Vexame! Facebook e Instagram derrubam live em que Bolsonaro associou Aids à  vacinação

Cientistas e políticos reagem a mentira dita por Bolsonaro sobre vacinas -  Politica - Estado de Minas

Bolsonaro fala à nação para espalhar mais uma fake news

Renata Galf
Folha

Na noite deste domingo (24), o Facebook derrubou a live semanal do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) transmitida na última quinta-feira (21). O vídeo não está mais disponível nem no Facebook nem no Instagram.

De acordo com porta-voz da companhia, o motivo para a exclusão foram as políticas da empresa relacionadas à vacina da Covid-19. “Nossas políticas não permitem alegações de que as vacinas de Covid-19 matam ou podem causar danos graves às pessoas.”

COVID E AIDS – Em sua live semanal, Bolsonaro leu uma suposta notícia que alertava que “vacinados [contra a Covid] estão desenvolvendo a síndrome da imunodeficiência adquirida [Aids]”.

Médicos, no entanto, afirmam que a associação entre o imunizante contra o coronavírus e a transmissão do HIV, o vírus da Aids, é falsa, inexistente e absurda.

Jamal Suleiman, infectologista do Instituto de Infectologia Emilio Ribas, destaca que as vacinas da Covid não utilizam nenhum fragmento de HIV em sua composição. Denise Garrett, epidemiologista e vice-presidente do Instituto Sabin (EUA), reforça: “Não tem nenhuma possibilidade ou plausabilidade dessas vacinas fazerem isso. A afirmação é absurda e anticientífica.” ​

UMA VERGONHA – Esta é a primeira vez que a empresa remove uma live semanal do presidente. Até hoje o Facebook só tinha derrubado um post de Bolsonaro relacionado à pandemia: um vídeo de março de 2020 em que ele citava o uso de cloroquina para o tratamento da doença e defendia o fim do isolamento social.

Apesar de o presidente reiteradamente espalhar desinformação em suas lives, as demais não foram excluídas pelo Facebook. Segundo a Folha apurou, a exclusão desta vez ocorreu porque a fala do presidente foi considerada taxativa pela empresa.

Em março, reportagem da Folha mostrou que Bolsonaro violou a política do Facebook sobre Covid-19 ao menos 29 vezes até então, apenas em 2021. Em 22 dos casos, isso ocorreu em suas lives às quintas-feiras.

ENVIO AO SUPREMO – Neste domingo (25), o senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) fez requerimento em que pede à CPI da Covid que envie o inteiro teor desses fatos ao ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal). O parlamentar quer que o assunto seja incluído no inquérito das fake news, tocado por Moraes.

“Trata-se de uma das diversas ocasiões em que o chefe do executivo federal vem espalhando notórias fake news, criando grandes obstáculos ao enfrentamento da pandemia”, diz o requerimento.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
É um vexame internacional. Infelizmente, foi eleito um presidente despreparado e que não tem o menor respeito aos homens de ciência, como se dizia antigamente. (C.N.)

15 thoughts on “Vexame! Facebook e Instagram derrubam live em que Bolsonaro associou Aids à  vacinação

  1. Se arrependimento matasse!
    No entanto muitos dos arrependidos além de terem votado em Bolsonaro participaram ativamente para a difusão de Fake News que na época pareciam ser apenas contra o PT. AÍ eram
    “úteis”.

  2. NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG – É um vexame internacional. Infelizmente, foi eleito um presidente despreparado e que não tem o menor respeito aos homens de ciência, como se dizia antigamente. (C.N.)

    Dá Série.; “Eu Avisei””.

  3. O maluco e maligno, está fazendo de tudo pra ser chutado da presidência.

    E não chutam porque?

    Porque tá todo mundo mamando fortunas com a insanidade do demônio.

    O inferno nunca distribuiu tanta grana!!

    Se na próxima live de quinta feira o demônio gritar :

    O POVO BRASILEIRO É UMA CAMBADA DE OTÁRIOS!!!

    Nada vai acontecer.
    A grana fala mais alto e vão passar pano pro insano.

    Tudo isso é obra da Madame M; levar o ex morador do Vivendas da Barra (pesada) da casa 58, à loucura!

    Ninguém dorme no Palácio mal assombrado de Brasília.
    Essa gente não tem um minuto de paz. Oh, delícia!!

    JL

  4. A EVOLUÇÃO, RPL-PNBC-DD-ME, A MEGA-SOLUÇÃO, VÊ E MOSTRA, aquilo que a Mídia, a Globo e CIA não conseguem ver e nem mostrar ao distinto público, posto que preocupadas apenas em puxar as brasas da opinião pública da ora para as respectivas sardinhas dos seus respectivos pupilos, ao que parece. O PROBLEMA DO BRASIL não é o Brasil , não é o povo brasileiro e não é a economia que, aliás, não obstante todos os desastres políticos, sangrias desatada$, corrupção, roubalheira e afin$, continua sendo uma das dez mais pujantes do mundo. A ver meu ver, inserido na RPL-PNBC-DD-ME, a Evolução, a Mega-Solução, o problema do Brasil é isto sim a república do militarismo e do partidarismo, politiqueiro$, e seus tentáculos, velhaco$, que aí estão há 131 anos, com prazo de validade vencido há muito tempo, ao que parece, transpirando decadência terminal por todos os seus poros, sendo devorada pela autofagia da corrupção e da roubalheira do dinheiro público instalada em Brasília, enquanto Ilha da Fantasia do sistema apodrecido. Portanto, é na organização do estado brasileiro e da política que a roda do carro da história está pegando. Urge separarmos o joio do trigo, ou o trigo do joio, como queiram. Uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa, com já dizia Farinácio. Uma coisa é o Brasil, o trigo, que continua firme, forte e rijo, com os nossos irmãos nordestinos cuidando do nordeste, e muito bem, com louvor, fazendo das tripas coração para não deixar a peteca cair, com os nossos irmãos da região norte fazendo a sua parte, segurando as pontas e aguentando todos os trancos, cuidando daquela imensa região, idem em relação ao sul, sudeste, centro-oeste, distrito federal e afins, à moda o Brasil é nosso, ninguém tasca e boi na lambe, outra coisa é a república aparentemente exaurida, sediada em Brasília, tipo Ilha da Fantasia do sistema apodrecido dos me$mo$, isolada do resto do Brasil e do povo brasileiro largado pela dita-cuja à própria sorte e lembrando apenas de 4 em 4 anos, à moda copa do mundo. República essa, aliás, pródiga em maus exemplos que chegam a corar de vergonha o povo brasileiro, infeliz e desgraçadamente. E é ai que a roda do carro da história está pegando. E o ideal é que todos e todas que se arrisquem a escrever, debater ou discursar sobre o Brasil e o povo brasileiro que se proponham antes de tudo a separar o joio do trigo, para início de conversa, para não confundir as estações, inclusive para não induzir o povo a novos erros, valendo lembrar que seriam de grande utilidade se pelo menos sugerissem o que fazer pelo Brasil, doravante, de modo a torná-lo melhor para todos e todas, até para preenchermos essa imensa lacuna deixada pelo militarismo e o partidarismo, politiqueiro$, e seus tentáculos, velhaco$, manipuladores, que decerto imaginam que o povo brasileiro vive de apenas golpes e eleições tipo 171, enganosas, recheadas de fake news, mentiras e enganações, que, vira e mexe, à direita, à esquerda e ao centro, terminam sempre em mais dos me$mo$: blá-blá-blá, gogó, trololó, enriquecimentos espúrios abomináveis, ilusões vãs, frustrações, perda de tempo, tempo perdido…, e nada de borogodó que, aliás, sempre resta relegado às calendas gregas pelos me$mo$. Mas isso a mídia não vê e nem mostra, ao distinto público, não é mesmo ? Tá certo isso, Arnaldo ? https://noticias.uol.com.br/colunas/balaio-do-kotscho/2021/10/23/aonde-foi-parar-aquele-povo-que-estava-aqui-o-brasil-desistiu-do-brasil.htm?fbclid=IwAR0UwQnrnXLL4HdsXcRgY39HRspOihenukZe2-eaiNCkoFZG-zFASfaLmbk

  5. Sr. Carlos Newton,
    Onde vamos parar?

    https://www.google.com/url?sa=t&source=web&rct=j&url=https://revistaforum.com.br/politica/michelle-quer-ser-senadora-quando-acabar-mandato-de-bolsonaro-diz-colunista/amp/&ved=2ahUKEwi4iKyCj-bzAhUgpZUCHdB8BnkQFnoECAQQAQ&usg=AOvVaw3zgTbzebK6ti7NvIu1PSmd&ampcf=1

    Por favor, coloque essa reportagem aqui na Tibuna.
    Tenho certeza que acompanhada da sua impagável NR. será uma festa!!
    Um forte abraço,
    José Luis.

    P.S. Essa gente não pode ver melado… sao piores que os ursos!
    rsrs…

  6. Bolsonaro não é bobo, comentou uma matéria sobre vacinas e aids, publicada pela revista VEJA, para provocar idiotas, desmascarar o jornalismo hipócrita e ser censurado pelas big-techs.

    É risível a alegria e a vibração de certos jornalistas com a censura imposta ao Presidente da República por uma rede social. Os manés não percebem que quanto mais Bolsonaro for censurado mais será visto como vítima do progressismo corrupto e degenerado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *