Vândalos do Black Bloc contam com apoio de grande parte da opinião pública

Carlos Newton

O comentarista Nelson Ney, de Niterói,  nos envia uma informação que é a mais pura expressão da verdade: “Meu caro CN, você realmente acha que os Black Block são apenas vândalos baderneiros? Hoje, ao chegar em meu trabalho no centro do Rio, o comentário era um só entre meus colegas, o porteiro do prédio, o dono do cafezinho, o ascensorista, o taxista, e outros mais: “Esses tais de Black Block me representam!”. Ninguém aguenta mais, CN, todo esse desmando e roubalheira com o nosso dinheiro. Chega! E isso está só começando, meu caro!

Esse apoio à depredação e à violência realmente existe. Entre os jovens, então, já conquistou a esmagadora maioria. Eu moro e trabalho numa das áreas onde ocorrem os protestos e badernas, próximo ao Palácio Guanabara, no Rio. Já contei aqui no Blog que preciso fechar a janela para não respirar gás lacrimogêneo.

No estúdio musical de meu filho, tenho contato direto com grande número de jovens, de diferentes camadas sociais, que tocam em bandas. Há praticamente consenso no apoio aos Black Blocs e no repúdio à Polícia. Quase todos defendem que os PMS seja atacados com coquetéis molotov e tudo o mais, concordam com a depredação das agências bancárias e alguns até sugerem  que sejam destruídas também as lojas de telefonia, sabem que as contas são absurdamente altas.

GRANDE RISCO

É aí que mora o perigo. Quando a sociedade passa a defender o desrespeito à lei e à ordem, assumindo a violência como modo de expressão, abre-se o caminho para instalação de governos autoritários, o que é sinônimo de ditaduras militares. Já assistimos a esse péssimo filme em 1964 e agora corremos o risco de vê-lo reprisado. A meu ver, apoiar os Black Blocs é um risco terrível e totalmente desnecessário.

No ano que vem temos eleições gerais. A forma certa de protestar é através do voto. Democracia é isso aí. A violência, como ensinava Mahatma Gandhi, não é o melhor caminho, porque só leva a uma violência ainda maior. Mas quem se interessa?

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

47 thoughts on “Vândalos do Black Bloc contam com apoio de grande parte da opinião pública

  1. Concordo plenamente e apoio os black blocs. Estou farto de corrupção e roubalheira e vandalos são os politicos que nos roubam todos os dias, vandalos ão os integrantes deste governo que usa nosso imposto para a corrupção.

  2. Caro Carlos Newton quem desreipeita a ordem e as leis sao os detentores do poder nos tres niveis.AQ constituicao diz que saude e um direito do cidadao e dever do estado e isso nao e cumprido que uma familia de 4 pessoas deveria ganhar para as suas necessidades basicas aproximadamente um minino de 2.800,00 estamos longe disso,so estes dois exemplos senao vou esgotar o espaco.Temos uma elite que ha 513 anos so massacram o povo trabalhador deste pais e parece-me que agora comecam a receber o troco.A esquerda que chegou ao poder so fez aprofundar a miseria na populacao a nossa concentracao de renda e um absurdo ,os professores pacificamente nao esta encontrando respstas dos governos assim como os bancarios dos banqueiros os maiores sangue sugas da sociedade sem falar em eike batista paulo maluf daniel dantes noa merecem letra maiscula roubam o dinheiro publico todos os dias e nao sao considerados vandalos nem baderneiros porque?

  3. Prezado CN, concordo plenamente com a sua referência ao Gandhi; infelizmente a sociedade brasileira (democracia?!)está em um nível de degradação moral e ética, onde o que impera são os podres poderes… tenho visto nos mais diversos lugares e idades o apoio aos BB e eles BB sabem disso… esse modelo de 513 anos esgotou (vide péssimo cheiro do esgoto).

  4. Quem são os vãndalos? Blak Blocs ou governo e sua policia, quem agride manifestantes ? quem privatiza a saude ,a educação, quem desvia as verbas da educação e saude? a imprensa que através de novelas e programas de baioxos niveis , entra em sua casa a dentro levando a prostituição, bebidas, drogas e tudo que ha de mal, essa não é vãndalo , ela recebe o dinheiro que deveria ser usado exclusivamente na educação ,surrupia essa grana em troca de blindagem. Onde esta a policia onde são roubadas toneladas de ferro e aço do elevado da perimentral, ninguem sabe ninguem viu, essa policia não são vãdalos, mas desses vãdalos todos eu fico sim com os Black Block pera mim não são vãndalos são guerreiros, só vejo nesses jovens a fome da justiça, a luta por um país mais digno, queria eu que a ” justiça ” brasileira fosse constituida por vãndalos com ideais de Justiça e não essa vergonha que nós temos por ai nesses tribunais , que tanto envergonham os bons profissionais , profissionais sérios e honestos, deixado de lado por uma maioria de vendidos e sujos que enojam a “justiça”. caro jornalista vc esta completamente errado em sua analise.

  5. APOIO AOS BLACK BLOCS É GRAVE AMEAÇA E INTIMIDAÇÃO AO PODER CONSTITUÍDO

    O anunciado apoio de professores, em greve no Rio, às ações do grupo Black Bloc, uma organização criminosa de vândalos arruaceiros, como instrumento de pressão ao governo, é falta de bom senso, afronta gravemente a ordem pública e constitui uma ameaça ao poder legal. Um perigoso incentivo à desordem, ao vandalismo, à depredação do patrimônio público e privado, ao enfrentamento à polícia e de ameaça à incolumidade de cidadãos ordeiros. Um decisão de total radicalismo e despropósito, contra as regras do estado democrático, onde ao que parece os fins passaram a justificar quaisquer meios.

    Profundamente lamentável que uma classe de professores dê esse exemplo à sociedade e as próprios alunos, jovens ainda em formação social, quando, ao que tudo indica, se preparam também para resistir às ações da polícia cujo dever constitucional é a restauração e a preservação da ordem pública. Como pano de fundo utilizam, a partir de agora, o argumento da autodefesa nas manifestações.

    Tal radicalismo indesejável pode gerar graves consequências para toda a sociedade Talvez quem tenha objetivos políticos imagine obter ganhos e tirar proveito com o apoio à baderna, vendo o ‘circo pegar fogo’. O mau exemplo e a grave ameaça à ordem pública estão caracterizados. O radicalismo sobrepujou a razão. Profundamente lamentável.

  6. Sr. Newton e comentaristas, a citação de Gandhi é verdadeira,como também outra frase sua: quem não vive o que prega é hipócrita. Os homens e mulheres de bem, na frase de Luther King, deve deixar a “OMISSÃO”, pois, ela nos torna solidário com o “bem ou o mal”, portanto nos tirando o DIREITO DE RECLAMAR.
    Façamos uma cruzada esclarecedora para o dia 05/10/2014, junto aos eleitores que se encontram próximos à nós, e aos mais afastados, pela “imprensa”, demonstrando o significado do VOTO,(apesar de ser obrigatório e, portanto, antidemocrático) como arma pacifica de mudança.
    Que os protestos sejam pacíficos, mas, acima de tudo esclarecer o “eleitor(a)” que ele elege seu “CLONE”, se elege e reelege patifes e ladrões notórios, não tem o Direito de Reclamar. Não encontrando seu “representante” VOTE NULO, NUNCA EM BRANCO,para não ser solidário com o mal.
    05/10/14,A RECOMENDAÇÃO DE “EÇA DE QUEIROZ”: Político é que nem fralda de criança, trocar sempre pelo que contém.
    É bom lembrar que somos responsáveis pelos nossos “ATOS”, e “pagaremos até o último ceitil”!!
    O 1º Artigo da Constituição deveria ser: TODO BRASILEIRO DEVE TER VERGONHA NA CARA!!!

  7. Direito e Vergonha não são opções, são deveres do homem civilizado mesmo antes de ser magistrado.

    .
    (A busca da verdade não é moral em si mesma e por si mesma; tudo depende do objetivo com que é perseguida. A busca da verdade só é verdadeira e plenamente moral quando a ciência é amada por causa dos efeitos benéficos que deve ter para a sociedade, para a humanidade – Émile Durkheim)
    .
    “As palavras têm um significado próprio, que, numa definição, não pode ser completamente descurado – N. Bobbio”.
    A essência de todo o discurso é a palavra: vergonha, mais exatamente: “vergonha na toga”.
    .
    Um aplicador do Direito sentencia decidindo sobre o caso da invasão, depredação e ocupação de um bem público. Nega a reintegração de posse da Reitoria da USP, que foi invadida com marreta e pé de cabra alegando tratar-se de uma “forma de luta democrática”. Dias atrás o STF usou de chicana para liberar companheiros consagrando, com a maior desfaçatez, a desordem processual no Judiciário, isso, disse, em prol do que contraditoriamente destruiu: o devido processo legal para desagravar sua vergonha pela peja a ele atribuída por um ex-chefe de: Juiz de m…. Agora se critica a aplicação de uma Lei contra terroristas apanhados em flagrante: ”Eles foram presos em flagrante. Na mochila, carregavam explosivos e granadas.”.
    Em campo oposto, diariamente o Judiciário libera criminosos, homicidas e congêneres alegando que cumprem a frieza da lei, do Direito sem-vergonha. Dois pesos e várias medidas a dependender da vergonha do Juiz.
    .
    Algo está errado. Creio que é a sem-vergonhice. Os magistrados têm à disposição um Direito escrito nos códigos e outro no bolso, na manga. Mágicos e ilusionistas ou sem-vergonhice mesmo?
    Sem-vergonhice, sem titubear. Com a devida e máxima vênia e em nome da democracia, claro! Que também pode ser OI, VIVO ou morto.
    .
    Palavras não são fatos; são representações interpretadas dos fatos. “À luz de uma noção epistêmica da verdade, “encaixar-se nos fatos” não é mesmo que corresponder aos fatos – Jürgen Habermas”

    Até o silêncio se interpreta. Nessa elasticidade filosófica é que se insere na sociedade o verdadeiro magistrado que existe para servi-la e não ao Direito dito puro. Pureza sempre impura.
    .
    Por que razão a Constituição prevê como princípio da Administração Pública (caput do art. 37) a moralidade?
    .
    O fato é que os magistrados somente não decidem moralmente quando – por alguma inconfessável motivação – o fato moral almejado pela sociedade ideal não se inclui na moralidade deles. Nem a lei pode obrigar alguém a agir contra a própria moralidade, nem mesmo obriga o criminoso ou o magistrado. Nisto a liberdade rousseuaniana de não fazer, que, contudo exige o que se chama coragem moral, honra ou vergonha porquanto qualidade indispensável num homem, mormente investido do cargo de Juiz.

    “Sócrates e Platão têm razão: seja o que for que o homem faça, ele faz sempre o bem, isto é, aquilo que lhe parece bom (útil), de acordo com seu grau de inteligência, de acordo com o nível atual de sua racionalidade – Nietzsche”

    Segue em complemento observar Hans Kelsen, Teoria Pura del Derecho:
    “Que tal conducta sea prescrita por el derecho no significa que lo sea igualmente por la moral”
    .
    No entanto, o Direito fica solto no espaço quando o magistrado não reconhece o exato lugar da opinião pública:

    “Para cada povo , num determinado momento de sua história, existe uma moral, e é em nome dessa moral reinante que os tribunais condenam e a opinião pública julga – Émile Durkheim”
    .
    Para não dizer que não falei de vergonha e honra, certa vez, encontrei este pensamento de um homem que teve por profissão a força indispensável para garantia do Direito e se tornou patrono de seus pares que bem poderia ser distribuído aos aplicadores do Direito:
    .

    “Honra é a força que nos impele a prestigiar nossa personalidade. É o sentimento avançado do nosso patrimônio moral, um misto de brio e de valor. Ela exige a posse da perfeita compreensão do que é justo, nobre e respeitável, para elevação da nossa dignidade; a bravura para desafrontar perigos de toda ordem, na defesa da verdade, do direito e da justiça – Joaquim Marques Lisboa – Patrono da Marinha”

  8. Acordem senhores, o que está por trás dos black blocs é simplesmente o tráfico de drogas.

    Só não vê quem não quer que o alvo é acabar com as UPPs.

    Por trás disso, sempre os mesmos “intelequituais” da laia do Marcelo Freixo (sempre a favor dos bandidos e contra absolutamente tudo que a polícia faz)

    Não deixa de ser curioso: o governo cabral é deplorável, mas o grande alvo desses marginais é justamente uma das pouquíssimas coisas que prestam desse desgoverno

  9. Na Índia colonial, jóia da coroa inglesa, o revolucionário Gandhi enfrentava duas forças reacionárias poderosas; uma interna, expressa pela forma como a sociedade nativa estava organizada, cujo o ranço permanece até os nossos dias; a outra, externa, representada pelo Império Britânico, de longe o poder militar mais poderoso existente à época. Não foi uma tarefa a ser levada a efeito por qualquer um. Por isso, pelo conjunto da sua obra, o exemplar Mahatma Gandhi, promotor da desobediência civil, ocupa um dos pedestais destinados aos luminares da humanidade. Já no Brasil, a Democracia é apenas um nome e o dever de votar apenas referenda as regras de um jogo que eterniza e protege os que se estabelecem no poder. Sou radicalmente contra a violência mas as vezes… dá o que pensar.

  10. São baderneiros ,marginais safados,não representam nenhum anseio de mudança por parte da população,são resultado da permussividade que muitos insistem em chamar de liberdade de expressão,como representam as pessoas que tem seu patrimônio destruido,pelos seus atos violentos? que ficam encurraladas sem poder voltar para casa depois do trabalho ou estão sem salário porque o restaurante ou loja tem que fechar toda vez que eles vem “pra” rua fazer baderna?quem abre a boca para dizer que apóia isso é tão medíocre quanto esses pilantras,que só merecem uma homenagem :a cadeia.

  11. Polícia: se bater a sociedade pega; se correr a sociedade come.
    .
    Quem deve temer cassetete, gás, bomba e bala é marginal. Se todos estão assistindo as ocorrências criminosas desses atos de vandalismo quem a eles comparece é de algum modo, também criminoso.
    O só impedir o trânsito já se constitui crime. Não pode ser incluído como atitude democrática por desrespeitar o mais elementar direito, antes mesmo que o de ir e vir, o de discordar. O mesmo que gente mal intencionada usa em defesa da violência física explícita.
    .
    Alguém já disse que barata por onde passa estraga tudo ou deixa cheiro ruim. É a sina… Fazer o quê?
    .
    O emprego da violência que se organiza e legitima nas mãos do Estado é o instrumento essencial para controle da violência ilegal. Que o Estado existe para controlar o lado ruim do homem já está ficando no retrovisor da história.
    O homem é violento por natureza. É cansativo repetir que a violência tem fundamento no sentimento muito humano da raiva:
    .
    “violência é a única forma de assegurar que a moderação seja ouvida – H.Arendt”
    .
    Não se pode usar eufemismo com coisa séria. Não há polícia sem violência. Coloque-se as Forças Armadas nas ruas e você saberá do que falo.

    Violência é violência. Não há mais ou menos violência; a intensidade é uma questão de valor subjetivo. Escandaliza mais ou menos, só.
    O crime, também, enquanto fato social inerente à civilização, não é privilégio desta ou daquela profissão; seja policial ou não. Nestes termos e para isto é que existem as instituições; para lidar com a tipificação apropriada para o caso dos desvios de conduta.
    O que se está observando de extremamente danoso é que a IMPRENSA está confundindo a natural ação policial legal necessária em defesa do Estado de Direito e a transportando para o lado moral da ação policial, sempre moralmente criticável. Diz Émile Durkheim:
    .
    “Aliás, por o crime ser um fato de sociologia normal, não se segue que não se deva odiá-lo. Também a dor não tem nada de desejável; o indivíduo odeia-a tal com a sociedade odeia o crime e, no entanto, ela depende da fisiologia normal”
    .
    A crítica imprecisa da imprensa sobre a atuação policial influencia a opinião pública e coloca o policial em situação extremamente constrangedora:

    “Se bater a sociedade pega; se correr a sociedade come”

  12. “(…)concordam com a depredação das agências bancárias e alguns até sugerem que sejam destruídas também as lojas de telefonia, sabem que as contas são absurdamente altas.”

    Estes jovens são verdadeiros gênios, não? Não sabem eles que as arbitrariedades cometidas pelas empresas de telefonia só existem graças a corrupção existente nas agências reguladoras?

    Como diria Nelson Rodrigues: “Envelheçam!”

  13. Só uma pergunta: Quem financia os Vândalos do Black Bloc. Por que isto só pode ser ação de quem leva vantagens com o quebra quebra.

    Gozado,como os Vândalos do Black Bloc conseguem pagar suas fianças rapidinho.

  14. “Esses tais de Black Block me representam!”. Ninguém aguenta mais todo esse desmando e roubalheira com o nosso dinheiro. Chega! E isso está só começando, meu caro!”
    Nelson Ney, de Niterói tem TODA RAZÃO. Vândalos são os aí estão, os que se acham e agem como donos do poder, que tudo fazem em benefício próprio, enlameados no mar da corrupção, que tudo rouba, da merenda escolar ao curativo do hospital
    Depredação é o que faz esses governantes canalhas quando compram ( a comissão é altíssima ) ambulância e as deixam em qualquer terreno baldio por anos a fio sem que a população tão necessitada possa usufruir delas. ( são milhares de exemplos )
    Violência é o que faz esses governantes canalhas quando atiram, batem, jogam gás e pimenta contra manifestantes indefesos e enquadram os mesmos na lei de segurança nacional ( a mesma lei que eles combatiam durante a ditadura ).
    Violência é a população pagar tanto imposto e não ter saúde, segurança, educação e nem saneamento básico pois somente existe dinheiro para a roubalheira desenfreada nos três poderes.
    Violência são os ganhos estratosféricos dos bancos que nada produzem e somente sugam o suor do povo, operadoras de telefonia com cobranças indevidas e absurdamente altas, tudo com a aprovação dos governantes através de agências reguladoras que nada mais são do que cabides e emprego.
    Os canalhas que estão no poder são os mesmos que diziam combater a ditadura militar e que agora se utilizam dos mesmos métodos e muitas vezes até piores para atacar o povo.
    Hoje infelizmente temos que admitir que o “filme de 1964” nos livrou de sermos talhados pela foice e pelo martelo soviéticos anacrônicos. Caso contrário “os Zé Dirceu” da vida teriam agido desde então em lugar dos “Shigeaki Ueki “ que agiram.Aqui faltam estadistas e sobram picaretas.
    No ano que vem temos eleições gerais ( a farsa das eleições ). Como protestar através do voto se um Tiririca vem acompanhado de um Valdemar Neto ? Como protestar através do voto se a grande maioria dos eleitos não foram os mais votados ? Democracia é isso ?

  15. Senhores, acredito que toda manifestação deve haver um por quê. Se não cai no desperdício de dinheiro, tempo, esforço e etc… O que querem os black bloc ? Eles quebram tudo porque querem fora o Cabral e o Paes, mas e daí ? Tirando eles tudo se restabelece por mágica ? Os outros políticos ficaram com medo, e acabarão renunciando também ou ficaram com medo de fazer novas falcatruas ? Desculpe, mas quem pensa assim é no mínimo ingênuo… A poucos dias não cassaram um politico que estava preso ! Os black bloc não me representam, pois não acredito em projeto que dará jeito no pais na porrada. Acredito em um projeto longo, onde através da educação, e somente através dela conseguiremos votar melhor.
    É “pecado” o que vou falar, mas… O pessoal da favela que se vende por churrasquinho, Vota ! O pessoal da classe média que se vende por um emprego para o filho, vota ! A classe média que vota no corrupto, porque fez alguma coisa no bairro e sabe que não faz nada no subúrbio, vota ! O puxa-saco que quer uma mamata, e trabalha na campanha do corrupto, vota !
    Antes que me qualifiquem como isso ou aquilo, sou a favor da democracia. Se não fosse ela, não estaria escrevendo isso aqui… Outra pergunta inocente : Porque os black blocs não reclamam da justiça aqui no Brasil? Onde a policia prende e os juízes soltam ? Porque não cobram a igualdade de acesso a justiça ? E desculpem, mas não lembro de ter votado em juiz ou desembargador algum…
    Pensem. E um comentarista anterior foi muito feliz : Envelheçam !!!!! Pelo amor de Deus !!!!

  16. O mais grave é não ter governador, autoridade que não toma atitude, age com rigor.
    à propositó, algúem sabe qual esconderijo a mídia esgoto deste Páis escondeu o des-governador geraldo/serra .???

  17. Só para lembrar : Os vândalos que roubam merenda, que roubam em obras, que estão ricos a custa do dinheiro publico foram votados. Ninguém foi posto lá como era na ditadura. Não sei caros ingênuos, tomara que sejam mesmo, mas os deputados e vereadores são os mesmos a muito tempo. O pessoal que vende voto é que é responsável por tudo isso. O infeliz que votou no Brasão, Dr não sei quem e toda a corja que esta ai a tanto tempo. E pior parece que é um reino, pois vai passando de pai para filho, de filho para filho e assim por diante. E nós achando que tirando um ou dois ficará tudo melhor.

  18. Armando, você esta falando de SP. E o resto da federação não existe ? No Maranhão terra de aliados, o povo vive em um caos ! Em Sergipe, Alagoas nossa senhora !!! Mas cadê a indignação que ninguém externa aqui ? Será que só existem mesmo Rio e São Paulo ? Criança em creches em São Luiz tomando café com farinha de milho, não indigna ninguém ?

  19. Lourdes, você esta falando da velha tática da ditadura ? Como no caso do gasoduto ? Se estão fazendo isso, não acredito que são ingênuos, mas burros mesmos. Pois até você descobriu, porque a imprensa isenta : Carta Capital e algumas outras não descobriram ? Será que eles também são vendidos ? Ou a PIG dominou tudo ?

  20. Por que os black blocs são contra o Paes, Cabral e Alckmin e não contra o Haddad e a Dilma? Será que isso interessa a alguém? Por que essa atuação predominantemente em Rio e São Paulo, estados que o PT ainda não conseguiu governar?

    • Cláudio,

      Cabral e Paes fizeram acordo com o PT. São sim da mesma laia.

      Acho que a questão é: O Rio sempre foi o Estado que mais teve falcatruas (carnaval… meu deus!) e agora, COPA e OLIMPÍADA…

      O povo está dizendo um BASTA!

      Esses 2 patetas tiveram o azar de serem a bola da vez.

      Todos os outros fizeram a mesma coisa… Roubar!

  21. Carlos Newton,

    li seu artigo e todos os comentários. Percebe-se que a DITADURA DA CORRUPÇÃO implantada pelo PT no Brasil (antes, com o MENSALÃO, onde a compra dos políticos era um a um, no varejo; agora, com a DISTRIBUIÇÃO DE MINISTÉRIOS, pelos “partidos da base”, que nada mais é do que a continuação da compra dos políticos, no atacado) começou a colher o que plantou.

    A merda está virando boné…

  22. Carlos Newton, o que devia ser perguntado e investigado para ver se é verdade a que partido político está filiado o senhor Nelson Ney. Ele mora na cidade onde nasceu um dos instigadores desse movimento Marcelo Freixo (Também conhecido como MARCELO FROUXO),que em plena campanha que coincidia com os acontecimentos da Tunísia, Libia e Egito, gritava para os jovens: Nossa campanha é a PRIMAVERA CARIOCA fazendo analogia como a tal Primavera Árabe que se caracterizava como atos de violência. O senhor Ney dizer que todos são a favor que os tais vândalos quebrem incedeiem é MENTIRA. Os jovens são vulneráveis a qualquer coisa que par eles seja bonito e violento é a geração influenciada pela Internet e por falsos profetas; estão sendo usados pelos RUFIÕES DA POLÍTICA. Todos sabemos que o governo Cabral tem todos os pecados possíveis, mas foi eleito pelo povo assim como o prefeito. O regime É DEMOCRÁTICO. Assim sendo vamos derrotá-los nas urnas. Em plena plena ditadura de 1964 os estudantes iam para as ruas de CARA LIMPA. Na verdade essa gente filinha de papai de barriga cheia quebram incendeiam não para protestar e sim para servirem de massa de manobra sem saber verdadeiramente o que querem. Usam úsam métodos NAZI-FASCISTAS que deve ser repudiados pela sociedade sadia. Protesto democrático sempre foi pacífico. A irresponsabilidade e o oportunismo do PSOL principalmente é tão estúpidoque usam o CADÁVER DO POBRE AMARILDO QUE FOI MORTO TUDO INDICA POR PMS COMO BANDEIRA POLÍTICA.

  23. Liberdades, banqueiros e tecnologias

    Os banqueiros, espertos demais, afinal são banqueiros, a essa altura devem estar bastante irritados com os continuados prejuízos que estão tendo por conta dos vandalismos da turma de preto. Além disso, sabem que por detrás das diversas paralisações, está a turma de preto. Dona Tecnologia, que já era íntima queridinha dos banqueiros em tempos de paz, imaginem agora. Mais um pouco, os banqueiros terão adquirido suficiente tecnologia para poder operar uma agência bancária com meia dúzia de bancários. Se é que vão precisar de tanto. É a rota natural do sistema capitalista.

  24. Sr. Antonio Santos Aquino já que está curioso eu mesmo digo, não sou e nunca fui filiado a partido algum. Leio diariamente a tribuna on line e quando acho pertinente, emito alguma opinião. E relação ao político citado pelo sr., o Deputado Marcelo Freixo, inclusive usando palavras para desqualificá-lo, não o conheço, nunca votei nele e nem no seu partido.
    Em nenhum momento eu disse que “todos são a favor que os tais vândalos quebrem incendeiem”, não sei aonde o sr. leu isso.
    Eu apenas trouxe um pequeno dado para o post do CN onde ele diz que os Black Bloc eram vândalos.
    Inclusive, horas depois, o nosso grande HF posta um comentário indo de encontro ao meu dado.
    Foi só isso, o resto eu deixo por conta da sua impaciência e confusão dos fatos.

  25. Mais Jabuticabas…coisas que só existem no Brasil…Piada de Brasileiro: No Brasil, “anarquistas” e ONGs (Organizações NÃO governamentais) são sustentados pelo governo…é mole??….é o Horror..o Horror..

  26. Jamais serei favorável a violência, pois sabemos que violência gera violência e ódio gera ódio.
    Somos uma democracia de direito, não podemos agir como vândalos depredando patrimônio público e privado.
    Sempre que preciso marcar algo no centro do Rio procuro saber se haverá protestos. E quando marco e eles surgem sem que saiba antecipadamente…desmarco.
    A vida do cidadão está caótica.
    Assisti a destruição de uma banca de jornais por esses BB. O homem chorava! Era um trabalhador honesto vendo tudo ser destruído.
    Não posso compactuar com isso.

  27. È fato: a violência é parteira das revoluções e também das contra-revoluções… O poder corrompido e corruptível só teme, só é removido, pelo uso “legitimo” da violência popular, pois os canais da “via pacífica” mediante a representação política estão obliterado ou catapultados pelos “donos do poder”, essa é a intuição e percepção dos cidadãos pacíficos. É a “maioria silenciosa” que sente a violência institucionalizada do aparato estatal diuturnamente, daí que, impotente diante da opressão do status quo, o “povo”, principalmente os jovens, ao intuírem que seu futuro está sendo surrupiado pelo cinismo do “governantes”, apoiam, mesmo que discretamente (in pectori) aqueles grupos atuantes que fazem uso da violência contra o “sistema”.

  28. O discurso “legalista” também serve ( como sempre serviu) para a manutenção da exploracao e daqueles que estao poder. O Sr. É NITIDAMENTE UM CONSERVADOR (para dizer o minimo, educadamente). Afirmar que essas ações podem levar a um golpe militar é absolutamente desnecessário e fora da realidade. O sr. Comete um anacronismo ao comparar 1968 com a realidade atual… o que demonstra ma-fé. Se o Brasil optasse por uma quartelada de República das Bananas pelo simples fato de o povo está se manifestando e pq um grupelho de jovens pseudo-anarquistas leram Proundhon e se empolgaram, seria uma desmoralização internacional tao grande que certamente as desmoralizadas e sucateadas Forças Armadas nao estariam dispostas a bancar.

  29. César. O grande problema é quem colocaremos no lugar desse “poder corrompido e corruptível” ? A história já nos provou que o risco de oportunistas, em nome da “liberdade e igualdade”, se aproveitar disso e virar uma ditadura. Afinal ditadura de esquerda, também existe.
    Imagine que entra um salvador, e depois coloca sua corja no poder. Ele criará o inimigo comum, implantará um governo de nivelamento por baixo. Quem não gosta, é imperialista e ganancioso…
    César, como falei anteriormente precisamos de mais educação. Os “donos do poder” hoje são aqueles e alguns outros mais novos, ou você não sabia ? Black Bloc ???? Lutam pelo que ????? Vão colocar quem no poder ???? O rapaz do mídia ninja ???? Deus me livre. Digo me livre, falo em meu nome. Para mim socialismo é quando você tem condições de ficar rico ou ganhar bem… gosto de roupas boas, gosto de boa cerveja, bom livro. Pense bem o uso da violência “legitima”, pode nos levar a perder isso tudo.
    Para mim revolução silenciosa é quando você dá educação de excelência a todos. Demora, mas ainda sim se chega lá. Calcule bem o risco…

  30. Caro Marco Oliveira
    Falo de São Paulo porque vivo aqui nesta terra devastada pelos que se dizem “honesto”, “os que sabem administrar”, os sabe tudo”, “os incorruptíveis”, “os maiorais”.
    Para você ter uma ideia, meu bairro se tranformou em poucos anos terra de níngúem, onde a violência corre solta.
    Mas sei tamb[ém que a situação é em todo o Páis, inclusive no Maranhão da Famiglia que detém o Poder há vários anos, tudo com cumplicidades de Brasília, aliás, de todos os governos civis de 1985 para cá.
    Há alguns anos atra´s disse para meus amigos que estavámos caminhando ´para se tornar uma nova A´frica, e parece que estamos indo rapido demais..
    abraços

  31. VOCÊ QUER DIZER OUTRA DITADURA, NÉ? POIS UM GOVERNO COMO O DO RIO DE JANEIRO, POR EXEMPLO, QUE GOVERNA PARA OS GRANDES EMPRESÁRIOS E MANTÉM A GRANDE MAIORIA DA POPULAÇÃO COM EDUCAÇÃO, SAÚDE E TRANSPORTE PÚBLICO DE PÉSSIMA QUALIDADE; ALÉM DE UMA POLÍCIA ABSOLUTAMENTE REPRESSORA E MORTÍFERA NÃO UMA FORMA DE DITADURA? MEU CARO Carlos Newton, A SOCIEDADE PODE NÃO CONCORDAR COM OS MEIOS( A VIOLÊNCIA) MAS CONCORDA COM OS FINS( POR FIM A ESSE A TODA ESSA SACANAGEM). EM VEZ DE TENTAR ENDURECER AS LEIS PARA PUNIR OS Black Blocs, PORQUE NÃO TENTAM ATENDER AS REIVINDICAÇÕES DOS MESMOS, QUE COM CERTEZA É A DA GRANDE MAIORIA DA POPULAÇÃO.

  32. Na verdade o que estão testando é a capacidade do Sistema Democratico Republicano e suas Instituições resistirem às pressões do povo e manter a Corrupção reinando. Já testaram o Bolsa familia, a corrupção venceu, já testaram o Legislativo, a corrupção venceu, já testaram o Judiciario, a corrupção venceu ! Se as forças garantidoras do direito , policias, PMs e Forças Armadas, vencerem e dobrarem o povo então chegou a hora do Golpe bolivariano ! Noticiam na Midia corrompida mas, intrigante no que lhes convem, que ontem no RJ, atearam fogo ao Clube Militar e à Embaixada americana, atribuindo como prova de que os movimentos são comunistas. Fazem como o Nazismo, o nacional socialismo alemão, que plantava seus P2 na baderna e depois culpavam os comunistas. O que houve ontem no Rio foi como crianças peraltas que querem chamar a atenção dos pais e aprontam das suas, como se perguntassem: Cadê os Militares ? Cadê os defensores históricos da Liberdade ? Cadê vocÊs? Ja se corromperam tambem, nos contratos de Petroleo, Nos juros Bancários? Nas compra de Aviões ? São os ultimos apelos de um povo contra a ditadura que se aproxima contra as quais lutará com as próprias mãos ! Mas aí jánão será fogo nas portarias só, 100.000 , 200.000 atearão fogo nos prédios todos, ou acham que 100.000 não poderiam fazer isto ontem mesmo?

  33. Concordo com o seu texto. Mas não há risco de golpe militar e, sim, da extrema -esquerda. Quanto aos comentários, acredito que os traficantes estão adorando a bagunça e o desgaste da PM. Mas quem sustenta o movimento são os pais dos filhinhos.

  34. Nelson – Niteroi – RJ. Você tem o democrático direito de responder e eu o acolho democraticamente respondendo: Para o bom entendedor MEIA PALAVRA BASTA. A minha curiosidade deixou de existir depois de ler sua ameaça: Isso é só o começo. (Parafraseou o que disse o deputado Marcelo Freixo também conhecido como Marcelo Frouxo) Mais ainda depois que na sua resposta você quis logo registrar que eu usava palavras para desqualificar o deputado. Se no Brasil houvesse casa de apostas como existe na Inglaterra eu apostaria que o senhor é do psol. Como não existe fico com minhas convicções. Mesmo assim digo: Não fui eu que o chamou de FROUXO. Foi na própria Assembléia Legislativa que o chmaram e COM RAZÃO. Ele criou uma CPI que com a assinatura da maioria dos deputados pôs na cadeia deputados e milicianos e todos ficamos admirados com a corágem do deputado. Acontece que ele diz ter recebido telefonemas com ameças a sua vida( NENHUM DOS DEPUTADOS QUE ASSINOU A CPI FOI AMEAÇADO). Para encurtar: Marcelo pediu e recebeu PASMEM! PASMEM! PASMEM! 18 (dezoito) PMs para sua segurança. Na ponta do lápis um pelo outro o Estado gasta no mínimo 10 mil reais com um PM. Salário, refeição, passagens, alojamento, médico, fadamento incluindo a manutenção de armamento sem falar em viaturas para conduzir os seguranças do deputado. Falo em 10 mil; na verdade é muito mais. Dezoito X 10 mil são CR 180,000,00 ( cento e oitenta mil reais) que os cidadãos do Rio de Janeiro pagam para fazer a segurança do deputado Marcelo Freixo. Uma segurança quase igual a de Obama. O deputado tem mesmo de ser chamado de Marcelo Frouxo, porque ele é frouxo. Dezoito PMs é segurança para Frouxo. Para o deputado Marcelo Freixo bastaria uma segurança normal. Já pensou se os que assinaram a CPI pedissem 18 PMs para suas seguranças? Seriam 1.260 PMs. Vai devagar Nei aqui A MADEIRA É DE DAR EMJ DOIDO.

  35. Pra não dizer que eu não falei de flores,o povo precisa de carinho,chega de porrada.Felizmente ninguém suporta mais,corrupção,trens cheios ,ônibus superlotados,a cara desses políticos corruptos com a maior cara de pau dizer que o Brasil precisa de educação e saúde, ,dois mil super salários na câmara,outros tantos no senado.Senhores, que puta país é esse que mesmo assim ainda consegue crescer.Vamos nos unir e dar um basta nessa pouca vergonha,votando no ano que vem em candidatos no mínimo decentes. Devemos fazer uma grande revolução moral neste país,Essa mudança tem que acontecer não só pelos jovens, porém por toda a sociedade.Vamos embora que esperar não é saber quem, sabe faz a hora não espera acontecer.

  36. Eu sou aqui de São Paulo, e estava em meu carro na avenida Paulista no fatídico dia 13/05/2013 (quinta-feira) quando ocorreu o grande tumulto entre polícia e manifestantes explodindo protestos pelo país inteiro. Assim como vc, que mora perto dos acontecimentos, eu posso falar do que eu vi com os meus próprios olhos, “a polícia causou a confusão”.
    Desde então eu venho acompanhando a escalada da violência nos protestos, cheguei a conhecer não sabia) a história dos blck blocs etc.
    Penso como você, o sentimento de raiva é legítimo, eu mesmo rezei uns 10 pai nossos naquele dia para não jogar o meu carro contra um grupo de PMS que batiam sem necessidade em pessoas indefesas, mas tb acredito que a violência é perigosa e pode desencadear em coisas piores.
    Vc citou Gandhy e eu cito Paulo Freire, mais especificamente a Pedagogia dos Oprimidos. A Polícia é uma classe oprimida, pois ganha muito mal, não tem direitos trabalhistas e chega a viver o cúmulo de ter que pagar para arrumar o carro em que trabalha mas, por outro lado, tem poder de fogo e é autoridade. Já o cidadão comum não anda menos oprimido, e tem a massa como poder. A briga é boa, e ineficaz, pois não atinge o objetivo maior que é o de fazer os governantes tomarem vergonha na cara.
    Não ligo para vidro de banco não, mas credito que é preciso pensar com mais malandragem. Já que os black blocs gostam de incorporar arte de guerrilha, eles deveriam rever táticas de mestres no assunto como o Vietnã. Lá, eles seguraram com força, mas agiram com malícia. Seu maior golpe foi conseguir convencer o povo norte americano de que seu governo não estava fazendo uma coisa justa. Isso mesmo, eles conseguiram convencer o povo americano a ir contra sua própria guerra.
    Guerra é meio, e não fim, e não vale a pena deflagra-la atoa.
    Se defender – justo.
    Quebrar a torto e direito – pouco estratégico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *