial, Até agora, só se duelaram uma vez, jogando um amistoso entre Brasil e Argentina em 2010, quando Neymar, aos 17 anos, era apenas um estreante na seleção brasileira.

Este ano, os dois eram as maiores estrelas da Copa América da Argentina, mas não se encontraram. Depois, craques ficaram na lista dos 23 melhores do mundo de 2011 da Fifa, mas só Messi está entre os três finalistas, o que faltamente ocorrerá com Neymar no ano que vem.

Além disso, o esperado confronto entre Barcelona e Santos nunca ocorreu oficialmente. O time espanhol já fez jogos decisivos contra outros clubes brasileiros, perdendo decisões de Mundiais para São Paulo (1992) e Internacional (2006). Amanhã, podemos repetir mais uma vez a dose.

“Hoje, o Messi é o melhor”, diz modestamente Neymar sobre o craque argentino duas vezes escolhido realmente como melhor do mundo. “Parece ser um grande jogador. Tem demonstrado isso e fez uma ótima Libertadores. Seria lindo vê-lo jogar na Europa e especialmente na Espanha”, disse Messi sobre o atacante santista.

Então, vamos todos torcer pelo Santos. E vale tudo para vencer. Até gol feito com a mão, em impedimento, como dizia o genial Nelson Rodrigues.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *