“Wall Street Journal” diz que câncer de Chávez é mais grave do que se divulga.

Carlos Newton

O jornal norte-americano “Wall Street Journal publica que documentos confidenciais apontam que o câncer do presidente venezuelano, Hugo Chávez, se espalhou para os ossos e é mais agressivo do que seu governo divulgou. Um relatório elaborado por uma agência de inteligência europeia, ao qual o jornal teve acesso, indica que exames médicos apontaram um “crescimento significativo” das células cancerígenas de Chávez. Documentos de outra agência de inteligência apontariam a mesma conclusão.

De acordo com o jornal, as informações – baseadas em entrevistas com pessoas que têm acesso à equipe médica de Chávez – devem aumentar os recentes rumores de que o presidente, no poder desde 1999, não estaria em condições de se candidatar à reeleição em outubro.

O governo venezuelano nega as informações, e diz que apenas o próprio Chávez está autorizado a falar sobre sua saúde.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *